A Artrupe vai oferecer um Curso de Direção para Curtas-Metragens, ministrado por Diego Bauer, nos dias 8, 9, 10, 15, 16, 17 de outubro, no Vila Hub Coworking (Av. do Sol, Aleixo), sempre de 19h às 22h. A carga horária é de 18h.

O curso é voltado para novos cineastas que estão em busca de realizar seu primeiro filme, ou realizadores que já fizeram seus primeiros trabalhos e gostariam de orientações teóricas e práticas para avançarem no domínio da linguagem cinematográfica, bem como técnicas para que suas produções tenham maior circulação e trajetória em festivais.

As aulas serão ministradas pelo diretor, roteirista e ator Diego Bauer. Atuante na área cultural de Manaus desde 2009, e com a Artrupe a partir de 2012, o diretor amazonense acumula experiência na área tendo dirigido 3 curtas-metragens, 1 videoclipe, 1 série para TV (Boto, a ser veiculada nas TVs públicas brasileiras a partir do último trimestre de 2018), 1 assistência de direção para o longa-metragem “A Febre”, além de escrever sobre cinema para o site Cine Set desde 2013.

“Nesse curso vou acessar experiências que tive nos últimos anos, em que tive a oportunidade de conhecer ótimos profissionais do cinema brasileiro, e pude entender de maneira mais aprofundada uma lógica de produção, e de pensar cinema, que é totalmente ligada às nossas condições financeiras e de mão de obra. Minha proposta é apresentar para os alunos uma maneira própria de colocar em prática as suas ideias, de uma maneira exequível, mas que ao mesmo tempo desenvolva o potencial criativo dos alunos”, explica o ministrante do curso, Diego Bauer.

Bauer conta ainda que o curso, além de ensinar conceitos e técnicas de direção, também tem como objetivo expandir o olhar dos alunos para a produção brasileira contemporânea, mostrando caminhos para que os realizadores locais se insiram numa lógica de produção que gere continuidade, tanto na circulação desses filmes, como também para a carreira desses cineastas: “Em 2017 pude dirigir uma série, coordenando dezenas de profissionais, e também fiz assistência de direção numa co-produção Brasil/França. Pude observar de perto as técnicas de filmagem, decupagem, produção, atuação, distribuição de alguns trabalhos, e vi o quanto temos em Manaus um potencial inexplorado. Temos histórias únicas aqui, que certamente renderiam ótimos filmes, seja pelo aspecto regional ou urbano, e que poderiam ter ótimas trajetórias em festivais nacionais e internacionais. Porque mais do que ensinar técnicas de como fazer um filme, é interesse do curso que esses filmes possuam uma estética que os habilitem a circular em festivais, possuam trajetória. Isso vai ter atenção especial na metodologia de ensino”, conclui.

O investimento para o Curso de Direção para Curtas-Metragens é de R$ 500, em até 3x no cartão de crédito, débito ou dinheiro. As vagas são limitadas. Para se inscrever no curso, ou para mais informações, basta mandar um email para artrupe.producoes@gmail.com, ou entrar em contato com a fan page da Artrupe nas redes sociais.

com informações de assessoria

Facebook Comments