Avalanches podem assolar as mesmas montanhas de vez em quando, mas raios raramente atingem o mesmo local duas vezes. “Downhill“, o remake em inglês de “Força Maior”, de Ruben Östlund, faz o possível para fazer justiça ao material original, mas os resultados são tão pálidos quanto a neve em comparação. 

Aqui, Julia Louis-Dreyfus e Will Ferrell são Billie e Pete Staunton, um casal americano que está definitivamente fora de sua fase de lua de mel e tentando tirar o máximo proveito de uma viagem para esquiar nos Alpes. Apesar da ocasião, Pete permanece distante o tempo todo, constantemente checando seu telefone e invejando a vida de seu amigo mais novo, Zach (Zach Woods). Quando uma avalanche envolve a varanda de um restaurante onde a família está descansando e Pete abandona brevemente sua esposa e filhos ao caos, a fratura da família fica exposta e o casal deve enfrentar seus problemas de frente. 

No centro da história, o drama familiar dos Stauntons se transforma em uma jornada dupla desconfortável para atores incríveis. Louis-Dreyfus e Ferrell – comediantes de alto nível que compartilham uma história de interpretar personagens maiores do que a vida – apresentam algumas de suas performances mais contidas aqui. 

Entre os dois, a estrela de “Veep” assume o papel mais denso e o arco narrativo de Billie permite que ela explore uma gama mais ampla de emoções do que o personagem de Ferrell. Atuando como agente provocadora, a maluca gerente de hotel Charlotte (Miranda Otto) é uma ótima fonte de humor, apesar de ser relativamente solitária na função. 

PARA FAZER HOLLYWOOD REFLETIR 

Se o espectador casual assistir “Downhill” sem antecedentes, ele poderá se divertir, dependendo da tolerância ao humor estridente. Os diretores Nat Faxon e Jim Nash imitam a aura de seu antecessor com algum sucesso e, na maioria das vezes, se desenrola como a comédia de arte européia na qual se baseia. 

No entanto, a semelhança com “Força Maior” impede que a comparação seja deixada de lado. A acidez e o puro desconforto dos escritos de Östlund são consideravelmente reduzidos para o grande público. Os golpes não são tão fortes e não parece haver nenhuma razão explícita para esse projeto ser feito – especialmente considerando o quão bem o filme sueco indicado ao Oscar abordou esse conto de falta de comunicação, sofrimento conjugal e masculinidade frágil seis anos atrás. 

À medida que o streaming amplia o apelo global por produções em língua estrangeira como nunca antes, com algumas delas ganhando grande reconhecimento popular, Hollywood repensará seu modelo antiquado de remakes sem sentido em inglês? Só o tempo irá dizer. Enquanto isso, “Downhill” permanece como um filme que, embora não seja exatamente ruim, não diz nada de novo e cuja memória derrete rapidamente. 

‘Noturno’: parceria Amazon/Blumhouse segue em ritmo morno

Você já parou para pensar nos sacrifícios que musicistas, artistas e atletas passam por amor à profissão? Quantas horas passam treinando e quantas atividades, que são comuns para nós, não deixam de vivenciar para focar em seus objetivos? Tudo isso, acompanhado de um...

‘Never Gonna Snow Again’: curiosa história de um super-herói do leste europeu

De uma terra desolada pela radiação, um viajante chega a uma cidade e, com estranhos poderes, se dedica a mudar a vida de seus habitantes. "Never Gonna Snow Again", drama polonês exibido no Festival de Londres deste ano, pode não pertencer à franquia da Marvel ou da...

‘Kajillionaire’: Evan Rachel Wood emociona em pequeno tesouro

Uma tocante história sobre crescer e achar aceitação longe do núcleo familiar, "Kajillionaire", novo filme de Miranda July (“O Futuro”, “Eu, Você e Todos Nós”) é um projeto tematicamente ousado que confirma sua diretora como uma voz única no cinema independente...

‘Fita de Cinema Seguinte de Borat’: melhor síntese do louco 2020

E eis que, do nada, ele retorna... Borat Sagdiyev, o antissemita e machista ex-segundo melhor jornalista do Cazaquistão, ressurge num mundo bem diferente daquele no qual ele um dia foi um fenômeno, no já distante ano de 2006. O primeiro Borat, uma produção baratíssima...

‘Shirley’: drama explora toxicidade de relacionamento com show de Elisabeth Moss

Um passeio heterodoxo pelos bastidores do processo criativo, "Shirley" usa o cenário de um filme de época como pano de fundo de um drama cáustico. O longa de Josephine Decker, que estreou no Festival de Sundance e foi exibido no Festival de Londres deste ano, mostra...

‘On The Rocks’: ótima Sessão da Tarde para cults de plantão

Pai e filha se unem para uma dose de espionagem familiar em "On the Rocks", novo filme de Sofia Coppola (“Encontros e Desencontros”, “O Estranho que Nós Amamos”). Depois de estrear no Festival de Nova York no mês passado, o filme agora é lançado mundialmente na Apple...

‘Rose: A Love Story’: terror claustrofóbico ainda que previsível

Um casal que vive no meio do nada coloca seu amor à prova da maneira mais brutal neste horror psicológico britânico. Apesar de suas deficiências narrativas, "Rose: A Love Story" - que teve sua estreia mundial no Festival de Cinema de Londres deste ano - é um...

‘Sibéria’: viagem fascinante pelo nosso abismo interior

Há muitos lugares onde é possível se perder, mas talvez o mais profundo e remoto deles seja dentro de si mesmo. "Sibéria", novo filme de Abel Ferrara que estreou na Berlinale e foi exibido no Festival de Londres deste ano, é uma viagem lisérgica que pede muito do...

‘Os Sete de Chicago’: drama de tribunal eficiente com elenco fabuloso

“Isso é um julgamento político”. Essa afirmação feita por Abbie Hoffman (Sacha Baran Cohen), e notoriamente ignorada por seus companheiros de defesa nos fornece o tom de “Os Sete de Chicago”, filme de Aaron Sorkin disponível na Netflix. A produção se baseia em um dos...

‘Sertânia’: cinema como luta e resistência às agruras do sertão

Que a idade não é impeditiva para grandes diretores seguirem fazendo trabalhos excelentes a cada ano não é novidade – Manoel de Oliveira e Martin Scorsese, talvez, sejam os casos mais exemplares nos anos 2010. Porém, aos 81 anos, Geraldo Sarno, figura fundamental para...