No primeiro (e tomara que último) Oscar pandêmico, a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas foi beber na fonte do seu passado de ouro e conduziu “Mank” para liderar a corrida rumo ao prêmio do próximo dia 25 de abril. A produção da Netflix dirigida por David Fincher emplacou 10 indicações, o maior número entre todos os longas em disputa. Concorre em categorias como Melhor Filme, Direção, Ator com Gary Oldman, Atriz Coadjuvante com Amanda Seyfried, entre outras.

Atrás de “Mank” em número de nomeações, o Oscar 2021 reservou uma corrida mais equilibrada: a segunda posição ficou com “Meu Pai”, “Judas e o Messias Negro“, “Minari“, “Os Sete de Chicago“, “Nomadland” e “O Som do Silêncio“, cada um com seis indicações. Na sequência, aparecem “Bela Vingança” e “A Voz Suprema do Blues” com cinco.

Como esperado, a Netflix foi o estúdio com mais indicações: 35, ao todo. Superou o recorde do ano passado quando obteve 24 nomeações. Porém, em Melhor Filme, o serviço de streaming ficou estagnado nas duas indicações: se em 2020 foi com “História de um Casamento” e “O Irlandês“, agora, chega com “Mank” e “Os Sete de Chicago”. O revés maior veio de “A Voz Suprema do Blues”, esnobado na categoria.

INCLUSÃO E DIVERSIDADE

Sem dúvida, o maior avanço do Oscar 2021 foi na categoria de Melhor Direção: pela primeira vez na história, duas mulheres irão disputar a categoria no mesmo ano. As responsáveis pelo feito são a favorita Chloé Zhao, por “Nomadland”, e Emerald Fennell, de “Bela Vingança”. A lista poderia ter sido ainda maior caso Regina King, de “Uma Noite em Miami“, tivesse sido lembrada.

A diversidade racial também chega com força na temporada de premiações: pela segunda vez na história, uma das categorias de atuação traz predomínio de intérpretes negros. Em Melhor Ator Coadjuvante, concorrem Leslie Odom Jr, por “Uma Noite em Miami”, e a dupla de “Judas e o Messias Negro”, Daniel Kaluuya e Lakeith Stanfield. O pioneirismo ocorreu em Melhor Atriz Coadjuvante no Oscar 2017 quando Viola Davis, Octavia Spencer e Naomie Harris foram nomeadas.

Viola Davis, por “A Voz Suprema do Blues”, e Andra Day, de “The United States Vs Billie Holliday” em Melhor Atriz, e Chadwick Boseman em Ator Principal completam o time de intérpretes negros indicados ao prêmio. Já Mia Neal e Jamika Wilson, também do drama da Netflix, se tornaram as primeiras mulheres negras nomeadas em Melhor Maquiagem e Penteado.

Já os asiáticos ou seus descendentes estarão representados em dose tripla por “Minari” com Lee Isaac Chung em Melhor Direção, Steven Yeun em Melhor Ator e Yuh-Jung Youn em Atriz Coadjuvante. Completa o time Ramin Bahrani, roteirista de “O Tigre Branco“.

Veja a lista completa dos indicados ao Oscar 2021 (clique aqui).

Oscar 2023: O Que Fica do Primeiro Semestre de 2022?

De "Triangle of Sadness" até "Tudo em Todo Lugar ao Mesmo Tempo", Caio Pimenta fala dos destaques do primeiro semestre de 2022 mirando o Oscar 2023. https://www.youtube.com/watch?v=vAudDVp1joA DEFINIÇÕES PARA A CORRIDA As datas do Oscar 2023 já foram confirmadas:    a...

Oscar: Os Piores Indicados entre 2000 a 2022

De “O Homem Bicentenário” a "Um Príncipe em Nova York 2", Caio Pimenta lista os piores filmes indicados ao Oscar entre 2000 a 2022. DE 2000 A 2010 O Oscar 2000 foi uma temporada excelente, afinal de contas, o ano de 1999 foi um dos melhores de Hollywood dos últimos...

Oscar: TOP 10 Ganhadores Melhor Filme Internacional nos Anos 2010

De "O Segredo dos Seus Olhos", da Argentina, a "Roma", do México, Caio Pimenta elege o TOP 10 dos Ganhadores de Melhor Filme Internacional nos Anos 2010. PS: até 2019, a categoria se chamava Melhor Filme de Língua Não-Inglesa, porém, para fins de maior entendimento,...

Oscar: Os Quase Indicados a Melhor Filme (2000 a 2022)

De "Quero ser John Malkovich" a "Apresentando os Ricardos", Caio Pimenta traz as obras que bateram na trave para serem indicadas a Melhor Filme no Oscar. https://www.youtube.com/watch?v=vPU4Vhgr55Y 2000 a 2009 Com apoio de Harvey Weinstein, “Regras da Vida”...

Oscar: 10 Atuações Masculinas que não deram sorte na Premiação (2000-2020)

De Gary Oldman a Michael Keaton, Caio Pimenta traz um TOP 10 com atuações masculinas que não sorte no Oscar. https://www.youtube.com/watch?v=GdrLBWPhCys 10. GARY OLDMAN, POR "O ESPIÃO QUE SABIA DEMAIS" O décimo lugar deste TOP 10 ocorreu há 10 anos.   O Jean Dujardin...

Oscar: 10 Atuações Femininas que não deram sorte na Premiação (2000-2020)

De Nicole Kidman, por "Moulin Rouge", a Ellen Burstyn, de "Réquiem Para um Sonho", Caio Pimenta traz um TOP 10 com atrizes que não sorte no Oscar, seja por concorrer contra uma mega favorita ou estar no meio de uma disputa entre duas candidatas fortes....

Oscar: O Melhor e o Pior das Indicações de Saoirse Ronan e Penélope Cruz

Das nomeações por "Desejo e Reparação" e "Volver" a "Adoráveis Mulheres" e "Mães Paralelas", Caio Pimenta analisa quais as melhores e piores indicações de Saoirse Ronan e Penélope Cruz no Oscar. https://www.youtube.com/watch?v=0awFQcqEwSw 4. "BROOKLYN" Começando com a...

Oscar 2023 – Quem Pode Surgir na Disputa? – Parte 9

De Steven Spielberg a Alejandro González Iñarritu, Caio Pimenta aponta os últimos 10 candidatos ao Oscar 2023. "THE FABELMANS" E "BARDO" Steven Spielberg fez uma campanha digna com “Amor, Sublime Amor” no Oscar 2022 ainda que se esperasse mais do musical na briga com...

Oscar: O Melhor e o Pior das Indicações de Christian Bale e Joaquin Phoenix

Das nomeações por "O Vencedor" e "Gladiador" a "Vice" e "Coringa", Caio Pimenta analisa quais as melhores e piores indicações de Christian Bale e Joaquin Phoenix no Oscar. 4. A GRANDE APOSTA Começo com o Christian Bale e a indicação mais fraca dele ao Oscar, para mim,...

Brasil no Oscar 2023: Quem Pode Surgir na Disputa? – Parte 8

No especial dos candidatos do Oscar 2023, Caio Pimenta traz uma lista com sete filmes brasileiros que podem representar o país. https://www.youtube.com/watch?v=AMOUGgQqXiM "MARTE UM", "O LIVRO DOS PRAZERES" E "A Primeira Morte de Joana” Vamos então aos candidatos...