Lançado no Festival de Londres 2019, “The Peanut Butter Falcon” é um road movie pronto para aquecer seu coração nos dias frios de outubro. Após agradar o público no festival South by Southwest mais cedo neste ano, esse conto à la Mark Twain pode parecer familiar, mas tem carisma e confiança suficientes para sobressair aos seus similares.

O personagem-título é Zak (Zack Gottsagen), um jovem com Síndrome de Down que deseja ser um lutador de luta-livre. Ele passa a maior parte de seus dias reassistindo fitas VHS de seu ídolo, o lutador profissional Salt Water Redneck (Thomes Haden Church) e elaborando planos para escapar da clínica na qual foi colocado pelo Estado. Quando consegue sair, cruza com o azarado malfeitor Tyler (Shia LaBeouf), e os dois seguem para a escola de Salt Water, onde Zack poderá ir em busca de seu sonho.

Uma amizade inesperada

Aqui, a maior façanha dos diretores e roteiristas Tyler Nilson e Michael Shwartz é como constroem a amizade de Zak e Tyler de forma tão natural, com suas similaridadess aparecendo gradualmente ao longo da viagem. Os dois homens são marginalizados, cada um a sua maneira, e ambos sentem falta de uma estrutura familiar que lhes apoie.

Tyler, em particular, está profundamente assustado pela perda de seu irmão, e inicialmente ajuda Zak só para escapar das garras do pescador local Duncan (John Hawkes), em cujos equipamentos colocou fogo durante um ataque de fúria. O trabalho de LaBeouf é corajoso ao trazer as camadas de atuação quando Tyler começa a se afeiçoar por seu companheiro inesperado. O esforço de Gottsagen, intérprete de Zak, para virar ator é a espinha dorsal da vida real para a história ficcional, tangendo uma versão ainda mais ampla de si mesmo, uma alegria de se ver na tela.

Paisagens de liberdade

Nas lentes de Nigel Bluck, diretor de fotografia do filme, o sul dos Estados Unidos é tão personagem quanto as pessoas na tela. Existe uma liberdade na paisagem verde que reflete a liberdade buscada pelos protagonistas. Para eles, a vida na cidade, apesar de segura, parece restritiva – e por isso que fogem dela.

Esse conflito é encarnado em Eleanor (Dakota Johnson), uma das funcionárias da clínica. Ela recebe como tarefa trazer Zak de volta. Quando encontra a dupla, ela – e o público – se põem diante de uma difícil questão: deveríamos prezar pela sobrevivência ou, realmente, viver?

Com uma trilha sonora repleta de banjos e um elenco, em geral, interessante, “The Peanut Butter Falcon” tira o máximo de sua premissa e funciona como um lembrete de esperança em meio à adversidade. Se você procura por um filme agradável que sabe exatamente onde está seu coração, acabou de encontrar.

‘Earwig’: fábula dark de incapaz de envolver o público

A vida de uma menina peculiar, um homem atormentado e uma garçonete em apuros se entrelaçam em "Earwig", novo filme da francesa Lucile Hadžihalilović (“Inocência”, “Évolution”). O longa, que teve estreia em Toronto e premiada passagem em San Sebastián, foi exibido no...

‘Um Herói’: o melhor filme de Asghar Farhadi desde ‘O Passado’

Um conto-da-carochinha com desdobramentos épicos é a força-motriz de "Um Herói", novo drama de Asghar Farhadi. O longa foi exibido no Festival de Londres deste ano após estreia em Cannes, onde levou o Grand Prix - o segundo prêmio mais prestigiado do evento. Escolhido...

‘Benedetta’: Verhoeven leva sexo a convento em sátira religiosa

Paul Verhoeven (“Elle”, “Tropas Estelares”), está de volta - e continua em excelente forma. Seu mais novo filme, Benedetta, exibido no Festival de Londres deste ano após sua estreia em Cannes, vê o diretor holandês empregando sua verve cáustica à serviço de uma...

‘The Tragedy of Macbeth’: ambiciosa adaptação que nada inova

Longe de pela primeira vez e certamente não pela última, o cinema recebe mais uma adaptação de "Macbeth"- agora concebida por Joel Coen, metade da oscarizada dupla de irmãos cineastas. O lançamento largamente digital do longa exibido no Festival de Londres deste ano -...

‘Sundown’: apatia generalizada em filme monótono

“Sundown”, novo filme do mexicano Michel Franco (“Depois de Lúcia”), tenta responder a velha pergunta: como seria começar de novo? A produção com Tim Roth (“Luce”) e Charlotte Gainsbourg (“Ninfomaníaca”), que teve estreia em Veneza e foi exibida no Festival de Londres...

‘A Crônica Francesa’: Wes Anderson joga para torcida ao celebrar o jornalismo

Descrito como uma "carta de amor aos jornalistas", "A Crônica Francesa" é uma divertida homenagem do diretor Wes Anderson à mídia impressa e aos articulistas que o inspiraram. O projeto, que estreou em Cannes e foi exibido no Festival de Londres deste ano, é o filme...

‘Great Freedom’: a luta para ser quem se é independente das consequências

Amor, tesão e tragédia dão a tônica de "Great Freedom", o belo e potente novo filme de Sebastian Meise. A co-produção Áustria-Alemanha, que estreou (e foi premiada) na seção Um Certo Olhar no Festival de Cannes, foi exibida no Festival de Londres deste ano. O drama de...

‘The Souvenir Parte II’: Joanna Hogg muda tom e cria sequência metalinguística

A diretora Joanna Hogg continua seu exercício em autoficção em "The Souvenir Parte II", sequência do premiado sucesso de 2019. O filme, que estreou em Cannes e foi exibido no Festival de Londres deste ano, começa exatamente no mesmo ponto em que seu predecessor...

‘Titane’: Julia Ducournau arrisca tudo com horror no limite

Dependendo da forma como você o vê, "Titane" é um horror porrada no estômago, uma hilária comédia de humor negro ou um drama sobre pessoas muito, mas muito quebradas. O filme ganhador da cobiçada Palma de Ouro - prêmio máximo do Festival de Cannes - deste ano e...

‘Spencer’: Kristen Stewart luta em vão contra filme maçante

Em "Spencer", Kristen Stewart se junta ao clube de atrizes - que inclui Naomi Watts (“Diana”) e Emma Corrin (“The Crown”) - que se lançaram ao desafio de retratar a Princesa Diana. A atriz traz uma energia caótica à personagem e a coloca no caminho de uma quase certa...