De “Cyrano” a “Encanto”, Caio Pimenta apresenta mais possibilidades de filmes para disputar o Oscar 2022 nesta oitava parte do especial.

BLUE BAYOU 

Vamos começar com uma produção exibida na Mostra Um Certo Olhar do Festival de Cannes 2021. 

“Blue Bayou” mostra a história de um jovem sul-coreano nos EUA prestes a ser deportado precisando lidar com o seu passado.

Justin Chon é o diretor, protagonista e roteirista do filme que ainda conta no elenco com a Alicia Vikander e Mark O´Brien. 

A produção chega como uma das apostas da Focus Features para o Oscar ao lado de “Stillwater”, “Noite Passada em Soho” e do próximo filme da lista. 

BELFAST 

Kenneth Branagh

“Belfast” é o novo trabalho do Kenneth Branagh como diretor de cinema.

Em vez de Shakespeare ou Agatha Christie, agora, o irlandês irá abordar a própria vida, mais precisamente, a infância na cidade que dá nome ao filme. 

O elenco traz a Judi Dench, vencedora do Oscar por “Shakespeare Apaixonado”, e o Jamie Dornan, conhecido do público por “Cinquenta Tons de Cinza”.

Lançamento deve acontecer no Festival de Toronto deste ano, ou seja, se sair premiado de lá, deve conseguir uma indicação a Melhor Filme. 

CYRANO 

Já pensou o Peter Dinklage, o eterno Tyrion Lannister, premiado com um Oscar?  

Pode acontecer em 2022: o ator será o protagonista de “Cyrano”.

A adaptação conta a clássica história do poeta inteligente e sentimental apaixonado por Roxanne, porém, ele tem vergonha de se declarar por conta do nariz dele.

A situação se complica ainda mais quando ele passa a escrever cartas de amor para ela em nome de um outro pretendente. 

“Cyrano de Bergerac” já rendeu um Oscar de Melhor Ator para o José Ferrer em 1951, enquanto o Gerárd Depardieu também foi pelo mesmo papel em 1991.

Logo, não será surpresa alguma ver o Dinklage com chances. 

MASS 

O Festival de Sundance 2021 foi dominado por “Coda”, porém, teve espaço para mais um filme conseguir chamar a atenção rumo ao Oscar. 

“Mass” aborda o delicado tema dos tiroteios absurdos ocorridos em escolas dos EUA.

Aqui, o foco está nos pais. Anos depois da tragédia, os pais de uma das vítimas se encontram com os pais do atirador para uma conversa franca e devastadora. 

Conhecida por “The Handmaid´s Tale”, a Ann Dowd é vista como a grande chance de “Mass” ser indicado ao Oscar na categoria de Atriz Coadjuvante. 

ENCANTO 

Depois de um filme pesado como “Mass”, vamos para algo mais fofinho.

A Disney tentará o Oscar de Melhor Animação com “Encanto”. 

Ambientado na Colômbia, “Encanto” conta a história da família Madrigal que vive uma casa mágica em uma região montanhosa. A única das crianças do local sem um dom especial, Mirabel terá a missão de salvar a comunidade de uma grave ameaça. 

A trilha sonora é do Lin-Manuel Miranda, do sucesso “Hamilton”.

Resumindo: aposta no mercado latino e na pauta da diversidade para chegar forte no Oscar 2022. 

FLEE 

Também destaque em Sundance e exibido no É Tudo Verdade deste ano, “Flee” pode ser uma bem-vinda novidade tanto em documentário como em animação. 

Dirigido por Jonas Poher Rasmussen, “Flee” traz a história de um refugiado afegão lembrando a viagem feita na infância para fugir do país. A produção mostra o protagonista revelando um segredo doloroso que manteve ao longo de 20 anos para conseguir construir seu futuro. 

A recente crise com a retomada do Taleban ao controle do Afeganistão e iminente supressão dos direitos humanos no país deve fazer “Flee” ganhar ainda mais atenção dentro da Academia. 

THE ELECTRICAL LIFE OF LOUIS WAIN 

As cinebiografias britânicas poderão ser representadas por “The Electrical Life of Louis Wain”.

A história apresenta a vida do artista conhecido por pinturas de gatinhos. O felino foi adotado durante a doença da esposa dele que acabou morrendo tempos depois. 

O Benedict Cumberbatch e a Claire Foy são os protagonistas do filme dirigido pelo Will Sharpe, da série “Flowers”. Será outra atração do Festival de Toronto 2021. 

Pode agradar o público da Academia em cheio com uma história de época romântica protagonizada por atores em alta em Hollywood e ainda sem um Oscar. 

 C´MON C´MON 

O Joaquin Phoenix pode tentar a segunda estatueta da carreira com “C´Mon C´Mon”. 

O ator irá interpretar um artista que fica responsável por cuidar da sobrinha. Os dois acabam embarcando em uma viagem pelos EUA e um inesperado laço de afeto começa a brotar entre eles. 

A direção é do Mike Mills, de filmes como “Toda Forma de Amor” e “Mulheres do Século XX”, enquanto a produção fica por conta da A24.

Ingredientes não faltam para aparecer entre os indicados. 

AFTER YANG 

Exibido no Festival de Cannes 2021 dentro da Mostra Um Certo Olhar, “After Yang” é uma ficção científica comandada pelo diretor sul-coreano Kogonada. 

O filme se passa em um futuro em que crianças robôs são compradas como babás. Um pai ao lado da filha dele irá tentar salvar a vida de um membro de uma família destes robôs. 

Colin Farrell e a Jodie-Turner Smith são os protagonistas da produção. 

MOTHERING SUNDAY 

Por fim, tem mais um candidato britânico: agora, é a vez de “Mothering Sunday”. 

Dirigido pela Eva Husson, o filme traz a história de uma empregada que vive na Inglaterra pós-Primeira Guerra Mundial que planeja secretamente se encontrar com o homem que ama antes de ele partir para se casar com outra mulher. 

O elenco tem Odessa Young de protagonista ao lado do Josh O´Connor, Olivia Colman e Colin Firth. A produção foi exibida em Cannes e já está programada para o Festival de Sundance.  

Mais um britânico para ficar de olho! 

Oscar 2022: Por que não indicar Kristen Stewart será um erro?

A derrota no Globo de Ouro e a esnobada no SAG colocaram a Kristen Stewart em perigo na corrida para o Oscar. De favorita absoluta ao prêmio, agora, a estrela de “Spencer” corre o risco até de ficar fora da lista de indicadas a Melhor Atriz.  Com minha grande...

Oscar: O Melhor e o Pior das Indicações de Viola Davis e Renée Zellweger

De "O Diário de Bridget Jones" a "A Voz Suprema do Blues", Caio Pimenta analisa da pior à melhor indicação da carreira de Viola Davis e Renée Zellweger. https://youtu.be/nRan4CesJTQ 4. JUDY  A indicação mais fraca da carreira de Renée Zellweger foi justamente a que...

Oscar 2022: O Impacto do Globo de Ouro e das indicações ao SAG

Caio Pimenta analisa como fica a corrida do Oscar 2022 com os resultados do Globo de Ouro, as indicações ao SAG e a revelação das pré-listas do Bafta. https://www.youtube.com/watch?v=gBdDE53f-HY GLOBO DE OURO  O prêmio da Associação de Imprensa Estrangeira em...

SAG 2022: Previsões Finais dos Indicados

Caio Pimenta traz as previsões para as indicações ao SAG 2022, o prêmio do Sindicato dos Atores dos EUA; divulgação será no dia 12 de janeiro. https://youtu.be/VqeURXvkXRg MELHOR ATRIZ COADJUVANTE  A corrida por Melhor Atriz Coadjuvante traz quatro nomes definidos e...

Oscar: O Melhor e o Pior das Indicações de John Ford

De "O Delator" a "Depois do Vendaval", Caio Pimenta analisa da pior à melhor indicação da carreira de John Ford. 5. DEPOIS DO VENDAVAL  “Depois do Vendaval” foi a última indicação da carreira do Ford e rendeu a ele o recorde de vitórias da categoria.  A quarta...

Oscar 2022: Previsões das Indicações – Virada do Ano

Caio Pimenta aponta quais serão os indicados ao Oscar 2022 em Melhor Filme, Direção, Ator, Atriz, Coadjuvantes, Roteiros Adaptado e Original, Animação e Filme Internacional. https://www.youtube.com/watch?v=ai0PLy0HXeE ROTEIROS  Começamos com Roteiro Adaptado, onde...

Oscar: O Melhor e o Pior das Indicações de James Stewart

De "A Mulher Faz o Homem" a "Anatomia de um Crime", Caio Pimenta analisa da pior à melhor indicação da carreira de James Stewart. https://www.youtube.com/watch?v=ZmSCAyOB_x4 5. MEU AMIGO HARVEY  A indicação mais fraca da carreira de James Stewart ao Oscar veio em...

Oscar: Os Filmes Natalinos que Disputaram o Prêmio

De ”A Felicidade Não se Compra” a “Klaus”, Caio Pimenta apresenta a lista dos filmes natalinos indicados na história do Oscar. https://www.youtube.com/watch?v=mah6cVwm2kc O término da Segunda Guerra Mundial fez o Oscar se voltar para os esperançosos filmes natalinos...

Oscar: O Melhor e o Pior das Indicações de Glenn Close

De "O Mundo Segundo Garp" a "Era uma vez um Sonho", Caio Pimenta analisa da pior à melhor indicação da carreira de Glenn Close. https://youtu.be/RMbZHUMUnU8 8. UM HOMEM FORA DE SÉRIE  Em 1985, a Glenn Close foi indicada ao Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante por “Um...

Oscar 2022: Previsões Finais para a Shortlist

Caio Pimenta faz as apostas de quais produções devem aparecer na aguardada shortlist do Oscar nas categorias de Melhor Filme Internacional, Documentário, Efeitos Visuais, Maquiagem e Penteado, Canção Original e Trilha Sonora....