Produzido pela agência de notícias Amazônia Real, o documentário “Pés de Anta – As Cineastas Munduruku” vai representar o Norte do Brasil na sexta edição do ‘Tudo Mulheres – Festival de Cinema Feminino da Chapada dos Guimarães’. O curta vencedor de dois prêmios no Festival Olhar do Norte está na seleção final de 32 produções selecionadas para participar do evento no Mato Grosso, entre os dias 5 e 9 de setembro.

Com curadoria de Aline Wendpap, Danielle Bertolini e Fernanda Solon, o festival tem como objetivo estimular a produção audiovisual que aborde a questão feminina, não importando o sexo dos realizadores.  “Após um período sem festival, a transformação foi muita – agora os filmes chegam pelas nuvens e não mais em DVD pelos correios, tudo está definitivamente digital, evoluiu. Por outro lado, a questão de gênero também se modificou neste período, e percebo que agora temos muito mais o que reivindicar e lutar – por equidade, por salários compatíveis, contra a violência, o feminicídio, pelo direito de viver nossos corpos e sexualidade como julgarmos que seja o melhor para nós”, afirma Danielle. Não à toa, o nome “Tudo Sobre Mulheres” foi inspirado pelo filme Tudo Sobre Minha Mãe, de Pedro Almodóvar, cineasta que sabe como poucos retratar o universo das mulheres em sua filmografia.

“Tudo Sobre Mulheres” ainda contribui com a urgente necessidade de descentralização da produção cultural, ao sair do eixo Rio-São Paulo e levar o Tudo Sobre Mulheres para o interior do Brasil, Chapada dos Guimarães – patrimônio ambiental da humanidade. Além da exibição de obras audiovisuais na Mostra Competitiva, o festival também oferece apresentações de companhias de teatro, shows, lançamento de livros, feira de artesanato, dança e exposição de artistas locais.

A categoria melhor filme será premiada pela O2 Play e pela O2 Pós com o encode do curta vencedor e um longa-metragem produzido pela produtora ou diretor(a) ganhador(a) do festival para as plataformas de streaming (NOW*, iTunes, Google Play e Vivo Play). O Prêmio CiaRio ao Melhor Curta Metragem, Média Metragem e Documentário consistirá em locação de equipamentos de Iluminação, acessórios e maquinaria; os premiados nas categorias “Melhor Filme da Região CONNE (Norte, Nordeste e Centro-Oeste)”, “Melhor Filme SP/RJ” e “Melhor filme da Região FAMES (MG, ES, Região Sul)” ganharão serviços de pós-produção pelo Mistika, de som pelo Estúdio MIX e consultoria sobre direitos autorais e contratos;  já a Academia Internacional de Cinema dará o premio da categoria “Melhor Filme Universitário”, que consistirá numa bolsa de estudos no curso de documentário e, por fim, a Elo Company selecionará um curta-metragem para representar comercialmente no âmbito nacional e internacional pelo período de 18 meses.

VEJA A LISTA DOS SELECIONADOS:

A Gente Nasce Só de Mãe (MT / fic. / 18 min / 2017)
A Horta (SP / fic. / 12 min / 2018)
A Passagem do Cometa (SP / fic. / 20 min / 2017)
Bodas de Papel (MA / fic. / 12 min / 2016)
Braços Vazios (ES / fic. / 16 min / 2017)
DEMÔNIA – Melodrama em 3 Atos (SP / fic. / 17 min / 2016)
Divina Luz (ES / doc. / 15 min / 2017)
Embaraço (SP / doc. / 25 min / 2018)
Entremarés (PE / doc. / 20 min / 2018)
Estamos Todos Aqui (SP / fic. / 19 min / 2017)
(EX)POSTA (SP / doc. / 11 min / 2018)
Impermeável Pavio Curto (MG / fic. / 20 min / 2018)
Justa Causa (BA / fic. / 2 min / 2017)
Kris Bronze (GO / doc. / 24 min / 2018)
Majur (MT / doc. / 20 min / 2018)
Meninas (SP / doc. / 20 min / 2016)
Mercadoria (RJ/ fic. / 15 min / 2017)
Mini Miss (PE / doc. / 15 min / 2018)
Mulheres de Linha (GO / doc. / 10 min / 2017)
O Espírito do Bosque (SP / fic. / 15 min / 2017)
Peripatético (SP / fic. / 15 min / 2017)
Pés de Anta, As Cineastas Munduruku (AM / doc. / 9 min / 2017)
Rainha (RJ / fic. / 25 min / 2017)
Rio das Lágrimas Secas (ES / doc. / 25 min / 2018)
Silêncio (SP / doc. / 18 min / 2016)
Simbiose (PE / doc. / 20 min / 2017)
Tetê  (SP / doc. / 25 min / 2018)
Tia Ciata (RJ / doc. / 25 min / 2017)
Um Corpo Feminino (RS / doc. / 20 min / 2018)
Vaca Profana (SP / fic. / 16 min / 2017)
Vênus – Filó a fadinha lésbica (MG / anim. / 6 min / 2017)
ViajoSola (PR / doc. / 8 min / 2017)

Facebook Comments