Em entrevista ao programa de TV “Good Morning America”, o ator Liam Neeson anunciou que está pretendendo uma guinada na carreira para breve. Neeson estava no programa para divulgar seu novo filme, mais um thriller de ação intitulado “Run All Night”, e afirmou que pretende abandonar os filmes de ação que marcaram os últimos anos da sua carreira.

O ator irlandês de 62 anos, ao ser perguntado por quanto tempo mais se via perseguindo bandidos com uma arma em punho, disse: “Talvez mais uns dois anos… Se Deus me ajudar e eu me manter saudável. Mas depois disso vou parar [com os filmes de ação]. Acho que, no tocante à minha carreira, estou num ótimo lugar no momento. Depois do sucesso dos filmes ‘Busca Implacável’, Hollywood passou a me ver de outra maneira. Me mandam muitos roteiros orientados à ação, o que é ótimo e não estou reclamando. Mas há um limite para isso, claro”.

» Veja também: Busca Implacável 3 traz tantos furos e situações implausíveis que diverte pela cara de pau

Liam Neeson era um ator conhecido por seus filmes dramáticos – foi até indicado ao Oscar pelo seu trabalho em “A Lista de Schindler” (1993) de Steven Spielberg. Apenas ocasionalmente fazia algo voltado à fantasia, como em “Darkman” (1990) de Sam Raimi, “Star Wars Episódio I: A Ameaça Fantasma” (1999) de George Lucas, ou “Batman Begins” (2005) de Christopher Nolan. Então o sucesso de “Busca Implacável” (2008) mudou sua carreira e o ator se viu estrelando vários longas de ação e suspense nos anos seguintes, como “Esquadrão Classe A” (2011), “Desconhecido” (2011), “A Perseguição” (2012), “Battleship” (2012) e “Caçada Mortal” (2014), além das duas continuações de “Busca Implacável”.

Os próximos projetos de Liam Neeson já fogem do gênero ação: ele será visto em “Silence” de Martin Scorsese e na comédia “Ted 2”. O ator já declarou também que “Busca Implacável 3” (2014) foi o último capítulo da franquia.

Facebook Comments