Principal evento de mercado audiovisual da Região Norte, o Matapi 2020’ chega à terceira edição com novo formato: o evento será 100% online entre os dias 25 e 28 de novembro. Debates sobre a produção audiovisual na Amazônia, bate-papo com players e mercados nacionais e internacionais, clínicas jurídicas, diálogos formativos e espaço de com áreas criativas farão parte da programação aberta para interessados de todo o Brasil. 

Organizado pelas produtoras amazonenses Dabacuri e Leão do Norte, o ‘Matapi – Mercado Audiovisual do Norte’ traz como principal missão reunir agentes e profissionais do audiovisual, estudantes e demais interessados em discutir, além de fomentar a cadeia produtiva do setor, contribuindo para a conexão de realizadores, produtores e players, a capacitação de profissionais do setor e o empreendedorismo visando a geração de novas oportunidades.  

Pacotes para participação no evento serão disponibilizados em breve no site do Matapi (clique aqui). Em 2020, diferente das duas primeiras edições, não serão realizadas rodadas de negócios, consultorias de projetos e pitchings. 

PAN-AMAZÔNIA EM DEBATE 

 

“Quem faz e para quem é feito o audiovisual nortistaamazoneidades, representatividades diversas, desconstrução do pensamento exotificante, articulação com os países da Pan-Amazônia e análise dos novos formatos narrativos”. Estes serão, segundo a organização, pensamentos norteadores a serem debatidos durante os três dias de evento.  

Trazendo o recorte da Pan-Amazônia, o ‘Matapi 2020’ busca debater os desafios de produção, as temáticas afro-indígenas, o estágio e desigualdades das produtoras e seus projetos na perspectiva da regionalidade internacional. No caso da região Norte do Brasil, serão abordadas as singularidades de produção, as necessidades de formação específicas e as formas e estratégias de se inserir e dialogar com o movimento de mercado, até hoje, muito pautado a partir do sudeste do país.   

“Ao participarmos de uma mesa sobre a produção na Pan-Amazônia no Talents Latinoamerica, a convite do espaço de mercado do Festival de Guadalajara, em agosto de 2020, compreendemos que a discussão apenas se iniciava. Com o entendimento de que não nos pautamos a partir de um centro, mas que somos responsáveis pela criação de novos centros, tomamos para nós o desafio de fazer do Matapi, este espaço catalisador de pensar uma produção amazônica para além das fronteiras” afirma Rodrigo Antonio, sócio da Leão do Norte e organizador do evento.  

AMÉRICA LATINA EM FOCO E PARCEIROS

 

Desta forma, a programação do Matapi 2020 ainda terá como foco os diálogos e estudos de caso centrados em países da Centro-américa e Caribe, compreendendo a internacionalização de projetos a partir de filmes e trajetórias de realizadores que vivenciam o ser e estar da identidade sociopolítica como um aspecto fundante de suas obras.

“Acreditamos que as trocas com a América Latina podem despertar os produtores da região para construção de carreira de suas obras mais próxima de suas realidades de produção e temas”, complementa Rodrigo.

Segundo a organização, toda a programação do Matapi 2020 surge de forma complementar e dialógica com os outros eventos e iniciativas nacionais, regionais e locais através de uma rede de parcerias, incluindo, o goiano SAPI (Seminário Audiovisual Para Produtoras Independentes) e o NordesteLab, que já conta com mais de 35 players confirmados em suas rodadas de negócios e inscrições abertas até 13 de setembro.

com informações de assessoria

Festival Varliux 2020: confira os horários dos filmes em Manaus

O Festival Varliux de Cinema Francês é a nova aposta para atrair público para os cinemas durante a crise provocada pela pandemia da COVID-19. O evento inicia a partir desta quinta-feira (19) e, em Manaus, terá dois locais de exibição: Casarão de ideias, no Centro, e o...

Parceria de Fábio Baldo e Flávia Abtibol representa Amazonas em telefilme da Globo Filmes

O Amazonas é um dos cinco Estados brasileiros a participarem do projeto de telefilmes regionais da Globo Filmes. Com direção de Fábio Baldo (“Antes o Tempo Não Acabava”) e roteiro de Flávia Abtibol (“Dom Kimura”), “Deus Me Livre, Mas Quem Me Dera” foi o projeto...

Cine Set entrevista candidatos à Prefeitura de Manaus sobre setor cultural

O Cine Set inicia a publicação da série de entrevistas com os candidatos à Prefeitura de Manaus a partir desta segunda-feira (9). Nove dos onze postulantes ao cargo - Amazonino Mendes, Capitão Alberto Neto, Chico Preto, Coronel Menezes, Gilberto Vasconcelos, Marcelo...

Premiado ‘A Febre’ terá sessão especial em Manaus

O Festival Olhar do Norte será realizado apenas entre os dias 5 e 7 de dezembro, porém, terá uma prévia no sábado, dia 14 de novembro. O evento promove uma exibição especial de "A Febre", longa rodado em Manaus com direção de Maya Da-Rin. A sessão será realizada no...

Pirarucurta 2020 terá noite de premiação em drive-in no Studio 5

Prepare-se para uma edição grandiosa do Pirarucurta! Adaptando-se ao cenário da pandemia da COVID-19, o Festival Audiovisual Universitário da Faculdade Martha Falcão terá a noite de premiação, no dia 19 de novembro, aberta ao público em uma sessão de cinema drive-in...

Com retornos do Cinemark e Cine Araújo, 100% dos complexos de Manaus voltam a funcionar

Sete meses depois do início da pandemia da COVID-19 fechar os cinemas de Manaus, todos os complexos da capital estão de volta. O Cinemark, localizado no Studio 5, e o Cine Araújo, no Shopping Manaus Via Norte, retornam nesta quinta-feira (29) com a estreia de “Tenet”,...

Prazos apertados levam desafios ao audiovisual do Amazonas em editais da Lei Aldir Blanc

Os editais do Governo do Amazonas e da Prefeitura de Manaus provenientes do repasse da Lei Aldir Blanc iniciam a fase de inscrição das propostas a partir desta semana. A Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), por exemplo, lançou 11 editais do...

Manuscrito histórico de Silvino Santos aguarda publicação na Ufam

A morte de Silvino Santos completou 50 anos no último dia 14 de maio. A trajetória rica do pioneiro do cinema na região amazônica aparece em detalhes no manuscrito “Romance da Minha Vida”, de autoria do próprio diretor dos clássicos “No Paiz das Amazonas” e “Amazonas,...

Vitória de ‘O Barco e o Rio’ em Gramado não é exceção, mas, pode vir a ser

Parte do que será colocado neste texto também foi abordado pelo João Fernandes, diretor-proprietário do Casarão de Ideias, em sua coluna no jornal A Crítica deste domingo (27) (clique aqui para ler).  --  Dirigido por Bernardo Ale Abinader, “O Barco e o Rio” escreveu...

Animação amazonense ‘Lupita’ vence prêmio no Festival de Gramado 2020

A festa do audiovisual amazonense foi completa na noite de premiação do Festival de Gramado 2020: além dos cinco Kikitos vencidos por “O Barco e o Rio” entre os curtas-metragens nacionais, “Lupita no Planeta de Gente Grande”, da manauara Petit Fabrik em parceria com a...