A Millenium Films ainda se mostra indignada com o vazamento de “Os Mercenários 3” para download na internet. Em entrevista ao site da Variety, o presidente do estúdio, Avi Larner, disse que irá levar o caso até as últimas consequências. “Dez milhões de pessoas roubaram o filme. Queremos ir atrás deles. Vamos mostrar que a pessoa baixar de forma ilegal pode ser punida”, declarou.

Para Larner, o objetivo das medidas judiciais visam proteger os interesses da Millenium Films e das centenas de pessoas que fizeram parte da produção de “Os Mercenários 3”. A ideia do estúdio é identificar quem fez o download do filme e entrar em contato com os servidores para que tomassem alguma solução. Somente casos extremos serão levados para Justiça. “Terrível que a polícia, o Congresso e a Justiça nos EUA não façam nada para proteger a propriedade intelectual”, disse o executivo.

“Os Mercenários 3” arrecadou bem abaixo do esperado nas bilheterias nos EUA: US$ 38,5 milhões. O valor não cobriu os gastos da produção de 90 milhões de dólares, dependendo demais do dinheiro obtido ao redor do mundo inteiro para se pagar.

Facebook Comments