Com lançamento previsto para ocorrer no Festival de Veneza, “Suburbicon” perdeu um dos grandes nomes do elenco na sala de edição. O diretor George Clooney precisou cortar a participação de Josh Brolin do projeto. As informações são do site The Playlist.

Clooney explicou o motivo da retirada da presença do ator conhecido por filmes como “Onde os Fracos Não Têm Vez” e “Bush” em entrevista ao Enterteinment Weekly. “Gravamos umas cenas muito divertidas com Brolin interpretando um técnico de beisebol. Mas, depois, da nossa primeira versão, a única coisa que ficou bem clara para mim era que estes trechos estavam destoando em relação à tensão do projeto. Eu tive de escrever um recado horrível onde apenas disse ‘você não vai acreditar, mas, estas cenas não funcionam mais’. Ele se sentiu mal e achou que tinha feito algo de errado. Aí, eu disse: ‘te mandei as cenas, como pode ver, eram as duas cenas mais engraçadas do filme’. Lembro de não acreditar no que iria fazer na sala de edição. Lembrei do que houve em “Além da Linha Vermelha” em que fiz diversas cenas e o Terry (Malick) ligou para mim dizendo que muitas delas estavam de fora”, declarou.

Com Matt Damon, Julianne Moore e Oscar Isaac no elenco e roteiro de Joel e Ethan Coen, “Suburbicon” acompanha o mistério de um crime envolvendo uma família durante a década de 1950, onde o melhor e o pior da humanidade é refletido através dos atos de pessoas aparentemente comuns. Quando uma invasão de domicilio se torna mortal, uma família de imagem perfeita se submete à chantagem, vingança e traição.

Facebook Comments