Finalmente, Sam Mendes definiu o primeiro trabalho da carreira após a saída da franquia “James Bond”. O diretor vai comandar “1917”, drama ambientado na Primeira Guerra Mundial com produção da Amblin Partners, de Steven Spielberg. As informações são do site da Variety.

Os detalhes da trama de “1917” ainda estão sob sigilo, mas, sabe-se que as gravações começam em abril do ano que vem para lançamento em dezembro de 2019. Com isso, o longa já pode ser considerado o primeiro postulante para o Oscar 2020. Steven Spielberg demonstrou felicidade com o acerto. “Nossa empresa (Amblin) vem sendo uma casa para o Sam desde o primeiro filme dele. Estou muito feliz de tê-lo de volta em seu antigo lar lançando novas histórias – especialmente este novo filme extremamente ousado e ambicioso”, declarou.

Sam Mendes também mostrou alegria em fechar parceria com a Amblin. “Não poderia estar mais feliz em trabalhar novamente com o estúdio do Steven Spielberg de novo ao lado da Donna Langley e da Universal Studios. Tenho trabalho neste roteiro a um ano e será divertido voltar a fazer filmes”, completou o ganhador do Oscar por “Beleza Americana”.

Facebook Comments