“The Irishman” será a nona parceria de Martin Scorsese com Robert De Niro e será mais um filme de gângster da dupla. Porém, quem espera uma continuação ou algo que emule “Os Bons Companheiros” vai se decepcionar. E quem afirma isso é o próprio Martin Scorsese. As informações são do site The Playlist.

Segundo Scorsese, “The Irishmen” até terá aspectos de “Os Bons Companheiros” e “Cassino”, mas, isso ficará apenas na folha do roteiro.  “u acho que são diferentes, acho sim. “Os Bons Companheiros” e “Cassino” tinham um certo estilo que eu criei para eles, um estilo que está no roteiro. Fazer “Os Bons Companheiros” foi quase automático, algumas horas eu me apressava e em outras eu achava que já tinha feito tudo, porque eu tinha o filme na cabeça em termos de enquadramentos e edição. O estilo daquele filme, os cortes, os quadros, tudo isso foi planejado anteriormente, mas em “The Irishman” vai ser diferente. Além disso, os atores estão mais velhos, então existe uma atmosfera de nostalgia, da volta de um homem ao passado e as escolhas que ele teve de fazer, o que torna uma pessoa assim e o que leva alguém a se tornar um assassino profissional. É sobre amor, traição, remorso. Sobre a tristeza e a tragédia de uma vida levada dessa forma”, declarou o diretor.

Produção da Netflix, “The Irishmen” traz a história de Frank Sheeran, um matador de aluguel suspeito de participar dos assassinatos do ex-presidente dos EUA, John F. Kennedy, e do líder sindical Jimmy Hoffa. O elenco ainda conta com Al Pacino e Joe Pesci e as gravações estão previstas para terem início em agosto deste ano. A estreia deve acontecer em 2019.

Facebook Comments