Lembra quando o presidente Jair Bolsonaro, no meio da pandemia da COVID-19 com mortes superiores a 1000 por dia, resolveu decretar que academias eram atividades essenciais? A surreal decisão parece saída do roteiro de “Subsolo”, animação satírica da dupla Erica Maradona e Otto Guerra, parceiros da série “Rocky e Hudson – Os Cowboys Gays”, com um olhar ácido sobre estes templos modernos da ‘boa saúde’. 

Com oito minutos de duração, o projeto gaúcho selecionado para a mostra competitiva de curtas-metragens nacionais mostra o dia a dia dentro de uma academia localizada ao lado de um restaurante. No local, somos testemunhas do culto ao corpo, do ridículo das atividades e do narcisismo dos professores e frequentadores, enquanto a gordura queimada se transforma em mais comida feita para engordar. 

“Subsolo” não chega a ser uma inovação ou trazer algo tão diferente ao estilo já conhecido de Otto Guerra com seus desenhos disformes, exagerados, ‘sujos’, lembrando mais “Wood & Stock: Sexo, Orégano e Rock n´Roll” do que “Até que a Sbórnia nos Separe”. Isso reforça o ridículo da situação repleto de personagens grotescos como o professor ultra musculoso com os mamilos saltando para fora da camisa de regata branca ou o físico franzino e barrigudo do sujeito que diz não entender como não emagrece ao ir todo o dia para a academia. 

Isso acaba servindo para a zoeira do ridículo das atividades da academia serem potencializadas ao máximo como a deliciosa aula de zumba, além das frases dignas de coaching de quinta categoria grudadas em cartazes do local. O roteiro de “Subsolo”, escrito por Maradona e Vinícius Perez, ainda tenta ampliar a discussão ao mostrar como tudo faz parte de um ciclo vicioso e interminável em que a saúde fica em último lugar diante da atual cultura alimentar nosso do dia a dia, porém, soa deslocado e um nível abaixo se comparado à sátira. 

Quem dera “Subsolo” fosse apenas uma visão distorcida pelo exercício normal de imaginação de um artista irônico como Otto Guerra, porém, vide os Stories nossos de cada dia, somente é a mais pura realidade de uma sociedade narcisista. 

‘O Peso do Talento’: comédia não faz jus ao talento de Nicolas Cage

Escute esta premissa: Nicolas Cage, ator atribulado de meia-idade, teme que sua estrela esteja se apagando; o telefone já não toca mais, as propostas se tornaram escassas e o outrora astro procura uma última chance de voltar aos holofotes com tudo. Vida real, você...

‘O Soldado que não Existiu’: fake news para vencer a guerra

Em 1995, Colin Firth interpretou o senhor Darcy na série da BBC que adaptou “Orgulho e Preconceito”, de Jane Austen. Dez anos depois, Matthew Macfadyen eternizou o personagem no filme de Joe Wright, tornando-se o crush de muitas jovens e adolescentes. John Madden...

‘@ArthurRambo: Ódio nas Redes’: drama sintetiza a cultura do cancelamento

A cultura do cancelamento permeia a internet às claras. Para o público com acesso  frequente, é impossível nunca ter ouvido falar sobre o termo. Vivemos o auge da exposição virtual e como opera a massificação para que os tais alvos percam - merecidamente - ou não -...

‘Águas Selvagens’: suspense sofrível em quase todos aspectos

Certos filmes envolvem o espectador com tramas bem desenvolvidas, deixando-nos mais e mais ansiosos a cada virada da história; outros, apresentam personagens tão cativantes e genuínos que é impossível que não nos afeiçoemos por eles. Mas existe também uma categoria...

‘Ambulância – Um Dia de Crime’: suco do cinema de ação dos anos 2000

Vou começar com uma analogia, se me permitem. Hoje em dia, o ritmo e consumo de coisas estão rápidas e frenéticas. Com o Tik Tok e plataformas similares, esse consumo está ainda mais dinâmico (e isso não é um elogio) e a demanda atende às exigências do mercado. A...

‘Eduardo e Mônica’: para deixar Renato Russo orgulhoso

Se há algo que é difícil de ser respeitado no mundo cinematográfico atual é a memória e o legado do artista. Por isso, ver o legado de Renato Russo e da Legião Urbana sendo absorvido pelo cinema com um grau de respeito e seriedade acaba por fazer a situação inusitada,...

‘Doutor Estranho no Multiverso da Loucura’: barreiras da Marvel travam Sam Raimi

“Doutor Estranho no Multiverso da Loucura” apresenta uma das suas passagens mais interessantes quando o protagonista (Benedict Cumberbatch) e America Chavez (Xochitl Gomez) cruzam uma série de mundos em poucos segundos. De universos mais sombrios aos realistas até...

‘Cidade Perdida’: um estranho no ninho dos blockbusters

É mesmo surpreendente uma atriz como Sandra Bullock ainda não ter protagonizado um filme de super-herói. A atriz de 57 anos, conhecida pela filmografia repleta de comédias e até mesmo filmes de ação, afirmou que chegou perto de estrelar um longa produzido por Kevin...

‘Pureza’: história impressionante vira filme raso e óbvio

Inspirado em uma história real, “Pureza” retrata a história de uma mulher homônima, interpretada por Dira Paes, na incessante busca por encontrar e libertar o filho. O jovem Abel (Matheus Abreu) saiu de casa na esperança de conseguir trabalho no garimpo, mas some sem...

‘The Humans’: um jantar de Ação de Graças sobre ausências

“The Humans” é a adaptação da peça de teatro homônima de Stephen Karam, premiada com o Tony de melhor peça em 2016. A história serve de début para o dramaturgo como diretor de filmes. Nela acompanhamos o jantar de Ação de Graças de uma família no novo apartamento da...