No primeiro (e tomara que último) Oscar pandêmico, a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas foi beber na fonte do seu passado de ouro e conduziu “Mank” para liderar a corrida rumo ao prêmio do próximo dia 25 de abril. A produção da Netflix dirigida por David Fincher emplacou 10 indicações, o maior número entre todos os longas em disputa. Concorre em categorias como Melhor Filme, Direção, Ator com Gary Oldman, Atriz Coadjuvante com Amanda Seyfried, entre outras.

Atrás de “Mank” em número de nomeações, o Oscar 2021 reservou uma corrida mais equilibrada: a segunda posição ficou com “Meu Pai”, “Judas e o Messias Negro“, “Minari“, “Os Sete de Chicago“, “Nomadland” e “O Som do Silêncio“, cada um com seis indicações. Na sequência, aparecem “Bela Vingança” e “A Voz Suprema do Blues” com cinco.

Como esperado, a Netflix foi o estúdio com mais indicações: 35, ao todo. Superou o recorde do ano passado quando obteve 24 nomeações. Porém, em Melhor Filme, o serviço de streaming ficou estagnado nas duas indicações: se em 2020 foi com “História de um Casamento” e “O Irlandês“, agora, chega com “Mank” e “Os Sete de Chicago”. O revés maior veio de “A Voz Suprema do Blues”, esnobado na categoria.

INCLUSÃO E DIVERSIDADE

Sem dúvida, o maior avanço do Oscar 2021 foi na categoria de Melhor Direção: pela primeira vez na história, duas mulheres irão disputar a categoria no mesmo ano. As responsáveis pelo feito são a favorita Chloé Zhao, por “Nomadland”, e Emerald Fennell, de “Bela Vingança”. A lista poderia ter sido ainda maior caso Regina King, de “Uma Noite em Miami“, tivesse sido lembrada.

A diversidade racial também chega com força na temporada de premiações: pela segunda vez na história, uma das categorias de atuação traz predomínio de intérpretes negros. Em Melhor Ator Coadjuvante, concorrem Leslie Odom Jr, por “Uma Noite em Miami”, e a dupla de “Judas e o Messias Negro”, Daniel Kaluuya e Lakeith Stanfield. O pioneirismo ocorreu em Melhor Atriz Coadjuvante no Oscar 2017 quando Viola Davis, Octavia Spencer e Naomie Harris foram nomeadas.

Viola Davis, por “A Voz Suprema do Blues”, e Andra Day, de “The United States Vs Billie Holliday” em Melhor Atriz, e Chadwick Boseman em Ator Principal completam o time de intérpretes negros indicados ao prêmio. Já Mia Neal e Jamika Wilson, também do drama da Netflix, se tornaram as primeiras mulheres negras nomeadas em Melhor Maquiagem e Penteado.

Já os asiáticos ou seus descendentes estarão representados em dose tripla por “Minari” com Lee Isaac Chung em Melhor Direção, Steven Yeun em Melhor Ator e Yuh-Jung Youn em Atriz Coadjuvante. Completa o time Ramin Bahrani, roteirista de “O Tigre Branco“.

Veja a lista completa dos indicados ao Oscar 2021 (clique aqui).

Bolão Oscar 2021 no Cine Set com prêmios para você

O bolão do Cine Set já está no ar! https://www.youtube.com/watch?v=i7QZkOqXEgM OS PRÊMIOS um (1) Blu-Ray de “Parasita”; um (1) Blu-Ray de “Babenco”; um (1) Blu-Ray de “Retrato de uma Jovem em Chamas”. COMO PARTICIPAR Para participar é muito simples: você precisa...

Oscar 2021: Quais Deveriam ser os Ganhadores? – Parte 2

Caio Pimenta segue analisando quais deveriam ser os ganhadores do Oscar em nove categorias, incluindo Melhor Filme e atuações. https://www.youtube.com/watch?v=hL7kLULHAd8 DOCUMENTÁRIO E ANIMAÇÕES Entre os documentários em longas-metragens, meu favorito é o chileno “O...

Oscar 2021: Quais Deveriam ser os Ganhadores? – Parte 1

Caio Pimenta analisa quais deveriam ser os ganhadores do Oscar em nove categorias, incluindo Melhor Direção e roteiros. https://www.youtube.com/watch?v=HhiLEu6vciY CURTA E SOM Vamos começar com os curtas de ficção.    O meu favorito é o israelense “White Eye” seguido...

Oscar: TOP 10 Maiores Momentos da Década 2010

De Leonardo DiCaprio a Lady Gaga, Caio Pimenta apresenta uma lista com os 10 momentos mais marcantes do Oscar na década de 2010.  https://www.youtube.com/watch?v=HZm_rdBu7d8 10. RUTH E. CARTER E HANNAH BEACHLER  https://www.youtube.com/watch?v=bw_n6O0d46k...

Oscar 2021: Qual filme tem mais chance de surpreender “Nomadland”?

Grandes rivalidades marcaram muitos anos do Oscar.  Quem não lembra dos duelos de “E o Vento Levou” e “O Mágico de Oz” ou “A Malvada” versus “Crepúsculo dos Deuses”, “A Noviça Rebelde” contra “Doutor Jivago”, “O Poderoso Chefão” versus “Cabaret”, “Kramer Vs Kramer”...

SAG 2021: ‘Os Sete de Chicago’ vence Melhor Elenco e ganha força para o Oscar

Apesar de uma lista repleta de diversidades, o SAG 2021 de Melhor Elenco foi para uma produção de maioria branca com “Os Sete de Chicago”. https://www.youtube.com/watch?v=dh-sPpPXQ0E O filme traz gigantes como Michael Keaton, Eddie Redmayne, Sacha Baron Cohen,...

SAG 2021: Viola Davis mostra força e vence em Melhor Atriz

Até tentaram tirar o protagonismo do filme dela, mas, Viola Davis é tão forte que cá está conquistando o prêmio de Melhor Atriz do SAG 2021 por "A Voz Suprema do Blues". Este é o segundo prêmio da estrela no evento: a primeira aconteceu em 2012 com “Histórias...

SAG 2021: Chadwick Boseman segue imbatível e vence Melhor Ator

A maior barbada do SAG 2021 se confirmou: Chadwick Boseman leva o prêmio de Melhor Ator por “A Voz Suprema do Blues”. Este é o primeiro troféu póstumo da categoria. https://www.youtube.com/watch?v=lyWyv6fYmQ8 Vale lembrar que o Chadwick já venceu o Globo de Ouro e o...

SAG 2021: destaque de ‘Minari’, Yun-Jung Youn vence Melhor Atriz Coadjuvante

Yun-Jung Youn. Vencedora de Melhor Atriz Coadjuvante por “Minari”, ela é a primeira mulher vencedora de um SAG no cinema por um filme não falado em inglês. Entre os homens, o feito ficou por conta do Roberto Benigni, em 1999, por “A Vida é Bela”. ...

SAG 2021: Daniel Kaluuya mantém domínio e vence Melhor Ator Coadjuvante

Depois de levar o Globo de Ouro e o Critics Choice Awards, chegou a hora de Daniel Kaluuya conquistar o SAG 2021. Ele venceu Melhor Ator Coadjuvante por “Judas e o Messias Negro”.  https://www.youtube.com/watch?v=zgKyo_vtBWw Dividindo o protagonismo com...