O cinema do Amazonas estará em dose dupla no Festival Curta Cinema 2020: “Manaus Hot City” e “O Barco e o Rio” fazem parte da Mostra Competitiva Nacional ao lado de outras 31 produções. Os dois filmes são os únicos da Região Norte do Brasil de uma lista composta majoritariamente por obras do Sudeste – o Rio de Janeiro conta com 13 participantes e São Paulo com seis curtas, sendo apenas quatro filmes de todos os Estados do Nordeste.

A seleção no Curta Cinema 2020 demonstra a força dos dois filmes amazonenses na temporada dos principais festivais brasileiros de cinema deste ano: dirigido por Rafael Ramos, “Manaus Hot City” foi selecionado para o Festival Internacional de Curtas-Metragens de São Paulo – Kinoforum e o Festival de Vitória. “O Barco e o Rio”, de Bernardo Ale Abinader, dominou o Festival de Gramado ao levar cinco Kikitos, incluindo Melhor Filme. Também foi selecionado para o Cine Ceará e, recentemente, obteve a primeira seleção para um festival internacional, no caso, o Festival Internacional de Curtas-Metragens de Bogotá, na Colômbia.

Protagonizado por Frank Kitzinger, Maria do Rio e Vanessa Moraes, o curta-metragem com duração de 15 minutos aborda a amizade entre três amigos e como esta é afetada por uma descoberta transformadora. Entre as discussões apresentadas em “Manaus Hot City”, conceitos sobre a cidade, o calor e saudade se destacam.  As gravações aconteceram em 2019 e é o primeiro projeto totalmente independente de Rafael Ramos fora da Artrupe Produções Artísticas. 

Produzido pela Fita Crepe Filmes, o curta traz a história de duas irmãs antagônicas que herdam o barco da família. A mais velha e conservadora, Vera (Isabela Catão), vê no patrimônio a vida dela, passando os dias transportando mercadorias e passageiros. Já Josi (Carolinne Nunes) não gosta das restrições da irmã; possui cabeça aberta, mas vê a vida mudar devido a uma gravidez inesperada. A dinâmica da relação é o ponto de conflito do de “O Barco e o Rio”. A direção de fotografia fica por conta de Valentina Ricardo, parceira artística de Bernardo e co-fundadora da produtora, enquanto Francisco Ricardo está à frente da direção de arte e César Nogueira é o montador. 

Previsto para acontecer entre os dias 20 e 27 de novembro, a trigésima edição do evento será feita em formato virtual por conta da pandemia da COVID-19 com exibição dos filmes na plataforma FesthomeTV, através do site do Curta Cinema.

CONFIRA A LISTA COMPLETA DE SELECIONADOS PARA A MOSTRA COMPETITIVA NACIONAL:

A Barca, de Nilton Resende. AL. 2019

Adeus aos Livros, de Diego Quinderé de Carvalho. RJ/Portugal. 2020 

Agahü: O Sal do Xingu, de Takumã Kuikuro. SC. 2020

A Morte Branca do Feiticeiro Negro, de Rodrigo Ribeiro. SC. 2020 

Antes do Çairé, de Rodrigo Ribeyro. SP. 2020

Babelon, de Leon Barbero. SP. 2020 

Cidade Sem Mar, de Felipe Nepomuceno. RJ. 2020

Celio’s Circle, de Diego Lisboa. CE. 2020

Corpo Oco, de Pedro Severien. PE. 2020 

De Um Lado Do Atlântico, de Milena Manfredini. RJ. 2020

Deserto Estrangeiro, de David Pretto. RS. 2020

Egum, de Yuri Costa. RJ. 2020

Eu Também Não Te Vejo Daqui, de Ariela Calanca. SP. 2020

Inabitável, de Enock Carvalho & Matheus Farias. PE. 2020

Killing Me Softly, de Gabriela Giffoni. RJ/Portugal. 2019 

Magnética, de Marco Arruda. RS. 2020

Manaus Hot City, de Rafael Ramos. AM. 2020

Medo da Chuva Em Noite de Frio, de Victor Hugo Fiuza. RJ. 2020

Menarca, de Lillah Halla. SP. 2020

Minha História é Outra, de Mariana Campos. RJ. 2019 

Não Quero Ir Nada Mais Que Até o Fundo, de Thaís Frech Mandarino. RJ. 2020 

O Babado da Toinha, de Sergio Bloch. RJ. 2020 

O Barco e o Rio, de Bernardo Ale Abinader. AM. 2020.

O Jardim Fantástico, de Fabio Baldo & Tico Dias. 2020

O Que Pode Um Corpo, de Marcio Picoli & Victor di Marco. RS. 2020.

Pausa Para o Café, de Tamiris Tertuliano. PR. 2020

Portugal Pequeno, Victor Quintanilha. RJ. 2020 

Prata, de Lucas Melo. RJ. 2019

Sabrina, de Jéssica Barreto. SP. 2019

Saudade, de Denize Galiao. SP/Alemanha. 2019

Ser Feliz No Vão, de Lucas Rossi. RJ. 2020

Tempos de Caça, de Diego Amorim. RJ. 2020

Voyage Voyage, de Sabrina Fidalgo. RJ. 2020

‘Jamary’ representa o Amazonas no Festival de Cinema Brasileiro Fantástico

Depois de uma boa passagem pelo Cinefantasy 2021, "Jamary" será o filme do Amazonas na primeira edição do Festival de Cinema Brasileiro Fantástico. O evento online e gratuito ocorre entre os dias 12 e 18 de maio e vai exibir longas e curtas-metragens divididos em três...

Retrospectiva online e gratuita celebra os 10 anos do Amazônia DOC

O Amazônia DOC - Festival Pan-Amazônico de Cinema apresenta até 30 de maio a Mostra Especial 10 anos, que reúne exibição de mais de 35 filmes por meio da plataforma de streaming AmazôniaFlix, bate-papos e oficinas sobre cinema e audiovisual, masterclass e sessão...

Poemas são transformados em videoartes em projeto na zona norte de Manaus

Transformar poemas em videoarte. Esse é o objetivo do projeto “Exposição Digital - Videopoesias na rua”. Nele, o artista amazonense Rafael Cesar revitaliza poemas do primeiro livro ao lado de obras inéditas escritas durante a pandemia da COVID-19 em uma combinação com...

Gratuito, festival online CineBaru traz filmes da BA, MG, GO e DF

Ao longo de cinco dias serão exibidos 36 curtas-metragens produzidos nos estados da Bahia, Goiás, Minas Gerais e no Distrito Federal. Os filmes podem ser acessados de forma gratuita ao longo dos cinco dias do evento pelo site www.cinebaru.com.br. Neste ano, a mostra...

‘Manaus Hot City’ concorre a vaga em Melhor Curta do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro

O cinema amazonense segue colecionando boas notícias: “Manaus Hot City” está na disputa por uma das vagas da categoria de Melhor Curta-Metragem de ficção do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro de 2021, organizado pela Academia Brasileira de Cinema. Caso consiga ser...

Animação amazonense ‘O Menino que Ouvia a Natureza’ está disponível no YouTube

A animação “O Menino que Ouvia a Natureza”, do designer Brendo Balieiro, estreou no YouTube, no último domingo (25/04). O projeto foi contemplado pelo Concurso Público Edital nº 05/2020 – Programa Cultura Criativa 2020/ Lei Aldir Blanc – Prêmio Feliciano Lana, na área...

10 Filmes com Matt Damon que valem a pena ser vistos

Com um talento extraordinário, Matt Damon encara de frente vários gêneros de filmes, apesar de ser reconhecido mais pelos de ação. Nosso compilado de produções incluem vários títulos que merecem ser vistos e revistos: O Talentoso Ripley Tom Ripley já foi vivido no...

Cine Bodó 2021 realiza formação audiovisual de jovens na periferia de Manaus

Para além das notícias policiais, para dentro das telas. É assim que o projeto Cine Bodó, propõe formação e produção de cinema dentro  das periferias de Manaus. Em sua 5ª edição, a iniciativa já atingiu mais de 300 jovens e adolescentes, passou por mais de 16...

Curta amazonense de Walter Fernandes vence festival no Rio de Janeiro

O cinema amazonense segue colecionando prêmios em festivais nacionais: agora, foi a vez de "Graves e Agudos em Construção" levar o prêmio de Melhor Curta-Metragem nacional na sétima edição do Festival Brasil de Cinema Internacional, realizado no Rio de Janeiro entre...

Festival POE de Cinema Fantástico fecha parceria com Darkflix em edição inclusiva

Em sua 6ª edição, o Festival POE de Cinema Fantástico se adapta às estruturas online com uma nova maneira de exibição de seus filmes e uma nova categoria para trazer maior diversidade ao evento. Entre os dias 21 e 30 de abril, serão exibidos 68 filmes na programação,...