Prisão domiciliar de diretor russo vira alvo de protesto no Festival de Cannes

O tapete vermelho de Cannes se tornou, na quarta-feira (9), palco de protesto pela ausência do cineasta russo Kirill Serebrennikov, em prisão domiciliar, e cujo filme “Leto” disputa a Palma de Ouro. Os produtores e...

consulte Mais informação