Curta paraibano selecionado para a Mostra Panorama da Mostra de Cinema Tiradentes de 2021, “Animais na Pista” adapta o conto “Relato de ocorrência em qualquer semelhança não é mera coincidência”, de Rubem Fonseca. O diretor Otto Cabral consegue captar a aura descritiva da obra literária em sua essência com uma criação de atmosfera absurda através da execução do ótimo plano-sequência que carrega a obra, porém, esquece de dar maior dimensão aos personagens daquela história.  

“Animais na Pista” acompanha o desenrolar de um acidente de trânsito em uma rodovia no interior do Brasil. Enquanto uma vítima está estirada no chão, os moradores mais próximos da região lutam para arrancar os melhores pedaços de uma vaca também atingida na colisão. 

Quase metade dos nove minutos do curta traz um plano-sequência sufocante em que os detalhes da tragédia se revelam gradualmente. As luzes vermelhas piscando dos carros se fundem à escuridão do asfalto parcialmente iluminado pelos faróis e do próprio pôr-do-sol, dando um tom ainda mais trágico para um cenário desalentador. Méritos do trabalho soberbo do diretor fotografia Rodolpho Barros, da equipe de som e da execução precisa da mise-en-scène. 

Por outro lado, “Animais na Pista” peca por não conseguir desenvolver nada sobre aquelas figuras vistas no filme. Se Rubem Fonseca consegue dar uma dimensão da miséria social através da descrição meticulosa, por exemplo, do protagonista Elias, o drama paraibano passa longe de qualquer tentativa disso. Falta ao roteiro se dedicar à construção mínima dos personagens, o que prejudica qualquer elo emocional com o desfecho que se pretendia emocionante. A mão pesada com uma trilha onipresente ainda parece busca fazer este trabalho na marra em uma tentativa de provocar choro a qualquer custo. 

Diante deste problema, mesmo que a intenção possa nem ser essa por parte da equipe, o próprio título do curta ganha mais uma conotação de julgamento daquelas pessoas e não da condição de miséria. No fim das contas, “Animais na Pista” brilha na técnica enquanto deixa lacunas graves no seu discurso. 

‘Lupin’: Omar Sy supera narrativa previsível em série mediana

Apresentando Arséne Lupin para o restante do mundo, a nova produção francesa da Netflix, ‘Lupin’ é baseada nos romances policiais de Maurice Leblanc contando com a responsabilidade de atualizar suas histórias para os dias atuais. Apesar de possuir uma narrativa pouco...

‘Minari’: naturalismo e honestidade dão o tom de belo filme

Minari, do diretor Lee Isaac Chung, é uma obra delicada e que tem um carinho muito perceptível pelos seus personagens e a história que conta. É uma trama comum no cinema - imigrantes lutando para sobreviver e prosperar numa terra nova - e parcialmente baseada na...

‘Miss Juneteenth’: a busca pela construção do sonho americano negro

Durante uma conversa, o dono do bar em que Turquoise Jones (Nicole Beharie) trabalha afirma que o sonho americano existe, menos para os negros. Esse é um resumo do que aborda “Miss Juneteenth”, longa de Channing Godfrey Peoples. A diretora, que também assina o...

‘Judas e o Messias Negro’: um decepcionante bom filme

Digam o que quiserem do Judas Iscariotes, mas ele é o personagem mais interessante da Bíblia -  do ponto de vista dramático, claro. Porque drama é conflito, e Judas vivia em conflito, e isso faz dele a figura interessante já dramatizada e analisada várias vezes em...

‘Eu Me Importo’: o melhor trabalho de Rosamund Pike desde ‘Garota Exemplar’

Rosamund Pike é uma atriz interessante. Ela tem o talento, a competência como intérprete e a beleza, o pacote completo para virar mega-estrela. A inglesa fez papel de mocinha, esteve até em alguns filmes de ação, mas nunca chegou a dar aquele grande salto para o...

‘O Amor de Sylvie’: Tessa Thompson brilha em romance clichê

“A maioria das pessoas nunca encontra esse tipo de amor. Nem por um verão” Uma protagonista negra segura de si e disposta a lutar pelos seus interesses. Um amor que ultrapassa os anos e a distância. Por mais que isso soe piegas, tinha esperança que esse não fosse o...

‘Adú’: tramas demais prejudicam foco central de drama espanhol

Adú, produção espanhola da Netflix, é um tipo de obra audiovisual que o cinema sempre lançou, mas que vemos com certa frequência hoje em dia: o filme sobre um tópico social importante da atualidade, bem-produzido e bem fotografado, que visa, além de entreter, educar o...

‘A Escavação’: duas metades desequilibradas atrapalham drama

No drama A Escavação, da Netflix, tudo gira em torno de trazer coisas e emoções à superfície. A trama é baseada em fatos reais e reconstitui uma das mais importantes descobertas arqueológicas já feitas no Reino Unido, o “achado de Sutton Hoo”. Tudo começa quando a...

‘Palmer’: Justin Timberlake emociona em drama de fórmula infalível

Em Palmer, drama da Apple TV+ dirigido pelo ator e diretor Fisher Stevens, a proposta é lançar um olhar sensível sobre questões de gênero e de masculinidade. É a história de um homem endurecido de uma geração anterior confrontado pelo mundo moderno, e aprendendo a...

‘Wolfwalkers’: ótima animação sem medo de abordar a morte

Uma animação em 2D de um pequeno estúdio e com baixo orçamento. Essas não parecem ser as características de um filme premiado ou notório na temporada de premiações, mas ‘Wolfwalkers’ atende a todos esses requisitos com benefício de abordar temáticas mais adultas assim...