Quando me foi passada a tarefa de montar essa lista, eu confesso que, no primeiro momento eu fique feliz.

“Vai ser moleza”, pensei.

Eu devia estar distraído ou não tinha raciocinado direito: montar uma lista com dez clássicos e uma bomba da Sessão da Tarde se mostrou não ser uma missão das mais fáceis.

Explicando em miúdos, existem filmes ruins, mas que moram em nossa memórias afetivas; por outro lado, também poderia esquecer muita coisa boa. E por último, se um filme muito bom passou uma vez na atração, isso já o classifica como clássico?

Enfim, tristeza deixar coisas de fora.

A verdade é que a Sessão da Tarde claramente tem um papel fundamental na minha formação como cinéfilo e é uma pena a forma como ela está sendo tratada hoje. A atração faz parte de uma época que eu não ligava para nomes envolvidos nas produções: apenas ficava de olho na aventura que passava na minha frente.

Vamos à lista com dos 10 melhores e o pior:


10 – Esqueceram de Mim

Filme que lançou o pequeno Macauley Culkin ao patamar de astro mirim, um campeão de bilheteria. Com roteiro de John Hughes e direção de Chris Columbus, responsável, anos mais tarde, da primeira aventura de Harry Potter no cinema.

Esquecido pela família sozinho em casa durante as festas do Natal, Kevin (Culkin) precisa encarar ladrões que invadem o local esperando um roubo sem dificuldades. A dupla interpretada por Joe Pesci e Daniel Stern, entretanto, não esperava encontrar o menino disposto a proteger o patrimônio de qualquer maneira.

Impossível não rir de Kevin simulando a presença de alguém armado na casa usando uma VHS.

Um clássico da Sessão da Tarde e dos filmes de Natal!

Outros filmes infantis que podiam entrar nessa lista: “A Princesinha”, “O Jardim Secreto”, “Matilda”.


9 – Corra que a Polícia vem Aí 

Leslie Nielsen já tem seu nome gravado nas comédias e na história do cinema, mas foi interpretando o detetive Frank Debrin que ele conseguiu esse status.

Dirigido por David Zucker com o roteiro do irmão Jerry Zucker e de Jim Abrahams, “Corra que a Polícia vem aí” é, sem dúvida, uma das melhores comédias já feitas.

Outros filmes de comédia que podiam entrar nessa lista: “Top Gang 1 e 2”, “Apertem os Cintos o Piloto Sumiu” e “Top Secret”.


8 – Quero ser Grande

Primeira indicação ao Oscar da carreira de Tom Hanks, “Quero Ser Grande” traz a já a clássica cena em que o personagem toca um piano gigante com Robert Loggia em uma loja de brinquedos.

Na história, uma criança pede para ser adulto em uma máquina de um parque de diversões, o desejo se realiza e a confusão começa.

O engraçado é que filmes com essa premissa são tão famosos na Sessão da Tarde quanto os de trocas de corpos: “Jovem de Novo” com Keanu Reeves, “Tal Pai Tal Filho” e “Sexta-Feita Muito Louco”.


7 –   Um Tira da Pesada

Eddie Murphy é um dos reis da Sessão da Tarde e os três filmes de “Um Tira da Pesada” passearam pelas tardes globais. O primeiro dirigido por Tony Scott, o segundo por Martin Brest e o último sob comando de e John Landis.

Na história, Axel Foley (Eddie Murphy) é um policial de Detroit que se mete em uma investigação da polícia de Bervely Hills.

Uma comédia de ação sensacional e com aquela trilha sonora que não sai da cabeça.

Outro filme do Murphy que podia estar na lista: “Um Príncipe em Nova York”.

Não, o primeiro príncipe de uma nação africana rica a aparecer no cinema não foi o T’Challa.


6 – Os Fantasmas se Divertem

Fiquei em dúvida sobre qual filme do Tim Burton colocar aqui na lista: “Os Fantasmas se Divertem” ou “Edward Mãos de Tesoura” (que inclusive é um dos meus favoritos do diretor).

Mas “Os Fanstasmas se Divertem” é uma comédia tão absurda e com aquele clima que casa muito bem com o de matinê do horário.

Um casal interpretado por Alec Baldwin e Geena Davis morre e contratam Bettlejuice – ou Besouro Suco na clássica dublagem. O objetivo é expulsar os novos moradores da casa onde viviam.

O elenco ainda contam com Michael Keaton no papel do Besouro e Winona Ryder. O filme tem tantos fãs que ganhou até uma série animada.


5 – Os Aventureiros do Bairro Proibido

Não poderia falta John Carpenter na lista!

“Os Aventureiros do bairro proibido” é um daqueles filmes pipoca sensacionais e, que inclusive, inspirou os criadores do Mortal Kombat.

Na sinopse, Jack Burton (Kurt Russell) e seu amigo Wang Chi, precisam salvar suas namoradas que foram sequestradas em uma bizarra Chinatown. Durante a confusão, eles acabam enfrentando o Feiticeiro Lo Pan.


4 – Conta Comigo

Baseado em um conto de Stephen King e com a direção de Rob Reiner, “Conta Comigo” mostra um escritor recordando de uma lembrança da infância, na qual ele e mais alguns amigos foram atrás do corpo de um jovem desaparecido. No elenco, Kieefer Sutherland e um promissor River Phoenix.

Um filme sobre descobertas, amadurecimento e de nós na garganta.

O final trágico e a música “Stand By me” é de fazer crianças e adultos chorarem juntos.

Outro filme do Rob Reiner que poderia estar nessa lista é “A Princesa Prometida”, divertido demais.

3 – De Volta para o Futuro

Outra trilogia exibida a exaustão na Sessão da Tarde.

E pensar que cogitaram que a máquina do tempo não fosse um carro, um absurdo.

Outro filme do Zemeckis que passou muito pela Sessão da Tarde foi “Tudo por uma Esmeralda” com Michael Douglas e Kat Turner.

“Bill e Ted – Uma Aventura Fantástica” também é outro de filmes de viagem no tempo clássico da “Sessão da Tarde”.


2 – Os Goonies

“Os Goonies” poderia estar na primeira posição desse Top, mas estar com a medalha de prata já é uma honra.

Um filme que influencia até hoje a cultura pop de maneira geral. “Stranger Things”, por exemplo, bebe muito nessa fonte.

Ideia e produção de Steven Spielberg (sempre ele), roteiro de Chris Columbus e direção de Richard Donner – a versatilidade em pessoa – que já tinha provado que um homem poderia voar no cinema. Na trilha sonora, ainda temos a Cindy Lauper.

Tinha como dar errado?

Na história, um grupo de amigos acha um mapa do tesouro, encara altas confusões, bandidos e salvam o dia.

Outro filme do Donner que podia estar nessa lista é “O Feitiço de Áquila”; tenho os dois na estante e no coração.

1 – Curtindo a Vida Adoidado

Aqui não está apenas um filme, mas como diriam hoje, um hino de filme.

Poucos diretores souberam conversar tão bem com uma geração quanto John Hughes. Em “Curtindo a vida Adoidado”, ele literalmente usa o seu protagonista para bater um papo com o seu público.

“Eu já disse isso uma vez, vou dizer novamente: A Vida passa muito rápido; se você não parar e olhar ao redor, você pode perdê-la”.

Duas palavras: Salve Ferris!

Hughes tem também outros filmes que inundaram as tardes da Globo. Podemos citar aqui “Clube dos Cinco”, “Gatinhas e Gatões”.

Outros filmes com a mesma temática de high school que costumavam ser exibidos nas tardes globais: “Te Pego lá fora”, “Curso de Verão”, “Namorada de Aluguel”, “Quase Igual aos Outros” e claro o hoje querido “10 Coisas que Odeio em Você”.


Bomba – A Lagoa Azul

Provavelmente, o filme mais famoso da “Sessão da Tarde”!

Seria um filme sobre descobertas, jardim do Éden e inocência, mas tudo é feito de uma maneira constrangedora.

Menção desonrosa: Howard, O Super-herói. Com produção de George Lucas, adaptação em quadrinhos de um personagem controverso, bizarro demais.

Facebook Comments