Lembra quando o presidente Jair Bolsonaro, no meio da pandemia da COVID-19 com mortes superiores a 1000 por dia, resolveu decretar que academias eram atividades essenciais? A surreal decisão parece saída do roteiro de “Subsolo”, animação satírica da dupla Erica Maradona e Otto Guerra, parceiros da série “Rocky e Hudson – Os Cowboys Gays”, com um olhar ácido sobre estes templos modernos da ‘boa saúde’. 

Com oito minutos de duração, o projeto gaúcho selecionado para a mostra competitiva de curtas-metragens nacionais mostra o dia a dia dentro de uma academia localizada ao lado de um restaurante. No local, somos testemunhas do culto ao corpo, do ridículo das atividades e do narcisismo dos professores e frequentadores, enquanto a gordura queimada se transforma em mais comida feita para engordar. 

“Subsolo” não chega a ser uma inovação ou trazer algo tão diferente ao estilo já conhecido de Otto Guerra com seus desenhos disformes, exagerados, ‘sujos’, lembrando mais “Wood & Stock: Sexo, Orégano e Rock n´Roll” do que “Até que a Sbórnia nos Separe”. Isso reforça o ridículo da situação repleto de personagens grotescos como o professor ultra musculoso com os mamilos saltando para fora da camisa de regata branca ou o físico franzino e barrigudo do sujeito que diz não entender como não emagrece ao ir todo o dia para a academia. 

Isso acaba servindo para a zoeira do ridículo das atividades da academia serem potencializadas ao máximo como a deliciosa aula de zumba, além das frases dignas de coaching de quinta categoria grudadas em cartazes do local. O roteiro de “Subsolo”, escrito por Maradona e Vinícius Perez, ainda tenta ampliar a discussão ao mostrar como tudo faz parte de um ciclo vicioso e interminável em que a saúde fica em último lugar diante da atual cultura alimentar nosso do dia a dia, porém, soa deslocado e um nível abaixo se comparado à sátira. 

Quem dera “Subsolo” fosse apenas uma visão distorcida pelo exercício normal de imaginação de um artista irônico como Otto Guerra, porém, vide os Stories nossos de cada dia, somente é a mais pura realidade de uma sociedade narcisista. 

‘Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge’ e um herói para inspirar o coletivo

Vamos responder logo de cara: Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge, o último filme da bat-trilogia do diretor Christopher Nolan, é o pior dos três? É. É um filme com problemas? Sim. Mas é um filme ruim? Longe disso. Na verdade, quando Nolan foi concluir sua...

‘Spencer’: Kristen Stewart luta em vão contra filme maçante

Em "Spencer", Kristen Stewart se junta ao clube de atrizes - que inclui Naomi Watts (“Diana”) e Emma Corrin (“The Crown”) - que se lançaram ao desafio de retratar a Princesa Diana. A atriz traz uma energia caótica à personagem e a coloca no caminho de uma quase certa...

‘O Garoto Mais Bonito do Mundo’ e o dilema da beleza

Morte em Veneza, o filme do diretor italiano Luchino Visconti lançado em 1971 e baseado no livro de Thoman Mann, é sobre um homem tão apaixonado, tão obcecado pela beleza que presencia diariamente, que acaba destruindo a si próprio por causa disso. E essa beleza, no...

‘Venom: Tempo de Carnificina’: grande mérito é ser curto

Se alguém me dissesse que existe um filme com Tom Hardy, Michelle Williams, Naomie Harris e Woody Harrelson, eu logo diria que tinha tudo para ser um filmaço, porém, estamos falando de “Venom: Tempo de Carnificina” e isso, infelizmente, é autoexplicativo. A...

‘A Casa Sombria’: ótimo suspense de desfecho duvidoso

Um dos grandes destaques do Festival de Sundance do ano passado, "A Casa Sombria", chegou aos cinemas brasileiros após mais de um ano de seu lançamento. Sob a direção de David Bruckner (responsável por dirigir o futuro reboot de "Hellraiser"), o longa é um bom exemplo...

‘Free Guy’: aventura mostra bom caminho para adaptação de games

Adaptar o mundo dos jogos para as telonas é quase uma receita fadada ao fracasso. Inúmeros são os exemplos: "Super Mario Bros", "Street Fighter", "Tomb Raider: A Origem" e até o mais recente "Mortal Kombat" não escapou de ser uma péssima adaptação. Porém, quando a...

‘A Taça Quebrada’: a angustiante jornada de um fracassado

Não está fácil a vida de Rodrigo: músico sem grande sucesso, ele não aceita a separação da esposa ocorrida há dois anos (sim, 2 anos!) muito menos o novo relacionamento dela, além de sofrer com a distância do filho e de ver o trio morar na casa que precisou deixar. E...

‘Halloween Kills: O Terror Continua’: fanservice não segura filme sem avanços

Assim como ocorreu com Halloween (2018), a sensação que se tem ao final da sua sequência, Halloween Kills: O Terror Continua, é de... decepção. O filme dirigido por David Gordon Green que reviveu a icônica franquia de terror no aniversário de 40 anos do clássico...

‘Flee’: a resiliência de um refugiado afegão em animação brilhante

A vida de um refugiado é o foco de "Flee", filme exibido no Festival de Londres deste ano depois de premiadas passagens nos festivais de Sundance (onde estreou) e Annecy. A produção norueguesa é uma tocante história de sobrevivência que transforma um passado...

‘Batman: O Cavaleiro das Trevas’, o filme que mudou Hollywood

Em 2008, dois filmes mudaram os rumos de Hollywood. Foi o ano em que o cinema de super-heróis passou para o próximo nível e espectadores pelo mundo todo sentiram esse abalo sísmico. O Marvel Studios surgiu com Homem de Ferro, um espetáculo divertido, ancorado por...