Finding Dory“, animação da Pixar relacionada ao sucesso “Procurando Nemo”, teve algumas novidades do roteiro reveladas durante o Festival de Cannes, na França. De acordo com John Lasseter, o chefe de criação da Pixar, o filme da peixinha esquecida não se passará antes da trama de “Procurando Nemo” e seguirá a história dela e do peixe-palhaço Marlin.

A trama seguirá após seis meses dos eventos vistos no filme original, que terminou com Dory, Marlin e Nemo juntos. A sequência focará em Dory aprendendo sobre os instintos migratórios e partindo em busca de sua família. Ellen DeGeneres novamente emprestará sua voz para a personagem. Os pais de Dory serão dublados pelos atores Diane Keaton e Eugene Levy. Dentre os personagens que retornam à trama estão Gill (Willem Dafoe).

Jim Morris, presidente da Pixar, também informou a uma publicação portuguesa que boa parte do filme de Dory não se passará no oceano, e sim num instituto de pesquisa de vida marinha na Califórnia. Apesar de ainda não ter sido divulgado nenhum tipo de arte conceitual da animação, a promessa é que o filme estreie em junho de 2016.

Facebook Comments