O ator mexicano Eugenio Derbez rodará uma nova versão bilíngue do filme argentino “Um Conto Chinês” (2011), informou nesta terça-feira (23) a edição digital da revista “Variety”.

O filme original, dirigido por Sebastián Borensztein e protagonizado por Ricardo Darín, está entre as maiores bilheterias da história da Argentina.

A comédia narra o encontro casual entre Roberto (Ricardo Darín) e um chinês chamado Jun (Ignacio Huang), que vaga perdido por Buenos Aires à procura do único parente vivo que lhe resta.

Após tentar deixá-lo sem sucesso em uma delegacia e na embaixada chinesa, Ricardo decide acolher Jun em sua casa, e ambos iniciam assim uma estranha convivência, já que o primeiro não fala chinês e o segundo não sabe uma palavra de espanhol.

A nova versão, dirigida e protagonizada pelo próprio Derbez, se passará em Los Angeles. Eduardo Cisneros, colaborador habitual do mexicano, será o roteirista.

“Adorei a história e o filme originais”, disse Derbez à “Variety”. “Surge uma relação sincera entre estas duas pessoas tão diferentes em um mundo extravagante, cômico e mágico”, acrescentou.

“Um Conto Chinês” faz parte dos projetos que a companhia 3PAS, criada por Derbez, desenvolve junto ao estúdio Pantelion. Entre eles estão uma comédia sobre um velho “latin lover”, escrita por Chris Spain e Jon Zack, e um remake do filme francês “Contratado para Amar”.

Em setembro de 2014, Derbez assinou um acordo com Pantelion que dá prioridade exclusiva ao estúdio para decidir se quer fazer parte dos projetos desenvolvidos por meio de sua produtora 3PAS.

O convênio entre Derbez e Pantelion, a companhia americana fundada em 2010 por Lionsgate e Televisa, consolidou a relação entre eles depois do grande sucesso que teve o filme “Não Aceitamos Devoluções” em 2013.

“Não Aceitamos Devoluções” arrecadou US$ 100 milhões em bilheteria, quase a metade nos Estados Unidos, um recorde nesse país para um filme dirigido ao mercado hispânico cujos diálogos intercalam espanhol e inglês.

da Agência EFE

Facebook Comments