Bem… se me permitem um comentário pessoal, preciso dizer que não esperava isso.

No começo deste sexto episódio da temporada de Better Call Saul, Jimmy está de novo armando seus truques, agora para arrasar de vez com o pessoal do banco Mesa Verde e sua tentativa de desalojar o senhor Acker. Para tanto, volta a entrar em contato com seus amigos estudantes de cinema e a dar uma de cineasta, dirigindo atores e planejando a produção de uns comerciais.

O problema é que a Kim não quer mais continuar a brincadeira. Acha que já foi longe demais. Mas Jimmy não é do tipo de desperdiçar uma armação… Assim como os roteiristas da série. As armações dele já viraram praticamente armas de Chekhov: se uma delas aparece em tela, tem que ser utilizada…

LEIA TAMBÉM: CRÍTICA 5X01 e 02

Num episódio intitulado “Wexler vs. Goodman” (em minha defesa, admito que só reparei no título depois que o episódio acabou), o conflito é entre Kim e Jimmy/Saul.  A situação que já vinha sendo cozinhada há alguns episódios entra em ponto de ebulição neste, cujos momentos finais são verdadeiramente cheios de suspense e ancorados pelas extraordinárias atuações de Rhea Seehorn e Bob Odenkirk. Rhea, em especial, transmite a fúria e até mesmo o pânico da sua personagem em mais um momento inspirado na série. Ela merece prêmios por essa cena; aliás, já vem merecendo faz um bom tempo por seu trabalho em Better Call Saul.

ALVO CERTEIRO

Até chegar a esse momento sombrio e tenso, porém, vimos a armação de Saul em sua toda a glória – sério, aqueles comerciais toscos são bem engraçados. Vimos também o nosso protagonista fazer o pobre Howard – que só lhe ofereceu um emprego alguns episódios atrás – passar por um constrangimento absurdo com a ajuda de algumas das suas clientes. E vimos Mike voltar a ação, e completamente a serviço de Gus, se passando por detetive para armar para cima de Lalo. Não vai durar, claro, mas vai possibilitar a Gus e a Nacho um momento de respiro. Os ataques mais pesados contra Lalo deverão vir em breve…

LEIA TAMBÉM: CRÍTICA 5X03, 04 E 05

Mas, obviamente, apesar dos momentos de humor, de tensão e constrangimento, este episódio é mesmo um ponto focal do relacionamento Kim/Jimmy. Em retrospecto, eu não deveria ter ficado surpreso com a atitude de Jimmy. Afinal, já sabemos o que vai acontecer: nosso protagonista vai virar um completo filho da p***, esse é o seu destino. A atitude dele para com Howard nesse mesmo episódio já indicava isso. Desde que se assumiu como Saul, Jimmy se tornou um filho da p*** e só vai piorar. Mas é aquela coisa: Estamos tão envolvidos com os personagens e torcendo para que, de algum modo, as coisas deem certo para eles – mesmo no fundo sabendo que não darão, de algum jeito – que é difícil não se deixar levar.

Mas é aí então que o episódio nos atinge com uma surpresa de verdade, literalmente na última fala dele, dita pela Kim. Isso sim é uma surpresa indiscutível, portanto, bom trabalho roteiristas e diretores de Better Call Saul: a série é tão boa que as surpresas, esperadas ou não, nunca deixam de acertar o alvo.

‘The Crown’ – 4ª temporada: puro suco da guerra de egos da Realeza

Os teasers que anunciavam o retorno de The Crown não estavam para brincadeira - essa era, afinal, a temporada mais aguardada por quem acompanha a série. Entra em cena uma jovem tímida, de uma família aristocrática, que parecia ser a escolha mais segura para, um dia,...

‘Lovecraft Country’ 1×10: final apressado destoa da temporada

O título deste episódio final da temporada de Lovecraft Country é “Círculo Completo”, e ele é quase que totalmente dedicado ao grande arco da temporada, o do confronto entre nossos heróis contra os planos de Christina Braithwhite. De fato, ele acaba fazendo um circulo...

‘A Maldição da Mansão Bly’: terror dá espaço para o drama em boa série

Dois anos após o sucesso estrondoso de ‘A Maldição da Residência Hill’, o showrunner Mike Flanagan voltou a nos assombrar com sua forma sensível de contar histórias sobre fantasmas. Mas, embora tenha uma proposta parecida com a série anterior, ‘A Maldição da Mansão...

‘The Boys’ 2×08: temporada encerra lembrando fim do primeiro ano

Subvertendo o gênero de super-heróis mais uma vez, ‘The Boys’ chega ao final de sua segunda temporada correspondendo às expectativas do público. Ao apostar em cenas marcantes e revelações aguardadas, a série consegue entreter e dar continuidade às narrativas...

‘Lovecraft Country’ 1×09: massacre de Tulsa para jamais esquecer

Na minha crítica do oitavo episódio da temporada de Lovecraft Country, ressaltei como um evento real ditou o tom daquele segmento em particular. Pois neste nono episódio, intitulado “Voltando para 1921”, a série repete esse expediente, de forma até mais efetiva, ao...

‘Bom Dia, Verônica’: roteiro excelente encontra elenco em alto nível

Baseada no livro homônimo de Raphael Montes e Ilana Casoy, ‘Bom dia, Verônica’ é mais uma série nacional na Netflix que traz muito orgulho para o audiovisual brasileiro. Digo isto, pois, além de contar com uma história instigante e muito bem apresentada ao longo de...

‘Lovecraft Country’ 1×08: ‘Fuck the Police’

Se há uma coisa que o triste ano de 2020 deixou absolutamente óbvio para o mundo é que, nos Estados Unidos, a polícia é inimiga da população negra. Sério, como alguém pode discordar disso ao ver algumas poucas estatísticas, e ao presenciar a comoção mundial que casos...

‘The Boys’ 2×07: crítica social e sadismo lado a lado em grande episódio

Embora o episódio final da temporada sempre seja o mais aguardado e, por vezes, aclamado nos seriados, muito da expectativa sobre ele é construída no episódio anterior, responsável por unificar narrativas e preparar um bom desfecho. Sabendo disso,...

‘Lovecraft Country’ 1×07: sci-fi à serviço do empoderamento

Até agora, a série Lovecraft Country explorou mais os ingredientes de terror e de fantasia das obras da literatura pulp e do autor H. P. Lovecraft. Mas literatura pulp também é território da ficção-científica... Já sabíamos, desde a menção de uma tal “máquina do...

‘The Boys’ 2×06: irreverência em divertida releitura do Asilo Arkham

Desde detalhes nos figurinos até os diálogos, ‘The Boys’ sempre encontra uma forma de referenciar outros universos de super-heróis, rendendo ótimas piadas e até mesmo críticas. Desta vez, a série nos leva diretamente a uma releitura do Asilo Arkham de Gotham City,...