O suspense “Miss Sloane” traz Jessica Chastain como uma lobista do mercado de armas dentro do Senado americano. O filme com direção de John Madden está com estreia prevista para os cinemas americanos no dia 9 de dezembro deste ano. Isso significa que a produção deve entrar na disputa do Oscar 2017. As informações são do site Entertainment Weekly,

A produção utiliza a Segunda Emenda da Constituição Americana, a qual se refere ao direito do cidadão dos EUA em manter e portar armas, como ponto de partida para o debate. Segundo Madden, “Miss Sloane” utiliza “Spotlight” como referência na abordagem do tema e contém um grande número de reviravoltas semelhantes a “House of Cards”.

“Nosso filme é sobre a busca de um objetivo e as pressões que são exercidas, e é adequadamente emocionante de maneiras que você não espera. Isso tudo sempre atento às pessoas que trabalham neste mundo “, declarou Madden. Para Jessica Chastain, o controle de armas é assunto delicado nos EUA pelo fato das pessoas temerem algum tipo de confisco dos direitos civis. “E as pessoas podem achar que o filme é uma possível semente para movê-las para uma determinada linha de pensamento sobre o assunto. Mas, não é”, declarou.

Facebook Comments