ALERTA: notícia contém SPOILERS

Se a Marvel Studios é hoje um sonho de consumo para qualquer grande ator em Hollywood participar de um produção bem-sucedida, saiba que nem sempre foi assim. Jeff Bridges passou por maus bocados ao viver o vilão Obadiah Stane no primeiro “Homem de Ferro”. O premiado ator revelou um detalhe curioso sobre o destino do personagem em entrevista ao site Uproxx.

Jeff Bridges conta que, ao ser contratado, Obadiah Stane não morreria, porém, na hora de gravar, não foi bem assim. “Quando assinei, o personagem sobrevivia. Eles abriam a minha armadura e eu tinha sumido. Mas, quando ele foram gravar a cena, não abriram! Eu perguntei: ‘vocês não vão abrir a armadura?’. Eles disseram: ‘não’. Eu falei: ‘você vão matá-lo?’. E eles disseram: ‘Bem, é uma história em quadrinhos. Você pode voltar. Quem sabe?'”, revelou o ator.

A declaração de Bridges se junta a outras concedidas ao longo dos últimos anos mostrando o caos que reinava no filme. Em 2009, por exemplo, ele revelou que não sabia as falas do próprio personagem, pois, elas eram criadas em cima da hora da gravação. Independente de organização ou não, “Homem de Ferro” faturou US$ 318 milhões nas bilheterias e abriu o caminho para o domínio da Marvel Studios nos cinemas mundiais.

Facebook Comments