Perto de completar 90 anos, Fernanda Montenegro segue sem diminuir o ritmo de trabalho. Muito pelo contrário: a atriz será a protagonista de “A Vida Invisível”, de Karim Aïnouz (“O Abismo Prateado”, “Praia do Futuro”). O longa com produção da RT Features ainda conta no elenco com Carol Duarte, Cristina Pereira e Júlia Stockler. As informações são do jornal Folha de São Paulo.

Baseado no romance escrito por Martha Batalha, “A Vida Invisível” se passa no Rio de Janeiro dos anos 1950. As irmãs Guida e Eurídice são como duas faces da mesma moeda– duas irmãs apaixonadas, cúmplices, inseparáveis. Eurídice, a mais nova, é uma pianista prodígio, enquanto Guida, romântica e cheia de vida, sonha em se casar e ter uma família. Um dia, com 18 anos, Guida foge de casa com o namorado. Ao retornar grávida, seis meses depois e sem namorado, o pai, um português conservador, a expulsa de casa de maneira cruel. Guida e Eurídice são separadas para sempre e passam suas vidas tentando encontrar uma a outra, como se só juntas fossem capazes de seguirem suas vidas. Fernanda Montenegro vai interpretar Eurídice Gusmão.

As gravações acontecem na zona norte do Rio de Janeiro, região onde, há 20 anos, Fernanda Montenegro fez “Central do Brasil”. “O filme fala da luta para existir, mas, sem ser panfletário ou demagógico”, disse, negando que o filme seja feminista. Além de “A Vida Invisível”, a atriz está escalada em outros três projetos para os cinemas: “Piedade”, de Cláudio Assis, “O Juízo”, de Andrucha Waddington, e “Ghost of Lina Bo Bardi“, de Isaac Julien.

Facebook Comments