Sinfonia da Necrópole foi o grande vencedor do 22° Festival de Cinema de Vitória. O primeiro longa-metragem da paulista Juliana Rojas (Trabalhar Cansa; Pra Eu Dormir Tranquilo) como diretora solo faturou os prêmios de melhor filme e melhor interpretação, este concedido ao elenco. Na categoria curta-metragem, o prêmio do júri foi para À Festa. À Guerra, que marca a estreia do ator Humberto Carrão na direção. A cerimônia de premiação aconteceu na noite de quarta-feira, dia 16, no Theatro Carlos Gomes, em Vitória, capital do Espírito Santo.

Comédia musical com toques de horror, Sinfonia da Necrópole foi filmada em um cemitério de São Paulo, e conta a história do aprendiz de coveiro Deodato, que tem dificuldade em se adaptar ao trabalho. Em À Festa. À Guerra, um prefeito em crise encomenda para uma escola de samba do Rio de Janeiro um desfile de carnaval que fale sobre sua cidade.

A noite contou ainda com o Prêmio Canal Brasil de Curtas, que foi para Eu Queria Ser Arrebatada, Amordaçada e, nas Minhas Costas, Tatuada, de Andy Malafaia. O filme acompanha a rotina de Silvana, uma prostituta que precisa rever seu passado, mas sabe o quanto isso será difícil.

O Festival de Vitória 2015 teve início na última sexta-feira, dia 11, e, ao longo de seis dias, apresentou cerca de cem filmes, entre curtas e longas, distribuídos em nove mostras competitivas e paralelas, além de debates, lançamentos, oficinas, concursos e homenagens.

A lista completa dos filmes premiados pode ser vista no site da mostra.

do site Filme B

Facebook Comments