Nada melhor para o retorno dos cinemas em Manaus do que um título com o nome apropriado para o Brasil 2020: “Apocalypse Now”. O clássico de Francis Ford Coppola de 1979 será exibido, a partir desta quinta-feira (10), nas salas locais dentro da programação do Festival ‘De Volta Para Casa’. A versão será o corte final realizado pelo diretor com 182 minutos de duração e 49 minutos a mais do que a inicial. Confira os horários abaixo:

Cinépolis Shopping Ponta Negra – 20h15 (Legendado – Sala VIP)

Cinépolis Millenium Shopping – 19h15 (Legendado)

Estrelado por Martin Sheen, Marlon Brando, Robert Duvall, Laurence Fishburne, Harrison Ford e Dennis Hopper, “Apocalypse Now” se passa durante a Guerra do Vietnã, quando um jovem capitão americano recebe como missão procurar e assassinar um coronel também americano, um desertor que se escondeu na selva e passou a comandar guerrilheiros no Camboja, onde é adorado como um semideus.

A produção foi a vencedora da Palma de Ouro no Festival de Cannes em 1979,  indicada ao Oscar de 1980 em oito categorias e venceu duas delas: Melhor Fotografia (Vittorio Storaro) e Melhor Som. Ganhou ainda três Globos de Ouro, entre eles o de Melhor Diretor para Coppola.

BASTIDORES CAÓTICOS

Partindo de uma livre adaptação do romance “O Coração das Trevas”, de Joseph Conrad, as filmagens começaram em 20 de março de 1976 e se estenderam até 21 de maio de 1977, nas Filipinas, com um cronograma inicial de algumas semanas que acabaram se prolongando por 238 dias, entrando para a história como uma das produções mais tumultuadas de todos os tempos.

Os incidentes incluem um infarto sofrido pelo ator Martin Sheen, que foi afastado por semanas, e até a passagem do tufão Olga, que destruiu cenários e equipamentos, gerando mais atrasos e despesas, levando a produção orçada em 13 milhões de dólares a custar mais que o dobro. Após a conclusão da produção, vieram outros contratempos que fizeram com que seu lançamento fosse adiado por diversas vezes, enquanto Coppola reeditava o material infinitas vezes, levando o filme a esperar por três anos até chegar nos cinemas.

Mas, os problemas já começaram na escolha do elenco, após Steve McQueen e Al Pacino recusarem o convite e Coppola não se convencer de que Harvey Keitel seria o ator ideal interpretar o capitão Benjamin Willard, papel que acabou ficando com Martin Sheen, que já havia impressionado o diretor com o teste que fez para o personagem Michael Corleone, de “O Poderoso Chefão”. Marlon Brando também deu trabalho, chegando ao set sem ter se preparado, acima do peso e com a cabeça raspada por iniciativa própria.

A trilha sonora original do filme foi composta pelo diretor e seu pai, Carmine Coppola. O disco da trilha inclui apenas três canções presentes em cenas marcantes: “The End”, do The Doors, “Susie Q”, interpretada pelo Flash Cadillac, e Cavalgada das Valquírias, de Richard Wagner. “Satisfaction”, dos Rolling Stones, também está numa cena antológica do filme, mas não entrou no disco.

Oscar: TOP 10 Maiores Momentos da Década 1990

Chegou a hora de trazer os maiores momentos do Oscar na década de 1990 aqui no canal do Cine Set no YouTube. Aqui, levo em conta as edições de 1991 a 2000.  https://www.youtube.com/watch?v=me3D8bXcuEk 10. VITÓRIA DE STEVEN SPIELBERG ...

Oscar 2022: Quem Pode Surgir na Disputa? – Parte 1

Caio Pimenta traz a primeira parte dos filmes que podem aparecer no Oscar 2022.  Digo de antemão: não tenho pretensão aqui de dizer quem vai ganhar, perder, chegar como favorito ou ser azarão. Está muito cedo para isso. Porém, é possível apontar possibilidades de...

Oscar: TOP 10 Maiores Momentos da Década 2000

De Heath Ledger a "Cidade de Deus", Caio Pimenta apresenta uma lista com os 10 momentos mais marcantes do Oscar na década de 2000. https://www.youtube.com/watch?v=DYL7D-nopTI 10. JORGE DREXLER  https://www.youtube.com/watch?v=7hR8RIbC-Y0 Para começar a lista, vamos no...

Oscar 2021: De Chloé Zhao ao Final Confuso – O Melhor e Pior da Cerimônia

Caio Pimenta analisa quais foram os melhores e piores momentos da cerimônia de premiação do Oscar 2021. https://www.youtube.com/watch?v=eslh3vmQzcM O MELHOR Vamos começar justamente pelo começo: o início da cerimônia com ares de “Onze Homens e um Segredo” da Regina...

Oscar 2021: Conheça o Resultado do Bolão do Cine Set

Descubra quem foi o grande ganhador do bolão do Cine Set do Oscar 2021. https://www.youtube.com/watch?v=pgSNTbfJJCs Primeiro, quero agradecer a todos vocês que acompanharam a cobertura aqui no YouTube, no site, Instagram e Twitter também. O canal chegou a 5000...

Oscar 2021: Anthony Hopkins supera Boseman e vence em Melhor Ator

Para quem esperava Chadwick Boseman, uma grande decepção: Anthony Hopkins é o ganhador do Oscar 2021 de Melhor Ator por “Meu Pai”. Essa é a segunda estatueta do britânico: a primeira, claro, é pelo excepcional trabalho como Hannibal Lecter em “O Silêncio dos...

Oscar 2021: Frances McDormand vence Melhor Atriz e chega à terceira estatueta

Falou em Oscar de Melhor Atriz, falou em Frances McDormand. Pela terceira vez, ela conquista o prêmio. As duas anteriores foram por “Fargo” e “Três Anúncios Para um Crime”. Agora, é a vez de “Nomadland”. https://www.youtube.com/watch?v=08Tl0ivGf_w Com esse resultado,...

Oscar 2021: ‘Nomadland’ é consagrado como Melhor Filme

A jornada de “Nomadland” na temporada de premiações termina consagradora. A produção da Searchlight Pictures recebe o Oscar de Melhor Filme após conquistar o Leão de Ouro em Veneza, o Globo de Ouro, Critics Choice, Bafta, PGA e DGA....

Oscar 2021: ‘Soul’ confirma favoritismo e vence em Trilha Sonora

O domínio completo de “Soul” em trilha sonora se confirmou no Oscar 2021: a produção levou o prêmio da categoria. Esta é a segunda estatueta da dupla Atticus Ross e Trent Reznor e a primeira de Jon Batiste. Esta é a primeira vez, desde “O Último Imperador”, que uma...

Oscar 2021: ‘O Som do Silêncio” supera ‘Chicago’ para vencer Montagem

Para quem esperava ganhar apenas Melhor Som, “O Som do Silêncio” surpreende para levar a sempre importante categoria de Melhor Montagem. https://www.youtube.com/watch?v=QSs5XQlbetA Esta é a primeira indicação da carreira do Mikkel E.G Nielsen no Oscar. Segundo...