Com foco na resistência do cinema brasileiro em meio ao desmonte promovido pelo governo Bolsonaro, o Santos Film Fest – Festival Internacional de Cinema de Santos inicia a quinta edição a partir desta terça-feira (29) até 6 de outubro. Maior evento do gênero no litoral paulista se adaptou às mudanças promovidas pela pandemia da COVID-19 e trará todos os quase 70 filmes online e gratuitamente, entre curtas e longas-metragens, inéditos e de mostras retrospectivas, através da plataforma Videocamp. Alguns filmes também serão exibidos no YouTube. 

Inicialmente, o festival celebraria os 25 anos da Retomada do Cinema Brasileiro, porém, o panorama político mudou o tema do evento, agora, intitulado “De Retomada à Retomada: Resistiremos!”. “São épocas parecidas. No início dos anos 1990, com o fechamento da Embrafilme, o cinema brasileiro praticamente não produziu. E depois voltou fortalecido. Agora, vivemos um período que remete àqueles tempos”, detalha Paula Azenha, diretora do festival. “O cinema brasileiro e, a arte do país em geral, sempre perseveram e superam as dificuldades”, diz.

O Santos Film Fest ainda irá homenagear Paulo Betti e Sérgio Rezende com a exibição de “Lamarca” (1994). O ator ainda receberá o Troféu Luciano Quirino. De sua carreira cinematográfica, além de “Lamarca” (1994), serão exibidos “Cafundó” (2005), dirigido por Paulo e Clóvis Bueno, e “A Fera na Selva” (2017), estrelado e dirigido por Paulo ao lado de Eliane Giardini e Lauro Escorel. Este último filme foi um dos destaques na edição de 2018 do Santos Film Fest. Cada um dos três longas terá uma sessão, cujas data e horário serão anunciadas nos próximos dias.  

Já o diretor será homenageado por sua trajetória como diretor e por sua contribuição ao cinema nacional. Ambos participarão de lives no dia da abertura, 29 de setembro, bem como a diretora e atriz Julia Katharine, que receberá o Troféu Ondina Clais. 

“Paulo tem uma longa carreira e uma ligação especial com Santos, trabalhou junto de grandes artistas do município. Sergio filmou biografias de nomes importantes da nossa história, E Julia é das cineastas e artistas de cinema de mais destaque da nova geração. Assim celebramos profissionais de destaque de diferentes épocas”, ressalta André.

MOSTRA COMPETITIVA

A mostra competitiva nacional/internacional contará com 10 curtas-metragens (incluindo um de Portugal) e 10 longas-metragens (com uma coprodução Brasil/Holanda. As sessões ocorrerão na Plataforma Videocamp (www.videocamp.com). Do território nacional há obras produzidas em estados como Bahia, São Paulo, Rio de Janeiro, Goiás, Minas Gerais, Ceará, Distrito Federal, Paraná e Pernambuco. Os curtas ficarão disponíveis em tempo integral, durante todos os dias do festival, de 29 de setembro até a manhã 6 de outubro. Já os longas terão duas exibições cada um, sempre às 19h e às 21h (a partir de 30 de setembro), com reprises no dia seguinte, respectivamente às 13h e às 15h. 

O júri que definirá os melhores filmes e direções é composto pelo professor Wanderley Camargo (coordenador dos cursos de Publicidade e Cinema da UniSantos), o Professor Doutor Jamer Guterres de Mello (da Pós-Graduação da Universidade Anhembi Morumbi), e a diretora e atriz Julia Katharine. 

Pela primeira vez, o Santos Film Fest terá uma mostra voltada especialmente à produção audiovisual da Baixada Santista, que antes se mesclava aos filmes vindos de outras localidades. A opção se deu ao bom número de filmes inscritos. Serão exibidos seis curtas-metragens. Os jurados que definirão o melhor filme e o melhor trabalho de direção é formado pelo cineasta e ator Eduardo Ferreira, pelo professor e crítico de cinema Eduardo Cavalcanti (da UniSantos) e pela produtora e atriz Liz Reis. Os seis curtas ficarão disponíveis em tempo integral no festival até a manhã de 6 de outubro no Videocamp. As obras são oriundas de Santos e Praia Grande.

CONFIRA A SELEÇÃO DOS FILMES DA MOSTRA

Mostra Competitiva Longas

– “Nossa Bandeira Jamais Será Vermelha” (SP), de Pablo Lopes Guelli
– “Servidão” (RJ), de Renato Barbieri
– “Como Vivem os Bravos” (CE), de Daniell Abrew
– “Hotel Mundial” (GO), de Jarleo Barbosa
– “Nós, que Ficamos” (PE), de Eduardo Monteiro
– “O Buscador” (RJ, drama, de Bernardo Barreto
– “O Samba é Primo do Jazz” (RJ), de Angela Zoé
– “Um Presente À Prova de Futuro” (Brasil/Holanda), de Eduardo Rajabally
– “Eletronicamentes” (SP), de Dácio Pinheiro, Denis Giacobelis e Paulo Beto
– “InVisíveis – Pedal Cidadão & Outras Histórias” (RJ), de Léo Miguel)

Mostra Humanidades

– “A Cor Branca” (MG), de Afonso Nunes
– “IMO” (MG), de Bruna Schelb Corrêa
– “Lisergia Clássica” (SP), de Jaime Vipúdes
– “Não Tem Arrego” (GO), de Gabriel Vilela e José Eduardo
– “Rosa Vênus” (RJ), de Marcela Morê
– “Selvagem” (SP), de Diego da Costa
– “Tranças” (BA), de Lívia Sampaio

Mostra Competitiva de Curtas

-“Ângela” (MG), de Marília Nogueira
– “Antes que Seja Tarde” (SP), de Leandro Goddinho
– “As Viajantes” (SP), de Davi Mello
– “No Oco do Tempo” (SP) de Antônio Fargoni
– “Seremos Ouvidas” (PR), de Larissa Nepomuceno
– Sofia (Portugal), de Filipe Ruffato e Gonçalo Viana
– “Surpresas” (SP) de Flávio Colombini
– “Um dia Frio” (PR), de Victor Percy
– “Luis Humberto: O Olhar Possível” (DF), de Mariana Costa e Rafael Lobo
– “NC5 Contra A Lei do Impedimento” (RJ), de Lúcio Branco

Mostra Regional Baixada Santista

– “Projeção” (Praia Grande), de Thomas Aguina
– “Vila dos Pescadores “ (Santos), de Cintia Neli da Silva Inacio e Geovanne Rafael
– “Blandina” (Santos), de Arthur Micheloto
– “Mar-celo” (Santos), de Arthur Lotto
– “Jeitinho Brasileiro” (Santos), de Dayana Santos e Luana Marques
– “Mulheres de Fé” (Santos), de Bruna Santos e Dalila Ramos

SESSÕES INFORMATIVAS

Três Vezes Paulo Betti

– “A Fera na Selva”, de Paulo Betti, Eliane Giardini e Lauro Escorel (diretor e protagonista)
– “Lamarca”, de Sérgio Rezende protagonista)
– “Cafundó”, de Paulo Betti e Clóvis Bueno (diretor)

Especial Julia Katharine

– “Lembro Mais dos Corvos”, de Gustavo Vinagre

Momentos do Santos Film Fest

 – “Receita Para a Felicidade: O Homem, o Cão e o Salto”, de Delson Mattos Gomes (documentário inaugural da 1ª edição do festival)
– “A Mais Briosa – Um Amor 100 Divisão”, de Guilherme Bernardo (longa documental vencedor do voto popular no 3º Santos Film Fest)
– “O Coringa do Cinema”, de Sérgio Kieling (longa documental vencedor do voto popular e do júri de melhor longa no 4º Santos Film Fest)

‘Tenet’ em Manaus: cinemas iniciam vendas de ingressos

Esperança dos exibidores ao redor do planeta para trazer o público de volta para os cinemas, "Tenet" chega ao Brasil no próximo dia 29 de outubro. Em Manaus, todos os complexos reabertos - Centerplex, Cinépolis, Kinoplex, Playarte e UCI - já iniciaram as vendas de...

‘Os Novos Mutantes’ chega aos cinemas de Manaus nesta quinta-feira

Os cinemas de Manaus recebem, nesta quinta-feira (22), o primeiro dos blockbusters depois de três meses da reabertura. O escolhido é "Os Novos Mutantes", novo longa da franquia "X-Men". A produção dirigida por Josh Boone, aliás, viveu uma série de adiamentos para...

Olhar do Norte: conheça os selecionados para a Mostra Olhar da Pandemia

Previsto para acontecer entre os dias 5 e 7 de dezembro em formato online e com parceria do Cine Set, o Festival Olhar do Norte 2020 divulgou a lista de produções selecionadas para a Mostra Olhar da Pandemia. Ao todo, são 14 curtas-metragens gravados a partir de março...

Dois filmes representam o Amazonas no Encontro de Cinema Negro Zózimo Bulbul

Previsto para acontecer entre os dias 21 a 30 de outubro, o tradicional Encontro de Cinema Negro Zózimo Bulbul: Brasil, África, Caribe e Outras Diásporas chega a 13a edição em 2020 com tempero amazonense. O Estado estará representado por "A Estranha velha que...

Em Manaus, festival universitário de audiovisual abre inscrições para edição 2020

Das boas iniciativas surgidas em 2019 no audiovisual amazonense, o Pirarucurta chega à segunda edição neste ano apostando em atividades e mostras online por conta da pandemia da COVID-19. Previsto para acontecer entre os dias 18 e 19 de novembro, o festival...

Cinemas de Manaus recebem Festival Christopher Nolan nesta semana

Amado e odiado na mesma intensidade por cinéfilos e críticos do mundo inteiro, Christopher Nolan é a aposta dos cinemas brasileiros para trazer os públicos de volta às salas. A partir desta quinta-feira (15), os complexos de Manaus recebem um festival com os grandes...

Cine Ceará seleciona amazonense ‘O Barco e Rio’ para mostra competitiva

O Cine Ceará 2020 terá o amazonense "O Barco e o Rio" na mostra competitiva nacional de curtas-metragens. A produção dirigida por Bernardo Ale Abinader é o único representante da Região Norte do Brasil no evento previsto para acontecer em formato presencial e online...

‘Manaus Hot City’ representa cinema do Norte do Brasil no Festival de Vitória

Depois de participar do Festival Internacional de Curtas-Metragens de São Paulo em julho deste ano, “Manaus Hot City” emplaca uma nova participação em um importante evento do circuito brasileiro de festivais. O filme dirigido por Rafael Ramos (“A Segunda Balada”, “A...

Festival Internacional de Mulheres no Cinema abre inscrições para ‘Programa Mentorias’

Criar oportunidades de intercâmbio e desenvolvimento para novos talentos femininos do audiovisual. Esta é a missão do 'Programa Mentorias', atração da segunda edição do Festival Internacional de Mulheres no Cinema. A iniciativa selecionará dez projetos de...

Cine Set inicia cobertura do Festival de Londres e do Olhar de Cinema 2020

Outubro será intenso no Cine Set: a partir desta quinta-feira (8), o site de cinema produzido em Manaus inicia a cobertura de dois grandes festivais de cinema aqui no site e no Instagram. O primeiro é o Festival de Londres 2020 com o nosso correspondente...