Parceiro histórico de Harvey Weinstein e irmão de Casey Affleck, dois envolvidos em casos de assédio sexual, Ben Affleck tentou mostrar que está disposto a lutar contra este crime em Hollywood. Em entrevista à Associated Press, o astro de “Liga da Justiça” declarou que está revisando o próprio comportamento para mudar determinadas posturas. As informações são do site The Hollywood Reporter.

“Estou olhando para o meu próprio comportamento e corrigindo-o para que eu seja parte da solução”, disse Affleck. O ator ainda declarou que para as mudanças em Hollywood serem realmente efetivas será preciso dar mais poder às mulheres dentro da indústria e que o assédio também deva ser encarado como um problema dos homens e não apenas das vítimas.

Quando o caso de Harvey Weinstein estourou, um vídeo de Ben Affleck pegando nos seios de uma atriz iniciante para a MTV sem o consentimento dela e um comportamento polêmico com uma apresentadora de televisão de Montreal em 2004 geraram diversas críticas ao ator.

Facebook Comments