As narrativas de ódio espalhadas na internet viram arte na websérie “Contos da Vida e Norte”. O lançamento do projeto acontece neste sábado (20), com a exibição na íntegra dos três episódios em sequência no Palácio da Justiça, localizado na Avenida Eduardo Ribeiro, no Centro de Manaus. O evento ainda contará com apresentações culturais e exposição artística.

A iniciativa surgiu a partir do edital da Safernet, canal de denúncias contra a propagação do ódio na internet. Com esta proposta em mente, o coletivo Cumbuca reuniu três artistas locais – a cantora Catarina, a artista visual Kerol Kemblim e a drag amazônica Úyra – com o objetivo de relacionar seus trabalhos com os ataques virtuais.

De acordo com a produtora da websérie, Mariah Brandt, a ideia de inserir três artistas teve como objetivo observar como o discurso de ódio é transformado em arte por cada um. “A abordagem que a gente fez foi da própria vida deles. Queremos entender de que maneira eles se curam desse ódio e como que isso é vivenciado dentro desse trabalho”, explica.

Ao abordar essa relação na vida dos artistas, Mariah afirma que Manaus também se tornou um importante elemento narrativo. Assim, cada personalidade ocupa um espaço da capital durante os episódios, com uma divisão principal entre floresta e urbano. “Parte do processo criativo foi se locomover pela cidade com cada um dos três artistas e conversar sobre o discurso de ódio, da arte e de Manaus”, afirmou.  

Personagens

O primeiro episódio é voltado para a história de Catarina Eduarda, rapper de Manaus que viralizou em 2018 com o vídeo “SLAM Inconformação – Poesia Marginal”, em que falou sobre o cenário político da época. Na websérie, a cantora revela seu processo criativo na cidade, as letras voltadas à liberdade de expressão, identidade, modo de agir, falar e sobre ser mulher.

Já a segunda parte da produção é voltada para a história de Emerson Munduruku, que performa a drag Úyra Sodoma. Como biólogo e mestre em ecologia, Emerson utilizou seus conhecimentos para criar uma drag amazônica, a qual utiliza elementos da própria floresta em sua construção visual. Assim, as performances de Úyra buscam valorizar a diversidade sob diferentes perspectivas, da ecologia às questões de gênero.

Por fim, Kerol Kemblim é o foco do último episódio da websérie. Inspirada por sua vivência religiosa na Umbanda, a artista visual reflete em suas obras o processo de cura a partir da medicina ancestral indígena e africana, a liberdade religiosa, a autonomia do corpo feminino e a padronização imposta pela mídia. Para expor suas obras apresenta como suporte a xilogravura, pintura, fotografia, gravura, colagem, o próprio corpo, a palavra e o som. Durante o lançamento da websérie será realizada uma exposição dos trabalhos artísticos de Kerol.

Programação

Além da exposição de Kerol, a programação neste sábado também inclui apresentações musicais e uma roda de conversa. A partir das 17h, o público poderá conferir shows dos artistas Karen Francis, Elisa Maia, Aruack e Catarina, protagonista da websérie.

Antes da exibição dos episódios, uma roda de conversa com o tema “Discurso de ódio e o corpo” será realizada. Com mediação de Jéssica Dandara, o debate conta com a participação dos influenciadores digitais Andreia Gouveia (@Gordeia), Suelen Lima (@rostodeneve), Elisa Maia (@elisamaiamusic) e Gabriel Torres (@aruack092).

SERVIÇO

O QUÊ: Lançamento da websérie ‘Contos de Vida e Norte’

QUANDO: 20 de Julho, das 17h às 21h

ONDE: Palácio da Justiça – Av. Eduardo Ribeiro, 833, Centro de Manaus

Amazonas tem quatro projetos aprovados no edital de TVs Públicas

Depois de muita polêmica, o edital de TVs Públicas teve o resultado divulgado nesta terça-feira (21), no Diário Oficial da União. O Amazonas teve quatro projetos aprovados entre os participantes da Região Norte do Brasil. Os selecionados foram os seguintes:  Segunda...

‘Zana – O Filho da Mata’ acumula 12 prêmios em festivais nacionais

Aventura baseada nas lendas e mitos amazônicos, "Zana - O Filho da Mata" vem se destacando no cenário do audiovisual local como uma das produções mais premiadas dos últimos anos. O curta-metragem dirigido por Augustto Gomes recebeu 12 prêmios ao longo de 2019 e, neste...

Cursos gratuitos de cinema em Manaus estão com inscrições abertas

Manaus inicia 2020 com boas notícias para quem quer aprender mais sobre cinema. Dois novos cursos gratuitos estão com inscrições abertas e iniciam no mês de janeiro. Ambos serão realizados no Centro da cidade e terão início no dia 20 de janeiro.  Localizado na Rua...

O Que Esperar do Cinema do Amazonas em 2020?

O primeiro post de 2020 no Cine Set não podia ser sobre outro tema que não fosse o cinema amazonense. Com as perspectivas de novas edições de importantes eventos como o Festival Olhar do Norte e o Matapi – Mercado Audiovisual do Norte, além da manutenção do Casarão de...

De ‘A Floresta de Jonathas’ ao ‘Casarão de Ideias’: o cinema no Amazonas na década 2010

No clássico livro “A Tônica da Descontinuidade: cinema e política em Manaus na década de 60” O saudoso professor da Universidade Federal do Amazonas, Narciso Lobo, afirmara que o cinema amazonense tivera duas fases até então: a primeira com Silvino Santos nos anos...

Pelas ruas e bares do Centro, documentário apresenta fotografia de Robert Coelho

O Centro de Manaus é um lugar místico. É o ponto de início da cidade, um local de partida, encontros e reencontros. Nele se localizam os principais prédios históricos da cidade como o Teatro Amazonas e o Palácio Rio Negro. O Centro, também, foi responsável por...

Encontro de mulheres do audiovisual debate caminhos de resistência em Manaus

“Não estamos sozinhas”. A frase dita por Vânia Lima ao final do encontro de mulheres do audiovisual, dentro da programação do Mercado Audiovisual do Norte 2019 (Matapi), sintetiza bem o espírito da atividade. A diretora do grupo baiano Têm Dendê Produções apresentou...

‘O Barco e o Rio’ vence prêmio no Matapi e garante ida a festival no México

Com apenas quatro anos de existência, a Fita Crepe Filmes conseguiu um importante feito em sua curta trajetória neste sábado (30): o projeto da produtora, "O Barco e o Rio". foi o vencedor dos pitchings do Mercado Audiovisual do Norte - Matapi 2019. A conquista...

Matapi 2019: Cinco Motivos Para Não Perder o Último Dia

Chegou a hora de se despedir da edição 2019 do Mercado Audiovisual do Norte - Matapi. Painéis, masterclass, mesas de debate e a tão aguardada apresentação dos pitchings das produtoras locais serão as atrações do dia. Confira abaixo os principais destaques deste sábado...

Matapi 2019: Cinco Motivos Para Não Perder o Segundo Dia

O Mercado Audiovisual do Norte 2019 (Matapi) segue com uma série de atividades no segundo dia do evento. Tudo irá acontecer no Centro Cultural Palácio da Justiça, localizado na Avenida Eduardo Ribeiro, na área central de Manaus. Confira abaixo os principais destaques...