Produzido ao longo dos últimos dois anos, “Máscara Vermelha” será lançado em sessão gratuita no próximo dia 8 de setembro, no Cine Teatro Guarany, localizado na avenida Sete de Setembro, Anexo ao Centro Cultural Palácio Rio Negro. Com duração de 60 minutos, o projeto é o novo filme dirigido e roteirizado por Lucas Simões, do curta-metragem “O Gato” e marca a nova fase da Lens Filmes, agora, chamada Omni Studios em co-produção com a Dream House Pictures.

“Máscara Vermelha” acompanha a história de Ivan, um homem que foi deportado para uma cidade pobre após perder a sua família e decidiu fazer justiça com as próprias mãos. A Velha Comarca está um caos, e o sequestro da jovem filha do prefeito irá levar o justiceiro Máscara Vermelha para um conflito inesperado. O elenco traz Lucas Rondon, Arthur Bulcão, Mirella Bezerra, Luiz Vitalli, Dyk Cardoso, Rebecka Albuquerque e Alina Caetano.

Segundo Lucas, a ideia para “Máscara Vermelha” surgiu ainda no Ensino Médio com o hobby de escrever histórias de ficção. “À primeira vista, é, de fato, uma história clichê. Mas este era o desafio. Transformar algo clichê em complexo e, ao mesmo tempo, original. Daí montei “Máscara Vermelha”, com 60 páginas no formato Pocket. E não tem nada haver com o filme,:  uma história que se passa bem antes. jamais pensei em levá-la para o audiovisual“, declarou.

Iniciado em 2016, o filme foi gravado em agosto e setembro de 2017 e marcou uma nova fase para a Lens Filmes. “Quando comecei a gravar, descobri que iria me mudar para Portugal. Eu tinha duas opções: ou desistia de um projeto que já estava há mais de um ano sendo feito ou nos organizávamos para gravar esse filme em dois meses. Seria o ápice da Lens. Hoje, a Lens só existe como marca. Ao chegar em Portugal, nós mudamos nossas concepções e elevamos o nível. Trabalhamos como OMNI Studios agora, temos atividade em Portugal, e planejamos levar nossos filmes para serem exibidos na Europa a partir de agora”, afirmou.

ASSISTA AO TRAILER DE “MÁSCARA VERMELHA” NO CINE SET:

Facebook Comments