O ator australiano Guy Pearce disse que lembra que seu colega americano Kevin Spacey, investigado no Reino Unido por várias agressões sexuais, era um “mão boba”, informaram nesta quarta-feira os veículos de imprensa locais.

“Difícil de falar neste momento”, disse Pearce, ontem à noite, no programa “Interview” da emissora de TV australiana “Canal 7”, ao ser perguntado sobre sua experiência com Spacey durante a filmagem do longa-metragem “Los Angeles: Cidade Proibida” (1997).

Ao se referir-se Spacey, Guy Pearce afirmou que se trata de “um ator incrível”, acrescentando em seguida que tinha “uma mão boba”, segundo a agência local “AAP”.

“Agradeço que tinha 29 e não 14 anos”, ironizou o protagonista de “Amnésia” (2000).

Em outubro do ano passado, Spacey foi acusado pelo ator Anthony Rapp de um caso de assédio sexual em 1986, quando a suposta vítima tinha 14 anos e o consagrado ator, 26.

As declarações de Pearce coincidiram com a informação do site especializado em notícias de celebridades “TMZ” sobre que Spacey está sendo investigado no Reino Unido por três novos casos de agressão sexual.

Kevin Spacey já foi sido acusado anteriormente por outras três pessoas na Inglaterra, levando para seis as investigações contra o ator no Reino Unido.

Vencedor de dois Oscars e considerado como um dos melhores intérpretes da sua geração, a carreira de Spacey entrou em colapso após várias acusações de agressão sexual contra ele.

Como consequência destas revelações, ele foi dispensado da série “House of Cards“, onde era um dos protagonistas, e viu o cineasta Ridley Scott eliminar todas suas cenas gravadas para o filme “Todo o Dinheiro do Mundo” e refazendo com Christopher Plummer como substituto.

da Agência EFE

Facebook Comments