O Sesc Amazonas irá realizar duas sessões de cinema drive-in, com o filme “O Menino no Espelho”, nos dias 22 e 29 de julho, às 19h30, com entrada a partir das 18h30, no Sesc Balneário, Avenida Constantinopla, bairro Alvorada. A entrada será 1kg de alimento não perecível, por pessoa. Os ingressos podem ser adquiridos através do Sympla (clique aqui), o mesmo (impresso ou através do smartphone) deve ser apresentado, juntamente com o Cartão Sesc na portaria para acesso a unidade.

O cine drive-in do Sesc vem como uma alternativa para superarmos juntos esse momento de pandemia do novo coronavírus, causador da covid-19. Os jovens da década de 60 vão poder sentir essa nostalgia batendo no peito e ainda compartilhar com a família e amigos essa emoção. 

Dirigido por Guilherme Fiúza Zenha, “O Menino no Espelho” se passa em Belo Horizonte, nos anos 1930. Fernando é um garoto de 10 anos que está cansado de fazer as coisas chatas da vida. Seu sonho era criar um sósia, que ficasse com estas tarefas enquanto ele poderia se divertir à vontade. Até que, um dia, é exatamente isto que acontece, quando o reflexo de Fernando deixa o espelho e ganha vida. Lino Facioli, Mateus Solano, Regiane Alves, Ricardo Blat integram o elenco de 2014.

COMO VAI FUNCIONAR

Seguindo as recomendações do Ministério da Saúde, os carros deverão estar com distância mínima de dois metros e os participantes não estarão autorizados a sair deles, salvo para a utilização dos banheiros.  Pick-ups (e veículos de grande porte) serão posicionados nas duas últimas ruas do espaço para melhor visualização.

Para transmissão do filme, o áudio estará sendo sintonizado diretamente no rádio do veículo (frequência disponibilizado antes da exibição). A capacidade máxima será de 50 veículos por sessão. É proibido levar e/ou consumir bebidas alcoólicas durante todo o evento.

Com o objetivo de ajudar quem mais precisa parte de nossa renda será destinada a entidades e famílias afetadas pela crise da Covid-19. A entrada será mediante a entrega de um quilo de alimento não perecível por pessoa. (Entregar no momento de validação dos ingressos). 

com informações de assessoria

Amazonense ‘O Barco e o Rio’ é selecionado para festival na Espanha

Depois de passagens de sucessos por festivais brasileiros, chegou a hora de “O Barco e o Rio” alcançar novos caminhos: a produção amazonense está selecionada para o Festival Internacional de Cinema de Huesca, na Espanha. O curta-metragem de Bernardo Abinader disputa a...

Quatro filmes representam o Amazonas na Mostra Histórias do Brasil Profundo

Fruto das políticas públicas de regionalização do audiovisual brasileiro, o atual momento do cinema amazonense alcançou feitos considerados impossíveis décadas atrás, incluindo, desde o surgimento de eventos locais importantes como o Amazonas Film Festival, Olhar do...

Em Manaus, curso gratuito prepara realizadores para primeiro filme

Formação cultural através do audiovisual. Essa é a proposta do projeto “Nosso Primeiro Filme”, contemplado pela Lei Aldir Blanc, através do Prêmio Feliciano Lana da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa. O curso propõe um panorama dos principais setores...

Curtas de Begê Muniz e Lucas Martins representam o Amazonas no CineFantasy

O cinema amazonense estará representado em dose dupla no 11.º Cinefantasy – Festival Internacional de Cinema Fantástico. Os curtas "À Beira do Gatilho", de Lucas Martins, e "Jamary", de Begê Muniz, serão exibidos no evento previsto para ocorrer entre os dias 16 e 29...

Websérie Terceiro Ciclo do Cinema Amazonense – Ep 7: O Que Esperar do Futuro?

Caio Pimenta fala sobre o que esperar do futuro do cinema amazonense e os desafios impostos ao audiovisual local.  https://www.youtube.com/watch?v=rQ79UdbQ4yQ O FUTURO PÓS-ALDIR BLANC A curto prazo, o cinema do Amazonas deve ter um bom 2021 e, talvez, 2022. Falo isso...

Cinemas de Joaquim Marinho no Centro de Manaus serão tema de websérie

Muito antes dos multiplexs dos shoppings centers, os cinemas de rua do Centro de Manaus foram referências de cultura e entretimento durante décadas - atualmente restou apenas o resiliente Casarão de Ideias. Durante os anos 1970 ao início do século XXI, as salas de...

Plataforma digital reunirá dados sobre o audiovisual do Amazonas

Uma plataforma digital com o catálogo de profissionais e empresas de audiovisual do Amazonas somado a um observatório com pesquisas e estudos sobre o setor. Esta é a proposta do projeto Tela Amazônia, da produtora Leão do Norte, organizadora do Matapi – Mercado...

‘O Barco e o Rio’ entra no TOP 10 da Abraccine dos melhores curtas de 2020

A trajetória bem-sucedida do filme amazonense "O Barco e o Rio" segue firme em 2021: a produção dirigida por Bernardo Ale Abinader entrou no TOP 10 dos melhores curtas-metragens de 2020 da Associação Brasileira de Críticos de Cinema (Abraccine). A lista foi divulgada...

Websérie Terceiro Ciclo do Cinema Amazonense – Ep 6: A Tônica da Descontinuidade

Caio Pimenta fala sobre um dos maiores e históricos problemas do cinema produzido no Amazonas: a descontinuidade.  https://www.youtube.com/watch?v=3rosA6214mc ‘A Tônica da Descontinuidade’. Este é o título do livro mais importante sobre o cinema do Amazonas. O autor é...

Cine Set está credenciado para a cobertura do Festival de Berlim 2021

O Cine Set se prepara para uma nova cobertura internacional: a partir de março, o site de cinema produzido em Manaus traz as novidades sobre o Festival de Berlim 2021. O nosso correspondente internacional, Lucas Pistilli, já está credenciado para o evento online...