O apresentador de talk show Jimmy Kimmel vai liderar a cerimônia de entrega do Oscar de 2018, disseram nesta terça-feira organizadores do evento, após o anfitrião ter conseguido lidar com maestria neste ano com o maior tropeço da história da premiação.

Kimmel apresentou o Oscar pela primeira vez neste ano, na edição que teve uma embaraçosa confusão no palco, que resultou nos atores Warren Beatty e Faye Dunaway recebendo o envelope errado e anunciando o musical “La La Land – Cantando Estações” como vencedor de Melhor Filme, o principal prêmio da noite.

O verdadeiro vencedor, anunciado minutos depois, foi “Moonlight: Sob a Luz do Luar”.

Kimmel, apresentador do “Jimmy Kimmel Live!” na ABC, mesma rede que transmite a cerimônia do Oscar todos os anos, disse em comunicado nesta terça-feira que apresentar a premiação “foi o ponto alto de minha carreira”.

“Se você acha que estragamos o final neste ano, esperem até verem o que planejamos para o show de aniversário de 90 anos!”, acrescentou Kimmel.

Michael De Luca e Jennifer Todd também vão voltar a produzir a cerimônia ao vivo. A cerimônia do Oscar será realizada em 4 de março no Dolby Theatre, em Hollywood.

O Oscar, organizado pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, é a premiação de cinema de maior prestígio em Hollywood.

Em meio ao caos no palco durante o anúncio de Melhor Filme assistido por milhões de espectadores neste ano, Kimmel rapidamente correu para o palco e injetou uma dose de humor ao dizer a Beatty: “Warren, o que você fez?”.

E acrescentou: “A notícia boa é que pudemos ver alguns discursos extras. Eu sabia que eu ia estragar este show”.

da Agência Reuters

Facebook Comments