Leandro Hassum vai de novo apostar na política para fazer humor e levar milhões de brasileiros para os cinemas. O comediante revelou que “O Candidato Honesto” terá uma continuação. A produção pretende fazer referência ao processo de impeachment sofrido pela presidente Dilma Rousseff e todo o caos político instalado no Brasil. As informações são do site G1.

Com previsão de estreia para próximo das eleições presidenciais de 2018, “O Candidato Honesto 2” está autorizado pela Ancine a captar R$ 6,65 milhões. “Estávamos com o roteiro pronto, mas infelizmente o Brasil, cada dia mais, cria novas versões. Certamente vamos ter que mexer no roteiro”, declarou Hassum, salientando que as gravações iniciam em outubro deste ano.

“O Candidato Honesto 2” vai trazer João Ernesto se entregando à polícia após ser acusado de corrupção. Condenado a 400 anos de prisão, ele acaba cumprindo só 4 anos da pena e é solto. Após isso, o personagem de Leandro Hassum aceita o convite de um grande partido e se elege graças à sinceridade. “Ele será uma espécie de Trump brasileiro, que fala altas bobagens na campanha e, mesmo assim, é eleito. As pessoas estão tão cansadas da política que elegem alguém que fala barbaridade porque, pelo menos, ele é autêntico”, afirma o roteirista Paulo Cursino. “A gente está trabalhando agora em um exercício de futurologia. Vamos falar de corrida eleitoral, mas alguém consegue desenhar uma corrida eleitoral hoje? “O roteiro está dependendo muito de como o Brasil vai ficar para ser feito”, completa.

Facebook Comments