O cinema amazonense ganha destaque, nesta quinta-feira (21), na Universidade Federal do Amazonas. A I Mini-Mostra de Curtas LGBT+ Amazonenses será realizada a partir das 13h no Centro de Convivência, localizado no setor norte da instituição. A entrada é gratuita.

Serão exibidos quatro filmes:

Filme: “When I Get Home”

Direção: Aldemar Matias

Sinopse: Documentário traz o drama de Luís e Tomás, um casal cubano que divide uma casa em Havana e relembra causos de seus 28 anos de convivência.

Filme: Amém

Direção: Bernardo Ale Abinader

Sinopse: Diego Leonardo e Emerson Nascimento vivem dois pastores que se vêem parados numa estrada após um defeito no carro em que andavam. A situação pode ou não ter sido premeditada por André (Leonardo), mas este a usa para colocar Renato (Nascimento) contra a parede, numa série de confrontamentos que a princípio parecem ser sobre uma suspeita envolvendo Renato e a esposa de André (Caroline Nunes), mas que na verdade tem a ver com algo mais profundo entre os dois.

Filme: Desiderium

Direção: Arthur Charles

Sinopse: Produção experimental sobre um triângulo amoroso com ecos do surrealismo de Buñuel.

Crítica AM: Até Que a Última Luz Se Apague, com Arnaldo Barreto

Filme: Até que a Última Luz se Apague

Direção: Williams Ferry

Sinopse: Filme protagonizado por Leka (Arnaldo Barreto), artista transformista homossexual que, em seu quarto, lida sozinha com a angústia e a paranoia diante do surgimento da AIDS nos anos 80.

Facebook Comments