Gael García Bernal prepara o segundo filme da carreira como diretor. Considerada uma comédia com muito humor negro, “Chichuarotes” se passa nos arredores da Cidade do México e acompanha jovens com o intuito de progredirem economicamente na vida.

Sobre “Chichuarotes“, o ator/diretor resolveu ser misterioso. “Tudo o que posso dizer de forma ampla é que é sobre as crianças e que o lago é um paraíso; é um lugar incrível com o axolotl”, disse Bernal. O axolotl é uma salamandra antiga de aparência estranha com uma cabeça chata e os pés cravados.

A estreia de Bernal atrás das câmeras aconteceu em 2007 com “Déficit“. Outro projeto do ator mexicano como diretor foi a participação na compilação de curtas-metragens chamado “8“.

Durante uma masterclass em um evento em Doha, Gael García Bernal falou sobre a preferência dele em permanecer fazendo filmes no México em vez de se mudar para os EUA no auge do sucesso de “Amores Brutos” e “E Sua Mãe Também”. “Minha decisão foi fácil. Eu percebi que não precisava viver nos Estados Unidos para trabalhar lá. E que filme por Hollywood bateria “Diários de Motocicleta?”, argumenta.

Facebook Comments