Não há tempo a perder! Com o roteiro pronto em mãos, é necessário elaborar e formatar um projeto tanto para a captação de recursos pelas leis de incentivos fiscais quanto para a inscrição nos editais relacionados ao audiovisual. O projeto também pode ser utilizado para alguns meios de captação alternativos do modo crowdfunding (vaquinha via internet) que podem ser bem eficientes dependendo do tamanho da produção. Provavelmente ainda surgirão muitas outras formas de viabilizar um projeto audiovisual.

A concepção do projeto sob o olhar do artista pode ser algo completamente enfadonho, ou até mesmo insuportável para alguns, por não consistir num processo criativo, mas não tem como desassociar a viabilidade de uma manifestação artística sem um projeto adequado dentro da atual perspectiva da produção nacional. Em qualquer projeto audiovisual constam alguns dos seguintes tópicos: apresentação, objetivos, justificativa, cronograma, orçamento, contrapartidas, ficha técnica, carta de anuência, portfólio, currículo, etc.

A fase de pré-produção de um filme começa quando há capital disponível, mesmo que seja apenas uma parte. É bem comum quando realizamos o primeiro filme, geralmente um curta-metragem, não contarmos com o orçamento desejado para poder pagar todos os cachês das pessoas envolvidas na produção do filme. Frequentemente solicitamos uma pequena ajuda dos amigos para viabilizar o projeto, entregamos o roteiro e torcemos para que esses amigos simpatizem com a história a ponto de querer fazer parte da empreitada. Existe também o famoso ‘paitrocínio’ que pode proporcionar as condições básicas para a filmagem. Mesmo com pouco dinheiro, ou quase nenhum, é importante preocupar-se em fornecer o mínimo de condições para a equipe, o básico para que ninguém se aborreça no set de filmagem: transporte e alimentação.

Editais, crowdfunding e até mesmo o famoso ‘paitrocínio’: verba é fundamental para fazer um filme

A pré-produção é a organização de como as filmagens serão administradas. Não se faz cinema sozinho, portanto, é imprescindível contar com a disponibilidade da equipe e dos atores num determinado período para que a filmagem se torne possível.

O primeiro passo na pré-produção pode ser a elaboração da decupagem do roteiro, ou roteiro técnico, que é a definição dos tipos de planos que serão praticados pelo diretor do filme e a sua equipe. Normalmente, a decupagem é feita pelo diretor e o assistente de direção para definir a estética do filme. Em seguida, o assistente de direção prepara a análise técnica do roteiro, que consiste em listar todos os itens encontrados ou sugeridos no roteiro, desde personagens, figurinos, objetos de cena, maquiagem, até observações sobre fotografia, som, cenografia e maquinaria. Todos os departamentos de um filme, como a fotografia, o som, a arte e o figurino, fazem a sua própria análise técnica, mas é sempre bom o assistente de direção fazer uma análise técnica de uma forma mais abrangente para depois poder dialogar melhor com as necessidades desses departamentos.

A partir daí, a pré-produção começa a esboçar um cronograma de produção simultaneamente com o processo da escolha do elenco e da equipe, do aluguel de equipamento, do aluguel de estúdio, da aprovação das locações, das solicitações de apoio, das compras de materiais, entre outras coisas, até a definição de um plano de filmagem.

A produção de um filme se divide inicialmente entre a produção executiva e a direção de produção. O produtor executivo é o administrador da grana e deve proporcionar a infraestrutura para a realização do filme e cuidar de tudo para que a filmagem aconteça com o mínimo de contratempos. O diretor de produção é quem coordena as necessidades essenciais do filme. Ele faz um levantamento do material necessário junto aos departamentos do filme e avalia os custos para a aprovação da produção executiva. Possui uma relação bem afinada com o assistente de direção e procura sempre a melhor opção dentro do orçamento sem prejudicar as intenções estéticas pretendidas pelo diretor.

A qualidade da interlocução entre a produção executiva, a direção de produção, o assistente de direção e o diretor é crucial para que o desempenho da filmagem seja um sucesso. Esse quarteto é o sustentáculo dessa arte coletiva complexa e misteriosa chamada cinema.

Facebook Comments