Caio Pimenta analisa os resultados do PGA e WGA, respectivamente, os prêmios dos sindicatos dos Produtores e Roteiristas para o Oscar 2021. 

SINDICATO DOS PRODUTORES

O PGA Awards, prêmio do Sindicato dos Produtores dos EUA, é um evento fundamental na temporada de premiações. Afinal de contas, o histórico dele bate muito com o do Oscar. 

Criado em 1990, o PGA Awards viu o vencedor de Melhor Filme repetir o feito no Oscar em 21 vezes. Isso inclui desde os primeiros ganhadores como “Conduzindo Miss Daisy”, “Dança com Lobos” e “O Silêncio dos Inocentes” passando pelos oito anos em que os resultados coincidiram de “Onde os Fracos não têm vez” a “Birdman” até os recém-premiados “A Forma da Água” e “Green Book”. No ano passado, porém, o PGA foi de “1917”, enquanto a Academia ficou com “Parasita”. 

Em 2021, o PGA escolheu “Nomadland” como Melhor Filme do ano em cerimônia realizada no último dia de 24 de março. Essa conquista apenas reforça o quanto a produção da Chloé Zhao é o candidato a ser batido nesta temporada de premiações. Aqui, no Cine Set, eu já citei os motivos que levam o longa a ser o favorito para o Oscar 2021 e essa vitória sacramenta essa força. 

Apesar de não sido elegível no WGA Awards e estar fora de Melhor Elenco no SAG, “Nomadland” é a produção que não apenas tem um grande carinho de parte da indústria como também não desperta maiores antipatias. Isso é algo decisivo para corridas de sistemas de listas preferenciais como o Oscar e o próprio PGA. O projeto da Searchlight Pictures deve figurar quase sempre nas primeiras posições. 

Levando em consideração que Chloé Zhao também deve vencer o DGA, o prêmio do Sindicato dos Diretores, “Nomadland” pode chegar ao Oscar repetindo uma dobradinha vista pela última vez com “Birdman”, em 2015. 

SINDICATO DOS ROTEIRISTAS

O prêmio do Sindicato dos Roteiristas aconteceu no último dia 21 de março e teve resultados surpreendentes. 

Emerald Fennell, de “Bela Vingança”, passou na frente do Aaron Sorkin, de “Os Sete de Chicago”, e venceu Melhor Roteiro Original. Já “Borat 2” ganhou dos favoritos “A Voz Suprema do Blues” e “Uma Noite em Miami” em Melhor Roteiro Adaptado. 

Aqui, o impacto para o Oscar é mais difuso do que do Sindicato dos Produtores. O WGA, por exemplo, exige que os roteiristas sejam membros da entidade para concorrerem ao prêmio.  

Desta forma, muitos candidatos em potencial acabam ficando de fora por não terem esta filiação, como ocorreu com o Tarantino em anos anteriores. Em 2021, as ausências maiores foram de “Nomadland” em Roteiro Adaptado e “Minari” entre os originais. 

Quanto aos resultados, em Roteiro Adaptado, a vitória de “Borat 2” demonstra como o filme da Chloé Zhao deve reinar como favorito no Oscar. Acho improvável demais que a comédia com o Sacha Baron Cohen repita o feito na Academia. Talvez quem mais ameace “Nomadland” seja “Meu Pai”, adaptação da peça do diretor Florian Zeller e que também não esteve indicado no WGA. 

Já em Roteiro Original, ali temos um fato mais relevante. 

A vitória de “Bela Vingança” mostra como a produção cresceu na disputa. Afinal, “Os Sete de Chicago” com a força de Aaron Sorkin surgia como favorito desde o início da temporada de premiações em Roteiro Original. O contexto feminista do filme de Emerald Fennell casa com um Oscar em que esta temática ganha protagonismo pesado.  

A indicação da Fennell em Direção no Oscar no lugar do Sorkin e a vitória no WGA mostram como “Bela Vingança” não apenas passou “Os Sete de Chicago” como se coloca hoje, junto com “Minari”, como os rivais para impedir o impossível: a vitória de “Nomadland” em Melhor Filme. 

Oscar 2021: Quais Deveriam ser os Ganhadores? – Parte 2

Caio Pimenta segue analisando quais deveriam ser os ganhadores do Oscar em nove categorias, incluindo Melhor Filme e atuações. https://www.youtube.com/watch?v=hL7kLULHAd8 DOCUMENTÁRIO E ANIMAÇÕES Entre os documentários em longas-metragens, meu favorito é o chileno “O...

Oscar 2021: Quais Deveriam ser os Ganhadores? – Parte 1

Caio Pimenta analisa quais deveriam ser os ganhadores do Oscar em nove categorias, incluindo Melhor Direção e roteiros. https://www.youtube.com/watch?v=HhiLEu6vciY CURTA E SOM Vamos começar com os curtas de ficção.    O meu favorito é o israelense “White Eye” seguido...

Oscar: TOP 10 Maiores Momentos da Década 2010

De Leonardo DiCaprio a Lady Gaga, Caio Pimenta apresenta uma lista com os 10 momentos mais marcantes do Oscar na década de 2010.  https://www.youtube.com/watch?v=HZm_rdBu7d8 10. RUTH E. CARTER E HANNAH BEACHLER  https://www.youtube.com/watch?v=bw_n6O0d46k...

Oscar 2021: Qual filme tem mais chance de surpreender “Nomadland”?

Grandes rivalidades marcaram muitos anos do Oscar.  Quem não lembra dos duelos de “E o Vento Levou” e “O Mágico de Oz” ou “A Malvada” versus “Crepúsculo dos Deuses”, “A Noviça Rebelde” contra “Doutor Jivago”, “O Poderoso Chefão” versus “Cabaret”, “Kramer Vs Kramer”...

SAG 2021: ‘Os Sete de Chicago’ vence Melhor Elenco e ganha força para o Oscar

Apesar de uma lista repleta de diversidades, o SAG 2021 de Melhor Elenco foi para uma produção de maioria branca com “Os Sete de Chicago”. https://www.youtube.com/watch?v=dh-sPpPXQ0E O filme traz gigantes como Michael Keaton, Eddie Redmayne, Sacha Baron Cohen,...

SAG 2021: Viola Davis mostra força e vence em Melhor Atriz

Até tentaram tirar o protagonismo do filme dela, mas, Viola Davis é tão forte que cá está conquistando o prêmio de Melhor Atriz do SAG 2021 por "A Voz Suprema do Blues". Este é o segundo prêmio da estrela no evento: a primeira aconteceu em 2012 com “Histórias...

SAG 2021: Chadwick Boseman segue imbatível e vence Melhor Ator

A maior barbada do SAG 2021 se confirmou: Chadwick Boseman leva o prêmio de Melhor Ator por “A Voz Suprema do Blues”. Este é o primeiro troféu póstumo da categoria. https://www.youtube.com/watch?v=lyWyv6fYmQ8 Vale lembrar que o Chadwick já venceu o Globo de Ouro e o...

SAG 2021: destaque de ‘Minari’, Yun-Jung Youn vence Melhor Atriz Coadjuvante

Yun-Jung Youn. Vencedora de Melhor Atriz Coadjuvante por “Minari”, ela é a primeira mulher vencedora de um SAG no cinema por um filme não falado em inglês. Entre os homens, o feito ficou por conta do Roberto Benigni, em 1999, por “A Vida é Bela”. ...

SAG 2021: Daniel Kaluuya mantém domínio e vence Melhor Ator Coadjuvante

Depois de levar o Globo de Ouro e o Critics Choice Awards, chegou a hora de Daniel Kaluuya conquistar o SAG 2021. Ele venceu Melhor Ator Coadjuvante por “Judas e o Messias Negro”.  https://www.youtube.com/watch?v=zgKyo_vtBWw Dividindo o protagonismo com...

Oscar 2021: As Cinco Categorias Mais Disputadas da Temporada

Caio Pimenta analisa quais são as cinco categorias mais indefinidas da disputa pelo Oscar 2021 e as possibilidades dos indicados.  https://www.youtube.com/watch?v=moG6OZ3IQ4Q CANÇÃO ORIGINAL  A categoria traz “Speak Now”, de “Uma Noite em Miami”, “Fight for You”, de...