golden+globe+statue+APFIM DE FESTA!

Muito obrigado por ter nos acompanhado!

Esse é só o início da temporada de premiações e das coberturas especiais do Cine Set!

Tem SAG, Bafta e, claro, Oscar por aí!

=============================================================================

OscarO QUE FICA PARA O OSCAR 2016?

Camila Henriques: Com a votação do Oscar já fechada, o Globo de Ouro serviu mais como uma espécie de “teste” para os vencedores em potencial. Nesse sentido, Sylvester Stallone fez a lição de casa direitinho e teve no discurso desta noite um importante passo em sua campanha. DiCaprio e Larson confirmaram o favoritismo – o primeiro só não vence se a Academia resolver aprontar. Kate winslet surpreendeu, mas deve ficar nisso. O Oscar de Coadjuvante deve ser disputado entre as ingenuès Rooney Mara e Alicia Vikander. Já as estatuetas de melhor diretor e filme ainda estão sem destino certo e devem ter suas corridas melhor desenhadas a partir das entregas dos prêmios de sindicatos.

Danilo Areosa: Em uma noite de algumas surpresas, os favoritos Mad Max e Spotlight sairam de mãos abanando. Será que Academia vai seguir por este caminho e esnobar os dois filmes no Oscar? Uma coisa é certa, O Regresso que até era uma aposta nas categorias de ator principal e coadjuvante, começar a mostrar seus dentes, criando força para abocanhar nas categorias de diretor e filme. Nunca duvide do prestígio cada vez maior de Alejandro González Iñarritu junto a crítica americana. Nas outras categorias, Stallone se consolida como franco favorito, enquanto Brie Larson ganha força para disputar com a veterana Cate Blanchett o prêmio de melhor atriz.

Lucas Jardim: Se considerarmos o que a noite de hoje deixa como “termômetro” para o Oscar, “O Regresso” se firma como um grande candidato para este ano. A expectativa gerada por filme como “Spotlight” e “Carol” não lhes rendeu prêmio algum e resta saber se a Academia reproduzirá esta tendência. Por fim, nem o clamor dos críticos fez algum prêmio parar nas mãos dos realizadores de “Mad Max: Estrada da Fúria”, que tinha aqui sua grande chance de conseguir algo. Ele deve passar batido no Oscar, exceto nas categorias técnicas.

=============================================================================

VEJA A LISTA COM OS NÚMEROS DE PRÊMIOS DOS FILMES NO GLOBO DE OURO 2016:

O Regresso – 3 estatuetas

Perdido em Marte – 2 estatuetas

Steve Jobs – 2 estatuetas

007 Contra Spectre – 1 estatueta

Creed – 1 estatueta

Divertida Mente – 1 estatueta

Joy – 1 estatueta

O Filho de Saul – 1 estatueta

O Quarto de Jack – 1 estatueta

Os Oito Odiados – 1 estatueta

====================================================================================


MELHOR FILME DE DRAMA – O REGRESSO 

Camila Henriques: Em uma noite cheia de surpresas, mais uma pra fechar a premiação. “O Regresso” pode render o primeiro Oscar de DiCaprio, mas é um corajoso relato de sobrevivência e a consolidação de um diretor que parece finalmente ter voltado aos bons filmes do início da carreira.

Danilo Areosa: O Regresso surpreende e dá um ótimo salto na corrida do Oscar. Venceu os três prêmios principais da noite: filme, diretor e ator. Alejandro González Iñarritu consolida-se como nome forte de Hollywood. Desta forma, os favoritos Mad Max e Spotlight saem de mãos vazias do Globo de Ouro e torcem por melhores dias no Oscar.

Lucas Jardim: E deu “O Regresso”, confirmando a excelente maré de Alejandro Gonzáles Iñárritu. Deixando seu maior oponente, “Spotlight”, de mãos abanando, o suspense do mexicano é um primor técnico que exige o máximo de todos os seus envolvidos e entrega em abundância.

=====================================================================================


MELHOR ATOR EM DRAMA – LEONARDO DICAPRIO, POR “O REGRESSO”

Camila Henriques: A julgar pela reação dos colegas, DiCaprio se posiciona para, enfim, levar o Oscar. O trabalho com Iñarritu parece ser totalmente diferente do que o ator já entregou, e parece que a indústria está disposta a reconhecer o muso de Scorsese.

Danilo Areosa: Leonardo DiCaprio já ganhou outras vezes no Globo de Ouro e por isso não é nenhuma novidade. Mas a vitória por O Regresso no Golden Globe consolida muito seu caminho em busca do primeiro Oscar que por sua vez, fica cada vez mais perto de se materializar para este grande ator.

Lucas Jardim: Leonardo DiCaprio já ganhou dois Globos de Ouro, mas nunca em anos em que ele tinha tantos chances de ganhar o Oscar quanto neste ano. Como o protagonista de “O Regresso”, sua atuação não tem comparativo na corrida deste ano. Ouso dizer que, caso ele não ganhe esse ano, não vislumbro outra chance. Entregue de corpo e alma à dificuldade física do papel, Leo merece. Ganha o Oscar? Espero que sim.

=====================================================================================


MELHOR ATRIZ DE DRAMA – BRIE LARSON, POR “O QUARTO DE JACK”

Camila Henriques: Merecidíssimo e o primeiro degrau do que parece ser uma temporada vitoriosa para Brie Larson. Como a jovem mãe de “Room”, Larson cria um laço inegável com o espectador e cada momento dela em cena com o pequeno Jacob Tremblay (que também merecia ser premiado) é precioso. Que venham mais prêmios!

Danilo Areosa: Uma das grandes surpresas. Na categoria mais disputada deste Globo de Ouro, Brie Larson superou nada menos que a maravilhosa Cate Blanchett, brilhando em um filme de temática forte. Surge uma nova musa em 2016?

Lucas Jardim: A favorita Brie Larsen leva por uma forte atuação em “O Quarto de Jack”. Isso significa deixar tanto Cate Blanchett quanto Alicia Vikander de mãos abanando, mas bem: como a mãe ex-incarcerada de um menino de 5 anos, sua coragem nos conecta diretamente à emoção da personagem.

======================================================================================


MELHOR FILME COMÉDIA/MUSICAL – ‘PERDIDO EM MARTE’

Camila Henriques: “Perdido em Marte” fez com que voltássemos a acreditar em Ridley Scott e, ainda que não seja lá uma comédia, nos divertiu com a trilha sonora completamente 70’s e a performance segura de Matt Damon. O outro favorito, “A Grande Aposta” poderia ter levado, mas falou mais alto a vontade de premiar o mestre Scott.

Danilo Areosa: “Perdido em Marte” foi uma das grandes surpresas nas bilheterias deste ano. Tem um ótimo elenco, um diretor que quando quer, sabe fazer entretenimentos de qualidade e tem no carismático Matt Damon a sua grande força motriz. São estas qualidades que com certeza, a associação quis valorizar e deu o prêmio de melhor filme na categoria comédia/musical.

Lucas Jardim: Ridley Scott está de volta, senhoras e senhores! “Perdido em Marte” levou o prêmio por Melhor FIlme Musical ou Comédia, apesar de todo mundo contestar a sua classificação como comédia. Apesar disso, “Perdido” é bem engraçado e é uma deliciosa ficção científica com um clima oitentista e lindas imagens em 3D para completar. Vale o prêmio, independente de gênero.

======================================================================================


MELHOR ATRIZ COMÉDIA/MUSICAL – JENNIFER LAWRENCE, POR “JOY”

Camila Henriques: Apesar das críticas negativas a Joy, Lawrence vence seu terceiro Globo de Ouro por esse filme de David O. Russell. Em uma categoria sem grandes candidatas ao Oscar, era esperado que a estrela levasse, já que a HFPA adora nomes conhecidos em detrimento de performances mais “diferentonas”, como as de Lily Tomlin e Amy Schumer

Danilo Areosa: Mesmo jovem, vem colecionando troféus nos principais prêmios. E vale ressaltar que talento e carisma não lhe faltam. Em uma categoria sem grandes concorrentes com exceção da maravilhosa Lily Tomlin, J-Law mostra a força feminina no eficiente Joy, outra boa parceria com o diretor David O.Russel. É hoje, a atriz mais jovem consolidada no mundo cinematográfico.

Lucas Jardim: Jennifer Lawrence é mesmo uma queridinha de Hollywood. Sua parceria com o diretor David O. Russell acaba de lhe render mais um prêmio, o de Globo de Ouro de Melhor Atriz. O filme não foi exatamente bem-quisto, mas a HFPA resolveu premiá-la em um voto tradicional, passando por cima de representações mais diversas de feminilidade.

======================================================================================


MELHOR ATRIZ EM SÉRIE DRAMÁTICA – Taraji P. Henson, por “Empire”

O personagem mais icônico da TV no ano passado rendeu a Taraji P. Henson seu primeiro Globo de Ouro. Reconhecimento merecido à atriz, que encarna com perfeição a diva Cookie Lyon. Viola Davis também merecia o prêmio, mas com Taraji, ele fica em boas mãos.

por Camila Henriques

======================================================================================


MELHOR DIRETOR – ALEJANDRO GONZÁLEZ IÑARRITU, POR ‘O REGRESSO’

Camila Henriques: Depois de ganhar tudo e mais um pouco ano passado, o mexicano Alejandro Gonzalez Iñarritu comprova a boa fase com esse Globo de Ouro. O trabalho encabeçado por Leonardo DiCaprio é de grande arrojo técnico e, sendo assim, nada mais justo que premiar seu realizador. Triste por George Miller e Ridley Scott, visionários que poderiam finalmente subir ao palco.

Danilo Areosa: Alejandro González Iñarritu é bi-campeão. Mostra a força mexicana mais uma vez em Hollywood, superando os favoritos George Miller e Tom McCarthy. Cada vez mais, o cinema latino ganha força nos USA.

Lucas Jardim: Alejandro Gonzáles Iñárritu mostra que seu favoritismo em Hollywood não foi apenas por um filme. Apesar de conquistar muitos prêmios ano passado por Birdman, ele volta a ganhar por O Regresso. A HFPA decidiu premiar sua obstinação em fazer o filme em seus próprios termos: um violento retrato de sobrevivência em meio a congelante norte dos EUA.

======================================================================================


DENZEL WASHINGTON

Ultimamente mais associado a seus filmes de ação, é válido lembrar que Denzel Washington é um ator que consegue suscitar muita emoção em filmes como “Um Ato de Coragem” e “Malcolm X”. Vindo do teatro (ele já ganhou um prêmio Tony), Denzel virou um especialista em interpretar caras durões com sentimentos, tais como um soldado durante a Guerra de Secessão (“Tempo de Glória”) e um policial corrupto e truculento (“Dia de Treinamento”) – ambas aparicões premiadas com estatuetas do Oscar. É essa consistência que o Globo de Ouro resolver agraciar com o prêmio Cecil B de Mille.

======================================================================================


MELHOR SÉRIE DE DRAMA – MR. ROBOT

Sem dúvida, a série mais bacana do ano. Mr.Robot é um belo achado, uma série intrigante que te conquista sem ao menos você esperar, com uma história envolvente. Seu criador, Sam Esmail é uma das grandes revelações do ano.

por Danilo Areosa

======================================================================================


MELHOR MÚSICA ORIGINAL

007 Contra Spectre – ‘Writing’s on the Wall’, de Sam Smith

Camila Henriques: Depois do furacão que foi Skyfall, ver a insípida Writing’s On The Wall é um tanto anticlimático. Coisa de Globo de Ouro premiar o “nome da moda”, e digo isso como fã de Sam Smith que sou.

Danilo Areosa: A vitória de Sam Smith era esperada, pela falta de concorrentes. Uma música tema de Bond chorosa e longe de ser brilhante, mas que agrada ao estilo conservador que parte da associação estrangeira adora.

 Lucas Jardim: O que está acontecendo? Sam Smith fez uma compilação de todos os clichês das músicas de 007 e os refez para a geração Adele. “Writing’s on the Wall” se mostra uma premiação previsível e sem inspiração.

======================================================================================


MELHOR ATRIZ EM MINISSÉRIE/FILME PARA TV – LADY GAGA, POR ‘AMERICAN HORROR STORY’

O QUE É ISSO? Lady Gaga zebrona superando Kirsten Dunst por Fargo. Vivemos para ver. Gaga ofereceu uma atuação um tanto quanto formulaica como a vilanesca Condessa em American Horror Story Hotel, mas bem, assim é o showbiz. Faz parte, gente.

por Lucas Jardim

======================================================================================


MELHOR FILME ESTRANGEIRO – O FILHO DE SAUL (HUNGRIA)

O Filho de Saul era o grande favorito e confirmou os prognósticos. Tem faturado diversos prêmios pelo mundo todo, bem como levado a crítica a rasgar elogios. Sem dúvida, coloca uma mão na estatueta no Oscar.

por Danilo Areosa

======================================================================================


MELHOR ATOR EM SÉRIE CÔMICA – GAEL GARCÍA BERNAL, POR “MOZART IN THE JUNGLE”

======================================================================================


MELHOR ROTEIRO – ‘STEVE JOBS’

Camila Henriques: Aaron Sorkin leva mais um prêmio para conta, dessa vez pelos diálogos rápidos e pela interessante divisão em atos que propôs em Steve Jobs. A noite está se revelando generosa para o filme de Danny Boyle. Será que Fassbender vai desbancar DiCaprio?

Danilo Areosa: Primeiro prêmio da noite para Spotlight…..só que não. Em outra surpresa da noite e mais uma vez gerada por Steven Jobs, Aaron Sorkin consolida-se como roteirista respeitado em Hollywood muito  graças aos seus diálogos cínicos, ágeis e marcantes das séries que ele já roteirizou. Não era dos melhores roteiros, mas compreensível a escolha por parte dos críticos.

Lucas Jardim: Não foi dessa vez, Tarantino! Aaron Sorkin reafirma seu poder em Hollywood levando a estatueta de Melhor Roteiro por “Steve Jobs”. Conhecido por seu estilo verborrágico, que exige muito dos atores, Sorkin segue sua trajetória como um dos roteiristas mais interessantes da atualidade.

======================================================================================


MELHOR ATOR COADJUVANTE – SYLVESTER STALLONE, POR ‘CREED’

Camila Henriques: Ganhou o favorito sentimental e , a julgar pela reaçao do público, o que tem grandes chances de levar o Oscar também. Sly pode não ter a carreira das mais brilhantes,3 mas merece todo e qualquer premio por ter criado um dos personagens mais ‘coraçao’ da história do cinema.

Danilo Areosa: Para quem acompanha a carreira de Stallone desde Rocky, sabe que nem apenas de músculos ele vive. Há um bom ator principalmente quando exigem dele dramaticidade. Esse é um prêmio Canto dos Cisnes de reconhecimento a um grande ator por um belo filme que é Creed.

Lucas Jardim: Tudo relacionado à cinessérie Rocky é ligado à superação, então não deixa de ser apropriada a premiação de Slyvester Stallone pela sua volta ao papel do famoso boxeador em “Creed – Nascido para Lutar”. Levando o prêmio de Ator Coadjuvante por um filme que restaurou uma antiga e querida franquia, Sly sai dessa noite com um prêmio que saúda sua história no ramo.

======================================================================================


MELHOR ANIMAÇÃO – DIVERTIDA MENTE

Camila Henriques: Sem surpresas. Divertida Mente é o esforço mais inventivo da Pixar desde Toy Story 3. Entre um roteiro inteligente e dublagens sensacionais, a animaçao encanta crianças e adultos sem precisar apelar para sentimentalismo barato.

Danilo Areosa: Essa era mais do que previsível. Divertida Mente é a recuperação da Pixar, depois de tantas animações fracas. Apresenta um texto sensível e maduro das emoções. Não tem como ficar impassível diante dele.

Lucas Jardim: Divertida Mente é a volta da Pixar dos anos dourados que produziram clássicos modernos como Monstros S.A. e Os Incríveis. Tratando um tema sensível como o crescimento de uma criança de uma maneira incrivelmente original e visualmente complexa, o filme é um acerto em todo e qualquer aspecto e sua premiação era esperada.

======================================================================================


MELHOR ATOR DE COMÉDIA/MUSICAL – MATT DAMON, POR ‘PERDIDO EM MARTE’

Camila Henriques: Matt Damon confirma o favoritismo e ganha pelo trabalho que levou Ridley Scott de volta ao pódio. Como o astronauta em busca de alternativas de sobrevivencia, Damon comanda a tela. Essa vitória nao deve se repetir no Oscar, mas dá mais força a Perdido em Marte.

Danilo Areosa: Sem grandes surpresas, Matt Damon fatura pelo simpático Perdido em Marte. Com seu carisma, ele personifica um personagem perseverante que jamais desiste. Hollywood adora Matt e ele realmente combina como garoto boa praça do mundo cinematográfico. É bom ver Ridley Scott de volta a boa forma.

Lucas Jardim: Matt Damon levou o Melhor Ator por Filme Musical ou Comédia e, a despeito da classificação estranhíssima e o sarro tirado pelo MC Ricky Gervais, vamos encarar os fatos: “Perdido em Marte” é simplesmente muito engraçado e isso é quase que exclusivamente responsabilidade de Damon. Merecido.

======================================================================================


MELHOR ATOR EM SÉRIE DRAMÁTICA – JON HAMM, POR ‘MAD MEN’

Que pena não ter dado para Wagner Moura, mas, Jon Hamm era a alma da brilhante série “Mad Men”. Ao longo de seis temporada, ele construiu um personagem complexo ora detestável, ora adorável. Foi uma atuação para ficar na história tal qual Bryan Cranston em “Breaking Bad” e James Gandolfini em “Os Sopranos”. Prêmio justíssimo!

por Caio Pimenta

======================================================================================


MELHOR TRILHA SONORA – OS OITO ODIADOS

Ennio Morricone mais do que merecido. Um mestre da música que já contribuiu para grande obras de Leone a Carpenter. Finalmente Hollywood reconhece este autor. Obrigado Tarantino por permitir que este milagre finalmente acontecesse.

=====================================================================================


MELHOR ATOR COADJUVANTE EM MINISSÉRIE/FILME PARA TV – CHRISTIAN SLATER, POR “MR. ROBOT”

======================================================================================


MELHOR ATOR EM MINISSÉRIE/FILME PARA TV – OSCAR ISAAC, POR “SHOW ME A HERO”

======================================================================================


MELHOR MINISSÉRIE/FILME PARA TV – WOLF HALL

======================================================================================


MELHOR SÉRIE CÔMICA – Mozart in the Jungle

======================================================================================


MELHOR ATRIZ DE SÉRIE COMÉDIA/MUSICAL – Rachel Bloom, por ‘Crazy Ex Girlfriend’

=======================================================================================

TAPETE VERMELHO – GLOBO DE OURO

Kate Winslet – Julianne Moore – Cate Blanchett

=======================================================================================


MELHOR ATRIZ COADJUVANTE EM MINISSÉRIE E FILME PARA TV – Maura Tierney, ‘The Affair’

Maura Tierney surpreende e leva como atriz coadjuvante pela ótima série The Affair, que ano passado levou tudo no Globo de Ouro, mas passou em branco em 2016. Um prêmio merecido à atriz, que entrega uma performance contida como a “rival” involuntária desse drama que merece ser mais visto.

por Camila Henriques

======================================================================================


MELHOR ATRIZ COADJUVANTE – KATE WINSLET, POR ‘STEVE JOBS’

Camila Henriques – Surpresa! Nem Alicia Vikander nem Jennifer Jason Leigh. Quem faturou o primeiro prêmio da noite foi Winslet, que deu vida ao braço direito de Steve Jobs no filme de Danny Boyle. Um prêmio sem muita força, já que a favorita Rooney Mara (e Vikander, por Garota Dinamarquesa) está na categoria de atriz principal. Mas sempre válido ver Kate ganhando prêmios.

Danilo Areosa – E o Globo de Ouro já começa com uma surpresa: Kate Wislet como Atriz Coadjuvante por Steven Jobs, batendo as outras favoritas como Alicia Viklander e Jennifer Jason Leigh. Nota-se que o Globo de Ouro gosta mesmo de Winslet.

Lucas Jardim – Globo de Ouro começou zebrão! Nem Kate Winslet esperava ganhar a estatueta de Melhor Atriz Coadjuvante, batendo apostas fortíssimas como Jennifer Jason Leigh e Alicia Vikander. Será que veremos mais surpresas do tipo?

======================================================================================

globo de ouro 2015CHEGOU A HORA!

O Globo de Ouro começou!
Boa festa!
Siga o Cine Set nos comentários!

======================================================================================


NEM TÃO AZARADO ASSIM

A fama de sem-prêmios do Leonardo DiCaprio não é tão verdade assim quando se fala em Globo de Ouro. Na premiação dos correspondentes estrangeiros, o ator já abocanhou duas estatuetas, por “O Aviador” em 2005 e “O Lobo de Wall Street”, em 2014. Hoje DiCaprio pode acrescentar mais um Globo à sua estatueta, pelo desempenho em “O Regresso”, de Alejandro Gonzalez Iñarritu.

======================================================================================

TAPETE VERMELHO – GLOBO DE OURO

Saoirse Ronan – Amy Adams – Emilia Clarke

======================================================================================


PARA FAZER HISTÓRIA

Alicia Vikander pode se juntar a um grupo seleto caso vença os dois prêmios aos quais está indicada. Na história do Globo de Ouro, apenas quatro pessoas conseguiram isso, e todas foram mulheres: Sigourney Weaver por Uma Secretária de Futuro e Na Montanha dos Gorilas em 1988, Joan Plowright por Stalin e Um Sonho de Primavera em 1993, Helen Mirren por Elizaberh I e A Rainha em 2007 e Kate Winslet por O Leitor e Foi Apenas Um Sonho em 2009.

======================================================================================


O NOSSO REPRESENTANTE

De Capitão Nascimento a Pablo Escobar. O baiano Wagner Moura conta com a torcida brasileira hoje para faturar o Globo de Ouro de Melhor Ator por Narcos, série da Netflix como o traficante Pablo Escobar. Para quem começou no teatro recifense com a peça Máquina, Moura teve uma boa ascensão na TV e Cinema no ano de 2007, participando da novela Paraíso Tropical como o vilão Olavo e como Capitão Nascimento em Tropa de Elite. De lá para cá, o ator equilibrou papéis em filmes nacionais respeitáveis como Serra Pelada e Praia do Futuro com produções Hollywoodianas como Elysium e Trash: A Esperança Vem do Lixo. Com Narcos, Moura galga mais um degrau no showbusiness americano e cada vez mais se consolida como uma estrela internacional.

======================================================================================

TAPETE VERMELHO DO GLOBO DE OURO

Bryan Cranston – Jennifer Lopez – Oscar Isaac

Kirsten Dunst – David Oyewolo – Viola Davis

======================================================================================


A RECORDISTA

Esse ano, por incrível que pareça, não temos Meryl Streep no Globo de Ouro. Não que isso seja problema para ela, que é líder de vitórias no prêmios, assim com oito prêmios. Em seguida, vem Shirley MacLaine com sete, Jack Nichlson com seis e Francis Ford Coppola, Rosalind Russell, Oliver Stone com cinco, cada.

=======================================================================================

CARDÁPIO DO GLOBO DE OURO:

Veja os pratos que serão servidos para as estrelas de Hollywood durante o Globo de Ouro 2016:

======================================================================================

globo de ouro 2015HISTÓRIA

Os prêmios do Globo de Ouro iniciaram em 1944 pela associação de Correspondentes Estrangeiros de Hollywood. Até 1956 os prêmios eram voltados todos ao cinema, sendo que neste ano começou a entrega para a televisão, algo que acontece até hoje. O único ano que a cerimônia não ocorreu foi em 2008. O motivo do cancelamento foi em razão da greve dos roteiristas que na época reivindicavam a participação nos lucros de venda dos DVDs e pagamentos pelos direitos de programas veiculados na internet e televisão.

======================================================================================

TAPETE VERMELHO – GLOBO DE OURO

Brie Larson – Michael Fassbender – Eva Green

======================================================================================

MOMENTOS HISTÓRICOS DO GLOBO DE OURO

 

Você já sabia que o Globo de Ouro concedeu, nos anos 1990, prêmios especiais ao elenco de “Short Cuts” e a Robbin Williams pela dublagem do Gênio de “Aladdin”? Olha só o discurso que o saudoso ator deu, há 22 anos:

======================================================================================


PRÊMIO CECIL B. DEMILLE

O homenageado com o prêmio Cecil B. DeMille de conjunto da obra este ano é Denzel Washington, um velho queridinho dos Globos, com oito indicações e duas vitórias, por “Tempo de Glória” e “Hurricane”. Denzel junta-se a um grupo que, só na última década, abraçou ainda Robbin Williams, Warren Beatty, Martin Scorsese, Woody Allen, Jodie Foster e, mais recentemente, George Clooney.

======================================================================================

TAPETE VERMELHO – GLOBO DE OURO 2016

Bryce Howard Dallas – Sam Smith – Alicia Vinkader

======================================================================================

MOMENTOS HISTÓRICOS DO GLOBO DE OURO

Steve Carrell está indicado hoje, mas essa não é a primeira vez que ele vai ao Globo de Ouro. Em 2006, ele ganhou como ator de série cômica por The Office e fez um discurso engraçadíssimo.

======================================================================================


O APRESENTADOR DA NOITE

Ricky Gervais será o mestre de cerimônia do Globo de Ouro pela quarta vez. O comediante responsável pela versão inglesa da série “The Office” apresentou o prêmio em 2010, 2011 e 2012. Ele assume o lugar de Tina Fey e Amy Poehler, ambas responsáveis pela cerimônia nos últimos três anos (2013-2015). Vale ressaltar que a sua última participação em 2012, Gervais criou polêmica com suas piadas de cunho sexual e estilo irônico. Será que teremos uma outra apresentação politicamente incorreta hoje?

======================================================================================


DATAS DAS ESTREIAS DOS INDICADOS NOS CINEMAS BRASILEIROS

Mad Max – Estrada da Fúria – lançado em 14 de maio de 2015

A Espiã Que Sabia de Menos – lançado em 4 de junho de 2015

Perdido em Marte – lançado em 1º de outubro de 2015

Spotlight – Segredos Revelados – lançado em 7 de janeiro de 2016

Carol – lançamento em 14 de janeiro de 2016

A Grande Aposta – lançamento em 14 de janeiro de 2016

Joy – lançamento em 21 de janeiro de 2016

O Regresso – lançamento 4 de fevereiro de 2016

O Quarto de Jack – lançamento 18 de fevereiro de 2016

Descompensada – indefinida

=====================================================================================

MOMENTOS HISTÓRICOS DO GLOBO DE OURO

Renée Zellweger ganha o Globo de Ouro… mas estava no banheiro.

==================================================================================


WAGNER MOURA NO TAPETE VERMELHO DO GLOBO DE OURO!

=====================================================================================


VEJA A LISTA DE INDICADOS AO GLOBO DE OURO 2016:

Melhor Filme de Drama

Spotlight
Carol
O Regresso
O Quarto de Jack
Mad Max: Estrada da Fúria

Melhor Filme de Comédia/Musical

Joy
Perdido em Marte
A Grande Aposta
A Espiã Que Sabia de Menos
Descompensada

Melhor Diretor

Todd Haynes, por Carol
Tom McCarthy, po rSpotlight
Ridley Scott, por Perdido em Marte
George Miller, por Mad Max: Estrada da Fúria
Alejandro González Iñarritu, por O Regresso

Melhor Ator em Drama

Leonardo DiCaprio, por O Regresso
Bryan Cranston, por Trumbo
Eddie Redmayne, por A Garota Dinamarquesa
Michael Fassbender, por Steve Jobs
Will Smith, por Concussion

Melhor Atriz em Drama

Cate Blanchett, por Carol
Brie Larson, por O Quarto de Jack
Rooney Mara, por Carol
Saoirse Ronan, por Brooklyn
Alicia Vinkader, por A Garota Dinamarquesa

Melhor Ator em Comédia/Musical

Matt Damon, por Perdido em Marte
Steve Carell, por A Grande Aposta
Christian Bale, por A Grande Aposta
Mark Ruffalo
Al Pacino

Melhor Atriz em Comédia/Musical

Blythe Danner, por I’ll See You in My Dreams
Jennifer Lawrence, por Joy
Melissa McCarthy, por A Espiã Que Sabia de Menos
Amy Schumer, por Descompensada
Lily Tomlin, por Grandma

Melhor Ator Coadjuvante

Mark Rylance, por Ponte dos Espiões
Sylvester Stallone, por Creed
Idris Elba, por Beasts of No Nation
Michael Shannon, por 99 Holmes
Paulo Dano, por Love&Mercy

Melhor Atriz Coadjuvante

Jennifer Jason Leigh, por Os Oito Odiados
Helen Mirren, por Trumbo
Kate Winslet, por Steve Jobs
Alicia Vinkader, por Ex-Machina
Jane Fonda, por Youth

Melhor Roteiro

Spotlight
O Quarto de Jack
Os Oito Odiados
Steve Jobs
A Grande Aposta

Melhor Animação

Divertida Mente
Anomalisa
Snoopy e Charlie Brown: Peanuts, O Filme
Shaun, o Carneiro
O Bom Dinossauro

Melhor Trilha Sonora

Carol
Os Oito Odiados
Steve Jobs
A Garota Dinamarquesa
O Regresso

TELEVISÃO

Melhor Série de Drama
Empire
Game of Thrones
Mr. Robot
Narcos
Outlander

Melhor Série de Comédia
Casual
Mozart in the Jungle
Orange Is the New Black
Silicon Valley
Transparent
Veep

Melhor Filme para TV ou Minissérie
American Crime
American Horror Story: Hotel
Fargo
Flesh and Bone
Wolf Hall

Melhor Ator em Série de Drama
Jon Hamm, Mad Men
Rami Malek, Mr. Robot
Wagner Moura, Narcos
Bob Odenkirk, Better Call Saul
Liev Schreiber, Ray Donovan

Melhor Atriz Coadjuvante em Filme para TV ou Minissérie
Uzo Aduba, Orange is the New Black
Joanne Froggatt, Downton Abbey
Regina King, American Crime
Judith Light, Transparent
Maura Tierney, The Affair

Melhor Atriz de Série Cômica
Rachel Bloom, Crazy Ex Girlfriend
Jamie Lee Curtis, Scream Queens
Julia Louis Dreyfus, Veep
Gina Rodriguez, Jane the Virgin
Lilly Tomlin, Grace & Frankie

Melhor Ator Coadjuvante em Filme para TV ou Minissérie
Alan Cumming, The Good Wife
Damian Lewis, Wolf Hall
Ben Mendelson, Bloodline
Tobias Menzies, Outlander
Christian Slater, Mr. Robot

====================================================================================

golden+globe+statue+APSEJAM BEM-VINDOS!

Pelo terceiro ano seguido, o Cine Set realiza a cobertura em tempo real do Globo de Ouro 2016!

Caio Pimenta, Camila Henriques, Danilo Areosa e Lucas Jardim trazem informações e comentários sobre a premiação da Associação da Imprensa Estrangeira de Hollywood. Nas redes sociais, o comando da cobertura fica por conta de Gabriel Oliveira.

Preparem-se: o Globo de Ouro começou no Cine Set!

 

Facebook Comments