O drama francês “120 Battements per Minute” recebeu o Grande Prêmio do Júri do Festival de Cannes. A honraria é a segunda mais importante do evento, perdendo apenas para a Palma de Ouro. A cerimônia de premiação acontece na tarde deste domingo com o júri presidido por Pedro Almodóvar.

Dirigido por Robin Campillo, “120 Battements per Minute” se passa na França do início dos anos 1990. O grupo ativista Act Up está intensificando seus esforços para que a sociedade reconheça a importância da prevenção e do tratamento em relação a Aids, que mata cada vez mais há uma década. Recém-chegado ao grupo, Nathan (Arnaud Valois) logo fica impressionado com a dedicação de Sean (Nahuel Pérez Biscayart) junto ao grupo, apesar de seu estado de saúde delicado.

Lucas Jardim analisou o filme no Cine Set e deu, até agora, a melhor nota da cobertura do Cine Set em Cannes. Leia a crítica clicando aqui.

Facebook Comments