Quentin Tarantino é, sem dúvida, um dos melhores diretores americanos da atualidade. Mesmo sendo capaz de reunir grandes atores em suas produção, isso não o impede de perder a paciência e dar aquela bronca nas estrelas de Hollywood. Jamie Foxx que o diga em “Django Livre”.

Em entrevista a uma rádio americana, o ganhador do Oscar por “Ray” revelou que levou uma senhora bronca de Tarantino logo na primeira leitura do roteiro. “Que p… foi essa? Eu sabia que teria esse tipo de problema. Toda essa m… você tem que ser a p… de um escravo! Ele é um escravo. Ele não é legal. Ele é um escravo. Ele não sabe ler. Você chega aqui com a p… da sua mala Louis [Vuitton] e o seu Range Rover. Ele não é o Jim Brown [lendário jogador de futebol americano]. Ele é a p… de um escravo. E depois, somente depois, ele se torna um herói. Para de fazer essa m..”, disse Tarantino, segundo Foxx.

Mesmo assim, o astro disse não guardar mágoa do diretor e afirmou que trabalharia com Tarantino sempre que possível.

Facebook Comments