Rodado em Manaus com parte da equipe de profissionais amazonenses, “A Febre” continua uma importante trajetória de premiações ao redor do planeta. Desta vez, a produção dirigida por Maya Da-Rin foi selecionada para representar o Brasil no Goya 2021, organizado pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas da Espanha. O longa irá disputar uma vaga na categoria de Melhor Filme Ibero-Americano na 36ª edição prevista para ocorrer no dia 12 de fevereiro do ano que vem.

A escolha foi feita por uma comissão da Academia Brasileira de Cinema e Artes Audiovisuais. O grupo era composto por Flávio R. Tambellini, produtor, diretor e sócio-fundador da Tambellini Filmes; Carlos Heli de Almeida, repórter e crítico de cinema; Jom Tob Azulay, produtor e diretor; Sabrina Fidalgo, diretora e roteirista; e Virginia Cavendish, atriz, roteirista e produtora. “A Febre” superou 15 longas-metragens, que incluíam obras premiadas como “Aos Olhos de Ernesto”, “Pacarrete“, “Todos os Mortos”, entre outros.

“’A Febre’ é um filme sensível não apenas pela linguagem, como também pela temática indígena e amazônica, que tem hoje uma enorme relevância global”, declarou Flávio R. Tambellini, presidente da comissão. 

TRAJETÓRIA PREMIADA

Filmado em Manaus, “A Febre” foi premiado no Festival de Locarno.

Disponível na Netflix“A Febre” traz a história de Justino, um indígena Desana de 45 anos, é vigilante do porto de cargas de Manaus. Enquanto sua filha se prepara para estudar medicina em Brasília, ele é tomado por uma febre misteriosa que o leva de volta a sua aldeia, de onde partiu vinte anos atrás. Regis Myrupu, Rosa Peixoto, Johnatan Sodré, Kaisaro Jussara Brito, Edmildo Vaz Pimentel, Anunciata Teles Soares, Suzy Lopes e Lourinelson Wladmir integram o elenco.

Na sua estreia mundial, no Festival de Locarno, na Suíça, “A Febre” levou três prêmios para casa: o Leopardo de Ouro de Melhor Ator, para Regis Myrupu, o prêmio da crítica internacional FIPRESCI e o prêmio “Environment is Quality of Life”. A Febre foi eleito ainda Melhor Filme em festivais na França, China, Argentina, Portugal, EUA, Uruguai, Chile, Peru, Alemanha e Espanha. No Brasil, o filme conquistou cinco candangos no 52º Festival de Brasília – Melhor Longa-Metragem, Melhor Direção, Melhor Ator para Regis Myrupu, Melhor Som e Melhor Fotografia – além dos prêmios de Melhor Direção e Prêmio Especial do Júri no Festival do Rio e Melhor Filme e Melhor Som no Janela Internacional de Cinema do Recife. 

Amazonas, Acre e Pará representam cinema da Região Norte na Mostra de Tiradentes 2022

Evento responsável pela abertura do calendário brasileiro de grandes festivais, a Mostra de Tiradentes 2022 irá destacar o cinema da Região Norte. São quatro produções selecionadas, sendo duas do Pará ("Meus Santos Saúdam Teus Santos", de Rodrigo Antonio, e "Uma...

Cine Set fará a cobertura da Mostra de Cinema de Tiradentes 2022

Janeiro será um mês agitado no Cine Set: junto com as coberturas dos festivais de Sundance e Olhar do Norte, o site também trará as principais novidades da Mostra de Cinema de Tiradentes 2022. Prevista para acontecer em formato online entre os dias 21 e 29, o evento...

Adanilo percorre cinco séculos de tradicional etnia indígena em ‘Omágua Kambeba’

Após participações em “Marighella” e na segunda temporada de “Segunda Chamada”, Adanilo passa para trás das câmeras com o longa-metragem "Omágua Kambeba". Parceria das produtoras Teatro Galeroso e Ão Produções, o filme é dividido em três partes, cada uma retratando um...

Credenciado, Cine Set fará a cobertura do Festival de Sundance 2022

O Cine Set se prepara para realizar a primeira cobertura de um festival de cinema realizado nos EUA: entre os dias 20 e 30 de janeiro, Ivanildo Pereira trará as críticas do principais filmes e resumos dos principais debates do Festival de Sundance 2022. A edição deste...

Morre o ator indígena Severiano Kedassere, de “A Terra Negra dos Kawá”

O ator indígena Severiano Kedassere morreu no último dia de 2021 em uma triste notícia para o cinema amazonense. Ele esteve no elenco de grande parte dos filmes da carreira de Sérgio Andrade - o curta "Cachoeira" e os longas-metragens "A Floresta de Jonathas", "Antes...

Programas de TV tornam Jogos online Populares

Já imaginou alguma vez poder participar no “Quem quer ser Milionário” ou até mesmo no “Big Brother”, mas sem sair do conforto de sua casa? Atualmente, a mágica dos jogos online está permitindo que possa fazer isso mesmo, sempre à distância de apenas alguns cliques de...

Gravado em Manaus, ‘Seiva Bruta’ está na shortlist do Oscar 2022 de curta-metragem

Apesar de "Deserto Particular" e "A Última Floresta" não terem sido selecionados na shortlist do Oscar 2022, respectivamente, em Melhor Filme Internacional e Documentário, o cinema brasileiro ainda tem esperanças de participar da festa: "Seiva Bruta" ainda está na...

Pesquisa revela as características dos personagens de séries natalinas

Prepare o balde de pipoca que está aberta a temporada das séries favoritas Natal, família, filmes e séries natalinas são a injeção de ânimo para os finais de ano. Geralmente inspirados em rotinas familiares e no dia a dia enfrentado nessa época do ano as séries mais...

‘Terra Nova’ conquista dois prêmios no XVII Panorama Internacional Coisa de Cinema

2021 está perto do fim, mas, isso não significa que o cinema amazonense parou de conquistar prêmios. Na noite de quarta-feira (8), “Terra Nova” recebeu os prêmios de Melhor Curta-Metragem do Júri e do Júri Jovem do XVII Panorama Internacional Coisa de Cinema, em...

‘Homem-Aranha: Sem Volta para Casa’ esgota todas as sessões na noite de estreia em Manaus

Em 2019, os cinemas de Manaus viram um feito inédito: todas as sessões de "Vingadores: Ultimato" para a noite de estreia foram esgotadas em questão de horas. Agora, "Homem-Aranha: Sem Volta para Casa" repete o feito em plena era pandêmica e com a ameaça da variante...