O James Bond interpretado por Daniel Craig é aquele que mais consome álcool por filme desde o início da franquia, de acordo com um estudo realizado pela revista especializada “The Grocer”.

O famoso espião foi interpretado por outros cinco atores, mas nenhum bebia tanto, uma média de 20 doses por filme, diz a revista britânica.

Sean Connery bebeu metade (11 doses) desde sua estreia em “Dr. No”, em 1962. George Lazenby chegou a 9 doses em sua única interpretação do papel, em “A Serviço de Sua Majestade”, antes de Roger Moore aumentar a dose para 11 unidades por filme.

Timothy Dalton foi o mais sóbrio, com 4 ou 5 doses por filme, mas o álcool começou a fluir livremente com Pierce Brosnan, com 12 doses por filme.

A revista vê o peso predominante dos patrocinadores como algo decisivo na mudança. Assim, o novo filme da série James Bond, “Spectre”, que terá estreia mundial em 6 de novembro, deve apresentar várias doses de vodca, uma vez que uma famosa marca está patrocinando o longa.

“A parceria com 007 pode ser lucrativa para grandes marcas”, diz a revista. O consumo de gim aumentou no Reino Unido desde que Daniel Craig abandonou seu tradicional vodca martini pelo vesper martini, com gim, vodca e vermute, ao estrear no papel em 2006, em “Casino Royale”, segundo a “The Grocer”.

da Agência France Press

Facebook Comments