Preços de ingressos caros, longas distâncias até a sala mais próxima, dificuldade de locomoção graças a precariedade do transporte coletivo. Ir ao cinema para moradores de regiões periféricas traz uma série de barreiras impeditivas, o que pode desestimular muita gente de poder ver o filme que deseja nas telonas. Isso para não falar na ausência completa de atividades formativas relacionados ao audiovisual nestes locais. A Mostra Itinerante de Audiovisual Cine Bodó, idealizado pelo Grupo Picolé da Massa, busca levar o cinema para a periferia de Manaus com foco no tripé formação, exibição e rodas de conversa.

A nova edição terá início no próximo sábado, dia 1º de fevereiro, com um debate sobre “Como produzir audiovisual em tempos de crise?”, no Casarão de Ideias, localizado na Rua Barroso, no Centro de Manaus, a partir das 19h. Com entrada gratuita, a atividade contará com as presenças dos produtores locais Carlos Barbosa (Leão do Norte)Valentina Ricardo (Fita Crepe), Sarah Pimentel (Eparrêi). A mediação fica por conta de Dheik Praia, idealizadora do evento ao lado de Keila Serruya.

ATIVIDADES DE FORMAÇÃO

Após a abertura, o projeto percorrerá comunidades periféricas e indígenas para apresentar e difundir, em dois dias de formação, um pouco mais sobre a história, produção e técnica do cinema. As atividades são gratuitas e as inscrições podem ser feitas por qualquer pessoa com idade entre 14 e 21 anos. Serão ofertadas 20 vagas.

A comunidade da Sharp, localizada na avenida Grande Circular, no bairro Armando Mendes, zona Leste de Manaus, será a primeira a receber as atividades de formação do projeto, que acontecerão nos dias 3 e 4/2, das 9h às 17h.

Já nos dias 6 e 7, das 9h às 17h, será a vez do Centro Cultural Indígena Wakenai Anumatwhit, situado na comunidade Parque das Tribos, no Tarumã, zona Oeste. Nos dias 10 e 11, de 9h às 17h, o Grupo TransformAÇÃO, localizado na rua São Vicente de Paula, no bairro Redenção, zona Centro-Oeste, receberá o curso de formação.

Encerrando o cronograma de formação, nos dias 13 e 14, de 9h às 17h, será a vez do projeto Soul do Monte, no bairro Monte Sinai, na zona Norte.

CINEMA A CÉU ABERTO

Após as atividades de formação, o Cine Bodó exibirá, em quatro datas, uma seleção de filmes com curadoria de Elen Linth. A programação iniciará no dia 8 de fevereiro, na comunidade da Sharp. Já no dia 12, a exibição acontecerá no Parque das Tribos. Em seguida, no dia 15, no Projeto TransformAÇÃO e, encerrando, no dia 18/2, no projeto Soul do Monte.

Para o encerramento do projeto Cine Bodó, que acontecerá no dia 22, em local ainda a ser definido pela organização, será realizada uma roda de conversa com o tema “Outras narrativas do audiovisual. Contando nossa história”, além da exibição de filmes.

com informações de assessoria

O Fórum Feminino do Audiovisual do Amazonas | Podcast Cine Set #69

Surgido após a ausência de filmes dirigidos por mulheres amazonenses na quarta edição do Festival Olhar do Norte, o Fórum Feminino do Audiovisual do Amazonas chega como um local de fortalecer laços entre as mulheres que trabalham no setor do Estado. A geração de...

Do Acre para a Suécia: ‘Noites Alienígenas’ leva a Gotemburgo dilemas da Amazônia urbana 

Os dilemas de uma cidade no meio da Amazônia no constante choque existencial entre o urbano e a floresta diante da explosão da criminalidade causada pelas facções criminosas. Nesta realidade urgente e mais do que atual se passa “Noites Alienígenas”, longa acreano...

Cinco Breves Notas sobre a saída do Cinemark de Manaus 

1. MILHARES SEM CINEMA PRÓXIMO A ELAS  O fim das oito salas do Cinemark no Studio 5 deixa milhares de pessoas sem um cinema perto delas, cenário diferente do que ocorrera com o fechamento do Playarte do Manauara Shopping, onde outros shoppings – Amazonas, Millenium e...

Studio 5 confirma fechamento das salas do Cinemark em Manaus

Depois de 20 anos em operação, o Cinemark encerrou as atividades em Manaus. Procurado pelo Cine Set, o Studio 5 confirmou a informação. O último dia de operação da rede norte-americana na cidade aconteceu no domingo, dia 30 de janeiro. O Cinemark tinha oito salas na...

10 Filmes do Cinema Amazonense Para Ficar de Olho em 2022

Depois de um grande 2021 com muitos prêmios e presenças em importantes festivais nacionais e internacionais, o cinema amazonense chega para o ano novo com expectativas de manter o momento de alta. Muito disso graças aos lançamentos de projetos financiados com recursos...

Retrospectiva Cine Set – O Melhor e Pior do Cinema Amazonense em 2021

Incontáveis vezes durante 2021 escrevi que, em meio a tantas tragédias e notícias ruins, o cinema era uma das poucas coisas que o amazonense poderia se orgulhar neste ano. Afinal, semana após semana, as produções locais participavam de festivais Brasil e mundo afora,...

Retrospectiva 2021 – O Ano do Cine Set

Perco o número de vezes da quantidade de vezes em que já me perguntei o motivo de seguir fazendo o Cine Set durante estes 7,5 anos de existência do site.  Em janeiro de 2021, entretanto, parei.  Como seguir adiante quando a cidade onde nasci e vivo colapsa?...

Galeria de Fotos – Lançamento do Livro ‘Olhar Feminino: O Norte na Direção’

O Cine Set promoveu o lançamento de "'Olhar Feminino: O Norte na Direção" na noite do último sábado (18) no Casarão de Ideias, localizado na Rua Barroso, 279, no Centro de Manaus. Pâmela Eurídice, autora do livro, recebeu familiares e amigos para uma sessão de...

Cine Set lança livro sobre cinema feito por mulheres no Amazonas

Trazendo um registro da produção cinematográfica feminina no Amazonas, o livro “Olhar Feminino: O Norte na Direção” será lançado no dia 18 de dezembro, com uma noite de autógrafos no Casarão de Ideias, localizado na Rua Barroso, no Centro de Manaus, a partir das...

UEA avança no processo de retomada do curso de audiovisual

O Conselho Acadêmico da unidade da Escola Superior de Artes e Turismo (Conaesat) da Universidade do Estado do Amazonas (UEA) aprovou, nesta semana, o projeto de retomada do curso de audiovisual. Agora, a proposta deve ser sacramentada pelo Conselho Universitário da...